Diário da Chikungunya #3: Sucos de goiaba e de inhame com maçã são ótimos contra a doença

SURTO

Diário da Chikungunya #3: Sucos de goiaba e de inhame com maçã são ótimos contra a doença

A repórter Lyvia Rocha, do Tribuna do Ceará, relata a evolução no sexto dia da doença no terceiro capítulo da série

Por Lyvia Rocha em Saúde

13 de abril de 2017 às 15:35

Há 2 anos
Lyvia Rocha está com chicuncunya, e também com zika (FOTO: Acervo pessoal)

Lyvia Rocha está com chicuncunya, e também com zika (FOTO: Acervo pessoal)

Andei sumida nessa quarta-feira (12), então o 3º capítulo da série ficou adiado para quinta-feira (13). Não foi possível receber ligação do pessoal da redação – como a gente tem feito nos últimos dias, devido à sensação de língua cortada (ou queimada, sei lá). Falar esteve tão difícil quanto já estava digitar. Agora, felizmente, já me sinto melhor.

Da língua, no caso, porque as dores nas mãos seguem com tudo. Os pés também estão inchados e doendo. As dores no resto do corpo, ainda assim, diminuíram. Mas também continuo sem apetite.

A receita de combate à chikungunya com resquícios de zika segue a mesma. Não existe tratamento específico para a chikungunya. Combate-se seus sintomas. Como receitou o médico, o antialérgico para as coceiras, o analgésico para aliviar as dores.

De resto, hidratação constante, com muita água, soro, suco de goiaba e a receita caseira de inhame com maçã. E esperar. Deitada para não fazer esforço.

Não tive a febre que caracteriza a chikungunya. O exame que garante com certeza ser chikungunya só pode ser feito depois. Em alguns casos, a doença se manifesta sem a febre, contou-me o médico. Ele havia identificado resquícios de zika.

Os demais sintomas são clássicos da chikungunya, mas pode ser zika mesmo. Assim como pode de fato uma combinação de ambos. Ainda não voltei ao médico desde a primeira consulta, no domingo (9). Devo fazer isso nesta sexta (14). Darei uma pausa neste diário, e voltarei a dar notícias quando de fato retornar ao batente.

> A repórter Lyvia Rocha, do Tribuna do Ceará, está relatando o dia a dia de um paciente com chikungunya. Este texto, apesar de estar em 1ª pessoa, foi redigido por um repórter na redação.

Confira o outros capítulo da série:

Diário da Chikungunya #1: Repórter relata as dores e marcas deixadas pela doença

Diário da Chikungunya #2: Já sabia sobre a dor nas juntas, mas não imaginava que era tanta

Publicidade

Dê sua opinião

SURTO

Diário da Chikungunya #3: Sucos de goiaba e de inhame com maçã são ótimos contra a doença

A repórter Lyvia Rocha, do Tribuna do Ceará, relata a evolução no sexto dia da doença no terceiro capítulo da série

Por Lyvia Rocha em Saúde

13 de abril de 2017 às 15:35

Há 2 anos
Lyvia Rocha está com chicuncunya, e também com zika (FOTO: Acervo pessoal)

Lyvia Rocha está com chicuncunya, e também com zika (FOTO: Acervo pessoal)

Andei sumida nessa quarta-feira (12), então o 3º capítulo da série ficou adiado para quinta-feira (13). Não foi possível receber ligação do pessoal da redação – como a gente tem feito nos últimos dias, devido à sensação de língua cortada (ou queimada, sei lá). Falar esteve tão difícil quanto já estava digitar. Agora, felizmente, já me sinto melhor.

Da língua, no caso, porque as dores nas mãos seguem com tudo. Os pés também estão inchados e doendo. As dores no resto do corpo, ainda assim, diminuíram. Mas também continuo sem apetite.

A receita de combate à chikungunya com resquícios de zika segue a mesma. Não existe tratamento específico para a chikungunya. Combate-se seus sintomas. Como receitou o médico, o antialérgico para as coceiras, o analgésico para aliviar as dores.

De resto, hidratação constante, com muita água, soro, suco de goiaba e a receita caseira de inhame com maçã. E esperar. Deitada para não fazer esforço.

Não tive a febre que caracteriza a chikungunya. O exame que garante com certeza ser chikungunya só pode ser feito depois. Em alguns casos, a doença se manifesta sem a febre, contou-me o médico. Ele havia identificado resquícios de zika.

Os demais sintomas são clássicos da chikungunya, mas pode ser zika mesmo. Assim como pode de fato uma combinação de ambos. Ainda não voltei ao médico desde a primeira consulta, no domingo (9). Devo fazer isso nesta sexta (14). Darei uma pausa neste diário, e voltarei a dar notícias quando de fato retornar ao batente.

> A repórter Lyvia Rocha, do Tribuna do Ceará, está relatando o dia a dia de um paciente com chikungunya. Este texto, apesar de estar em 1ª pessoa, foi redigido por um repórter na redação.

Confira o outros capítulo da série:

Diário da Chikungunya #1: Repórter relata as dores e marcas deixadas pela doença

Diário da Chikungunya #2: Já sabia sobre a dor nas juntas, mas não imaginava que era tanta