Polícia prende homem com R$ 5 mil em notas falsificadas na RMF


Estelionatário vendia notas falsas de R$ 20 por R$ 10

Acusado fabricava notas falsificadas de R$ 20 e vendia cada por R$ 10

Por Hayanne Narlla em Segurança Pública

1 de março de 2016 às 18:28

Há 3 anos
Havia total de R$ 5 mil em notas falsas de R$ 20 (FOTO: Emanuella Braga/ TV Jangadeiro)

Havia total de R$ 5 mil em notas falsas de R$ 20 (FOTO: Emanuella Braga/ TV Jangadeiro)

A Polícia Civil apreendeu, nesta terça-feira (1º), R$ 5 mil em notas falsas no município de Horizonte, na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF). Também prendeu o responsável pela fabricação do dinheiro.

Cleber Júnior Pinheiro Pereira estava em casa, no bairro Diadema, contando a quantia falsa quando a polícia fez o flagrante. Ele fabricava e distribuía notas de R$ 20, além de vendá-las pelo preço de R$ 10 cada.

Há pelo menos um ano o acusado fazia distribuição das cédulas no município. Havia também Boletim de Ocorrência registrado falando sobre a situação. A polícia iniciou a investigação há dois meses que resultou na prisão em flagrante.

*Com informações da repórter do Barra Pesada Emauella Braga

Publicidade

Dê sua opinião

Estelionatário vendia notas falsas de R$ 20 por R$ 10

Acusado fabricava notas falsificadas de R$ 20 e vendia cada por R$ 10

Por Hayanne Narlla em Segurança Pública

1 de março de 2016 às 18:28

Há 3 anos
Havia total de R$ 5 mil em notas falsas de R$ 20 (FOTO: Emanuella Braga/ TV Jangadeiro)

Havia total de R$ 5 mil em notas falsas de R$ 20 (FOTO: Emanuella Braga/ TV Jangadeiro)

A Polícia Civil apreendeu, nesta terça-feira (1º), R$ 5 mil em notas falsas no município de Horizonte, na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF). Também prendeu o responsável pela fabricação do dinheiro.

Cleber Júnior Pinheiro Pereira estava em casa, no bairro Diadema, contando a quantia falsa quando a polícia fez o flagrante. Ele fabricava e distribuía notas de R$ 20, além de vendá-las pelo preço de R$ 10 cada.

Há pelo menos um ano o acusado fazia distribuição das cédulas no município. Havia também Boletim de Ocorrência registrado falando sobre a situação. A polícia iniciou a investigação há dois meses que resultou na prisão em flagrante.

*Com informações da repórter do Barra Pesada Emauella Braga