Polícia prende homem que fazia armas artesanais para facção em Fortaleza

VERDADEIRO ARSENAL

Polícia prende homem que fazia armas artesanais para facção em Fortaleza

Airton Patrício de Aquino, de 67 anos, foi autuado em flagrante na oficina em que trabalhava como torneiro mecânico, no Mondubim

Por TV Jangadeiro em Segurança Pública

5 de setembro de 2018 às 11:55

Há 10 meses
Airton Patrício, armeiro

Airton Patrício de Aquino foi preso enquanto fabricava uma arma. (FOTO: Divulgação/Polícia Civil)

Após denúncia, a polícia prendeu torneiro mecânico que trabalhava como armeiro para uma facção. Airton Patrício de Aquino, de 67 anos, foi autuado em flagrante no estatuto do desarmamento e por organização criminosa. Com ele, foram encontrados fuzil, metralhadoras, silenciadores e munição. O 8ºDP, no bairro José Walter, em Fortaleza, trabalha no caso. Com informações do Barra Pesada.

Trabalhando como torneiro mecânico, Airton possui maquinário diverso no estabelecimento, localizado na Av. Presidente Costa e Silva, no Mondubim. Após denúncia, a polícia deflagrou a ação na tarde desta segunda-feira e constatou que ele também fabricava de forma artesanal e adaptava armas.

No momento da abordagem da polícia, ele estava fabricando o cano de uma 12. Na busca dada no local, foram encontrados um fuzil 762, metralhadoras artesanais, várias armas adaptadas, além de silenciadores e muita munição.

“Ele negou, mas com a apreensão desse material aí, a gente teve a certeza. Ele só confirmou no interrogatório que quem chegasse no estabelecimento dele, sendo policial ou criminoso, para ele não interessava. O que interessava era ele fazer o serviço e receber o pagamento”, explicou o titular do 8º DP, Breno Fontenele.

Airton foi autuado no artigo 16 do estatuto do desarmamento por posse irregular de munição e arma de grosso calibre restrito e também no artigo 2 da lei de organização criminosa, pois ele dava suporte para a facção fornecendo material e fabricando acessórios. O material de produção dar armas ficava escondido dentro do maquinário.

Confira a reportagem completa no Barra Pesada, às 12h10, na TV Jangadeiro/SBT.

Publicidade

Dê sua opinião

VERDADEIRO ARSENAL

Polícia prende homem que fazia armas artesanais para facção em Fortaleza

Airton Patrício de Aquino, de 67 anos, foi autuado em flagrante na oficina em que trabalhava como torneiro mecânico, no Mondubim

Por TV Jangadeiro em Segurança Pública

5 de setembro de 2018 às 11:55

Há 10 meses
Airton Patrício, armeiro

Airton Patrício de Aquino foi preso enquanto fabricava uma arma. (FOTO: Divulgação/Polícia Civil)

Após denúncia, a polícia prendeu torneiro mecânico que trabalhava como armeiro para uma facção. Airton Patrício de Aquino, de 67 anos, foi autuado em flagrante no estatuto do desarmamento e por organização criminosa. Com ele, foram encontrados fuzil, metralhadoras, silenciadores e munição. O 8ºDP, no bairro José Walter, em Fortaleza, trabalha no caso. Com informações do Barra Pesada.

Trabalhando como torneiro mecânico, Airton possui maquinário diverso no estabelecimento, localizado na Av. Presidente Costa e Silva, no Mondubim. Após denúncia, a polícia deflagrou a ação na tarde desta segunda-feira e constatou que ele também fabricava de forma artesanal e adaptava armas.

No momento da abordagem da polícia, ele estava fabricando o cano de uma 12. Na busca dada no local, foram encontrados um fuzil 762, metralhadoras artesanais, várias armas adaptadas, além de silenciadores e muita munição.

“Ele negou, mas com a apreensão desse material aí, a gente teve a certeza. Ele só confirmou no interrogatório que quem chegasse no estabelecimento dele, sendo policial ou criminoso, para ele não interessava. O que interessava era ele fazer o serviço e receber o pagamento”, explicou o titular do 8º DP, Breno Fontenele.

Airton foi autuado no artigo 16 do estatuto do desarmamento por posse irregular de munição e arma de grosso calibre restrito e também no artigo 2 da lei de organização criminosa, pois ele dava suporte para a facção fornecendo material e fabricando acessórios. O material de produção dar armas ficava escondido dentro do maquinário.

Confira a reportagem completa no Barra Pesada, às 12h10, na TV Jangadeiro/SBT.