Blitze passa a revistar carros e ônibus na busca de armas após Chacina

MEDIDA DE SEGURANÇA

Blitze passa a revistar carros e ônibus na busca de armas após Chacina do Benfica

A determinação do governador Camilo Santana, após a chacina do Benfica, é de que blitze como essas sejam intensificadas

Por TV Jangadeiro em Jornal Jangadeiro

16 de março de 2018 às 07:15

Há 1 ano
revista ônibus

O objetivo é levar mais segurança aos moradores (FOTO: Reprodução TV Jangadeiro)

Após a chacina que vitimou sete pessoas no bairro Benfica, a cúpula de segurança pública, junto ao Governo do Estado e a Prefeitura de Fortaleza, definiu ações de combate à violência.

No bairro Moura Brasil, policiais revistam carros particulares e passageiros dos coletivos que passam pelo local. A determinação do governador Camilo Santana, após a Chacina do Benfica, é de que blitze como essas sejam intensificadas na Capital. O objetivo é apreender armas e drogas.

Elas aconteceram todos os dias, em pontos diferentes da cidade. Vinte e duas equipes do Raio também devem reforçar o policiamento em Fortaleza.

Entre as hipóteses levantadas pelas investigações da chacina do Benfica está a de que os ataques teriam sido motivados pela apreensão de armas e munições que pertenciam a um traficante, membro de uma facção criminosa.

A polícia teria encontrado o material com a ajuda de homens que pertenciam a Torcida Uniformizada do Fortaleza. As mortes seriam, então, uma forma de vingança. Os suspeitos foram identificados com a ajuda de um sistema integrado de informações, que permite o acompanhamento da circulação de veículos por meio das placas.

Confira mais detalhes na matéria do Jornal Jangadeiro, da TV Jangadeiro/SBT:

Publicidade

Dê sua opinião

MEDIDA DE SEGURANÇA

Blitze passa a revistar carros e ônibus na busca de armas após Chacina do Benfica

A determinação do governador Camilo Santana, após a chacina do Benfica, é de que blitze como essas sejam intensificadas

Por TV Jangadeiro em Jornal Jangadeiro

16 de março de 2018 às 07:15

Há 1 ano
revista ônibus

O objetivo é levar mais segurança aos moradores (FOTO: Reprodução TV Jangadeiro)

Após a chacina que vitimou sete pessoas no bairro Benfica, a cúpula de segurança pública, junto ao Governo do Estado e a Prefeitura de Fortaleza, definiu ações de combate à violência.

No bairro Moura Brasil, policiais revistam carros particulares e passageiros dos coletivos que passam pelo local. A determinação do governador Camilo Santana, após a Chacina do Benfica, é de que blitze como essas sejam intensificadas na Capital. O objetivo é apreender armas e drogas.

Elas aconteceram todos os dias, em pontos diferentes da cidade. Vinte e duas equipes do Raio também devem reforçar o policiamento em Fortaleza.

Entre as hipóteses levantadas pelas investigações da chacina do Benfica está a de que os ataques teriam sido motivados pela apreensão de armas e munições que pertenciam a um traficante, membro de uma facção criminosa.

A polícia teria encontrado o material com a ajuda de homens que pertenciam a Torcida Uniformizada do Fortaleza. As mortes seriam, então, uma forma de vingança. Os suspeitos foram identificados com a ajuda de um sistema integrado de informações, que permite o acompanhamento da circulação de veículos por meio das placas.

Confira mais detalhes na matéria do Jornal Jangadeiro, da TV Jangadeiro/SBT: