Militar da Aeronáutica é preso suspeito de estuprar as próprias filhas de 12 anos

INVESTIGAÇÃO

Militar da Aeronáutica é preso suspeito de estuprar as próprias filhas de 12 anos

Entre 2017 e 2018, foram registrados 2.426 casos de estupro com vítimas de até 14 anos no Ceará, número superior a 100 por mês

Por TV Jangadeiro em Segurança Pública

17 de abril de 2019 às 11:39

Há 1 mês
Fachada da Dececa

Informações foram repassadas pela Dececa (Foto: Reprodução/Barra Pesada)

Um militar da Aeronáutica foi preso por suspeita de estupro contra as próprias filhas de 12 anos. A companheira dele, mãe de uma das meninas, também foi presa. As informações foram repassadas em coletiva de imprensa na Delegacia de Combate à Exploração da Criança e do Adolescente (Dececa), no bairro São Gerardo, em Fortaleza, nesta quarta-feira (17).

As investigações da polícia apontam que, além de ser alvo de fotos, uma das crianças sofreu abuso sexual. Um levantamento da TV Jangadeiro/SBT, com base em informações da Secretaria de Segurança, indica 2.426 casos de estupro, no Ceará, entre 2017 e 2018, com vítimas de até 14 anos. A média é superior a 100 casos todos os meses.

Os casos são referentes às ocorrências que foram registradas em delegacias. Porém, o número de vítimas deste tipo de violência pode ser maior, já que em muitas ocorrências o estupro de menores é praticado por agressores da própria família. E sem notificação aos órgãos de segurança.

Mudanças de comportamento das crianças são indícios que elas podem, silenciosamente, estarem enfrentando o problema, indica a Polícia.

As denúncias podem ser feitas pelo Disque Direitos Humanos pelo número 100 ou pessoalmente, na Dececa, em qualquer outra delegacia, conselhos tutelares e Ministério Público Estadual.

Confira reportagem no Jornal Jangadeiro – 1ª edição, da TV Jangadeiro/SBT, às 11h45 desta quarta-feira (17).

Publicidade

Dê sua opinião

INVESTIGAÇÃO

Militar da Aeronáutica é preso suspeito de estuprar as próprias filhas de 12 anos

Entre 2017 e 2018, foram registrados 2.426 casos de estupro com vítimas de até 14 anos no Ceará, número superior a 100 por mês

Por TV Jangadeiro em Segurança Pública

17 de abril de 2019 às 11:39

Há 1 mês
Fachada da Dececa

Informações foram repassadas pela Dececa (Foto: Reprodução/Barra Pesada)

Um militar da Aeronáutica foi preso por suspeita de estupro contra as próprias filhas de 12 anos. A companheira dele, mãe de uma das meninas, também foi presa. As informações foram repassadas em coletiva de imprensa na Delegacia de Combate à Exploração da Criança e do Adolescente (Dececa), no bairro São Gerardo, em Fortaleza, nesta quarta-feira (17).

As investigações da polícia apontam que, além de ser alvo de fotos, uma das crianças sofreu abuso sexual. Um levantamento da TV Jangadeiro/SBT, com base em informações da Secretaria de Segurança, indica 2.426 casos de estupro, no Ceará, entre 2017 e 2018, com vítimas de até 14 anos. A média é superior a 100 casos todos os meses.

Os casos são referentes às ocorrências que foram registradas em delegacias. Porém, o número de vítimas deste tipo de violência pode ser maior, já que em muitas ocorrências o estupro de menores é praticado por agressores da própria família. E sem notificação aos órgãos de segurança.

Mudanças de comportamento das crianças são indícios que elas podem, silenciosamente, estarem enfrentando o problema, indica a Polícia.

As denúncias podem ser feitas pelo Disque Direitos Humanos pelo número 100 ou pessoalmente, na Dececa, em qualquer outra delegacia, conselhos tutelares e Ministério Público Estadual.

Confira reportagem no Jornal Jangadeiro – 1ª edição, da TV Jangadeiro/SBT, às 11h45 desta quarta-feira (17).