Homem que teve 51 filhos com 18 mulheres demonstra 'vitalidade cearense'


Homem que teve 51 filhos com 18 mulheres demonstra ‘vitalidade cearense’

Veja detalhes no vídeo do Gente na TV

Por Renato Ferreira em Gente na TV

13 de agosto de 2014 às 16:01

Há 5 anos

Muita gente conhece o Ceará por seu povo honesto e muito fértil. Em Pacajus, Região Metropolitana de Fortaleza, o cearense Franciné, de 80 anos, tem em suas contas 51 filhos, que teve com 18 mulheres. Atualmente ele vive uma relação com três esposas, e uma delas estima que ele deva ter 70 filhos, já que desconhece vários outros.

“Ao total são 51 filhos. Morreu 14, tem 37. Quem vive sem trabalhar não faz nada e se acabando pros filhos. Desde os seis anos eu trabalho todo dia”, conta o pai dos 51.

Uma das esposas, questionada sobre o casamento com outras duas mulheres pontua que não existem ciúmes. Além delas serem irmãs, ele as trata com carinho e diz que só se separará quando Deus quiser.

Franciné ainda humoriza e diz que não existe um tipo de mulher preferida. “É a hora da ‘precisão’. Se tem precisão, me arranjo com uma”.

Assista:

[uol video=”https://mais.uol.com.br/view/15159638″]

Veja outros vídeos do Gente na TV.

Publicidade

Dê sua opinião

Homem que teve 51 filhos com 18 mulheres demonstra ‘vitalidade cearense’

Veja detalhes no vídeo do Gente na TV

Por Renato Ferreira em Gente na TV

13 de agosto de 2014 às 16:01

Há 5 anos

Muita gente conhece o Ceará por seu povo honesto e muito fértil. Em Pacajus, Região Metropolitana de Fortaleza, o cearense Franciné, de 80 anos, tem em suas contas 51 filhos, que teve com 18 mulheres. Atualmente ele vive uma relação com três esposas, e uma delas estima que ele deva ter 70 filhos, já que desconhece vários outros.

“Ao total são 51 filhos. Morreu 14, tem 37. Quem vive sem trabalhar não faz nada e se acabando pros filhos. Desde os seis anos eu trabalho todo dia”, conta o pai dos 51.

Uma das esposas, questionada sobre o casamento com outras duas mulheres pontua que não existem ciúmes. Além delas serem irmãs, ele as trata com carinho e diz que só se separará quando Deus quiser.

Franciné ainda humoriza e diz que não existe um tipo de mulher preferida. “É a hora da ‘precisão’. Se tem precisão, me arranjo com uma”.

Assista:

[uol video=”https://mais.uol.com.br/view/15159638″]

Veja outros vídeos do Gente na TV.