Assembleia Legislativa pode acabar com 14º e 15º salários de deputados


Assembleia Legislativa pode acabar com 14º e 15º salários de deputados

Atualmente, o salário dos deputados estaduais é de R$ 20.042,35

Por Jackson Cruz em Política

28 de fevereiro de 2013 às 17:09

Há 6 anos

O presidente da Assembleia Legislativa, Zezinho Albuquerque (PSB), disse que deve reunir a Mesa Diretora e o colégio de líderes na próxima quarta-feira (6) para discutir o assunto e assinar a alteração do Regimento Interno da AL, determinando que os deputados não recebam mais os salários extras.

Segundo o deputado estadual Heitor Férrer (PDT),  quem perde a remuneração não acha a medida agradável. “A gente se submete a perda [dos salários], porque a república não permite abuso de privilégio. E isso é abuso de privilégio”, declarou.

O deputado foi o autor da proposta de extinção do 14º e 15º salários na Câmara Municipal de Fortaleza, no ano de 1998. Desde a votação, que foi aprovada por unanimidade, os vereadores da capital não recebem o privilégio.

Congresso nacional

A Câmara dos Deputados aprovou, na última quarta-feira (27), por unanimidade, o projeto de decreto legislativo que acaba com a chamada ajuda de custo para os parlamentares no início e no final de cada ano, conhecido como 14º e 15º salários dos deputados e senadores.

Pelo projeto aprovado, o benefício continuará a ser pago apenas no primeiro e no último mês dos mandatos de deputados e senadores, como uma ajuda de custo destinada a compensar despesas com mudança e transporte.

Efeito escada

Quando o salário dos deputados federais sobe, o reflexo nas assembleias estaduais é quase imediato. Esse fenômeno é chamado efeito escada. Isso ocorre porque os parlamentares estaduais tem o direito receber até 75% de tudo o que os deputados federais ganham . Agora com a redução dos salários em Brasília, os estaduais também devem perder a verba extra. O presidente da AL justificou que “como eles [os deputados federais] não vão mais receber, automaticamente cairá aqui também”.

Prestação de contas

Atualmente, o salário dos deputados estaduais é de R$ 20.042,35. Além disso, eles recebem a VDP (Verba de Desempenho Parlamentar) de R$ 22 mil e a verba para contratação de assessores de R$ 58 mil. Com o fim do 14° e 15° salários, a Assembleia pode economizar cerca de R$ 1,8 milhão por ano.

Com informações de Kézya Diniz

Publicidade

Dê sua opinião

Assembleia Legislativa pode acabar com 14º e 15º salários de deputados

Atualmente, o salário dos deputados estaduais é de R$ 20.042,35

Por Jackson Cruz em Política

28 de fevereiro de 2013 às 17:09

Há 6 anos

O presidente da Assembleia Legislativa, Zezinho Albuquerque (PSB), disse que deve reunir a Mesa Diretora e o colégio de líderes na próxima quarta-feira (6) para discutir o assunto e assinar a alteração do Regimento Interno da AL, determinando que os deputados não recebam mais os salários extras.

Segundo o deputado estadual Heitor Férrer (PDT),  quem perde a remuneração não acha a medida agradável. “A gente se submete a perda [dos salários], porque a república não permite abuso de privilégio. E isso é abuso de privilégio”, declarou.

O deputado foi o autor da proposta de extinção do 14º e 15º salários na Câmara Municipal de Fortaleza, no ano de 1998. Desde a votação, que foi aprovada por unanimidade, os vereadores da capital não recebem o privilégio.

Congresso nacional

A Câmara dos Deputados aprovou, na última quarta-feira (27), por unanimidade, o projeto de decreto legislativo que acaba com a chamada ajuda de custo para os parlamentares no início e no final de cada ano, conhecido como 14º e 15º salários dos deputados e senadores.

Pelo projeto aprovado, o benefício continuará a ser pago apenas no primeiro e no último mês dos mandatos de deputados e senadores, como uma ajuda de custo destinada a compensar despesas com mudança e transporte.

Efeito escada

Quando o salário dos deputados federais sobe, o reflexo nas assembleias estaduais é quase imediato. Esse fenômeno é chamado efeito escada. Isso ocorre porque os parlamentares estaduais tem o direito receber até 75% de tudo o que os deputados federais ganham . Agora com a redução dos salários em Brasília, os estaduais também devem perder a verba extra. O presidente da AL justificou que “como eles [os deputados federais] não vão mais receber, automaticamente cairá aqui também”.

Prestação de contas

Atualmente, o salário dos deputados estaduais é de R$ 20.042,35. Além disso, eles recebem a VDP (Verba de Desempenho Parlamentar) de R$ 22 mil e a verba para contratação de assessores de R$ 58 mil. Com o fim do 14° e 15° salários, a Assembleia pode economizar cerca de R$ 1,8 milhão por ano.

Com informações de Kézya Diniz