Após ser baleada por motorista, irmã de Eunício Oliveira está fora de perigo


Após ser baleada por motorista, irmã de Eunício Oliveira está fora de perigo

Mesmo com pulmão perfurado, Dena Oliveira está fora de perigo

Por Hayanne Narlla em Segurança Pública

31 de dezembro de 2014 às 11:51

Há 4 anos
Mesmo com pulmão perfurado, irmã de senador do Ceará está fora de perigo (FOTO: Reprodução)

Mesmo com pulmão perfurado, irmã de senador do Ceará está fora de perigo (FOTO: Reprodução)

A ex-prefeita de Lavras da Mangabeira Dena Oliveira (PMDB) e seu marido José Maria está fora de perigo e em situação estável. Eles se recuperam em um hospital de Juazeiro do Norte. A irmã do senador Eunício Oliveira (PMDB) e seu cônjuge foram baleados na tarde de terça-feira (30), em sua residência, na cidade localizada a 417 quilômetros de Fortaleza.

Segundo Eraldo Oliveira, primo de Dena, o quadro do marido não indica perigo e ele está na sala de recuperação. Já a ex-prefeita se submeteu a uma cirurgia, realizando drenagem. O tiro transfixou a região torácica, perfurando o pulmão. Cerca de um litro de sangue foi retirado de seu corpo. “Mas ela está em estado estável e promissor”, indica. A ex-gestora foi levada para uma clínica particular em Juazeiro do Norte para ficar mais perto da família.

Caso

Após os disparos, a polícia foi acionada e ao entrar na residência encontrou José Maria baleado e Dena Oliveira caída na sala da casa. Ao subir para o primeiro andar da residência, a polícia encontrou João Beato com um disparo na cabeça. A Polícia suspeita que o motorista tenha se suicidado após atirar no casal.

Segundo a assessoria de Eunício Oliveira, o disparo contra Dena atravessou o abdômen e o marido sofreu dois tiros subcutâneos. Os dois não correm risco de morte. Eles estão no hospital de Juazeiro, mas chegou-se a cogitar a transferência da ex-prefeita para Fortaleza.

No último domingo (28), o vice-prefeito de Lavras, Isac Damaso dos Santos, de 28 anos, foi encontrado morto num quarto de hotel, na cidade. Ele estava desaparecido desde a última quinta-feira (25). A polícia ainda aguarda laudo pericial sobre a causa da morte do vice-prefeito. E não divulgou se os dois crimes têm alguma relação.

Publicidade

Dê sua opinião

Após ser baleada por motorista, irmã de Eunício Oliveira está fora de perigo

Mesmo com pulmão perfurado, Dena Oliveira está fora de perigo

Por Hayanne Narlla em Segurança Pública

31 de dezembro de 2014 às 11:51

Há 4 anos
Mesmo com pulmão perfurado, irmã de senador do Ceará está fora de perigo (FOTO: Reprodução)

Mesmo com pulmão perfurado, irmã de senador do Ceará está fora de perigo (FOTO: Reprodução)

A ex-prefeita de Lavras da Mangabeira Dena Oliveira (PMDB) e seu marido José Maria está fora de perigo e em situação estável. Eles se recuperam em um hospital de Juazeiro do Norte. A irmã do senador Eunício Oliveira (PMDB) e seu cônjuge foram baleados na tarde de terça-feira (30), em sua residência, na cidade localizada a 417 quilômetros de Fortaleza.

Segundo Eraldo Oliveira, primo de Dena, o quadro do marido não indica perigo e ele está na sala de recuperação. Já a ex-prefeita se submeteu a uma cirurgia, realizando drenagem. O tiro transfixou a região torácica, perfurando o pulmão. Cerca de um litro de sangue foi retirado de seu corpo. “Mas ela está em estado estável e promissor”, indica. A ex-gestora foi levada para uma clínica particular em Juazeiro do Norte para ficar mais perto da família.

Caso

Após os disparos, a polícia foi acionada e ao entrar na residência encontrou José Maria baleado e Dena Oliveira caída na sala da casa. Ao subir para o primeiro andar da residência, a polícia encontrou João Beato com um disparo na cabeça. A Polícia suspeita que o motorista tenha se suicidado após atirar no casal.

Segundo a assessoria de Eunício Oliveira, o disparo contra Dena atravessou o abdômen e o marido sofreu dois tiros subcutâneos. Os dois não correm risco de morte. Eles estão no hospital de Juazeiro, mas chegou-se a cogitar a transferência da ex-prefeita para Fortaleza.

No último domingo (28), o vice-prefeito de Lavras, Isac Damaso dos Santos, de 28 anos, foi encontrado morto num quarto de hotel, na cidade. Ele estava desaparecido desde a última quinta-feira (25). A polícia ainda aguarda laudo pericial sobre a causa da morte do vice-prefeito. E não divulgou se os dois crimes têm alguma relação.