Tiroteio entre gangues resulta na morte de um adolescente


Tiroteio entre gangues resulta na morte de um adolescente

Segundo a Polícia Militar (PM), o tiroteio aconteceu devido a uma briga entre as pessoas de gangues rivais da regiã

Por Camila Cabral em Polícia

11 de março de 2013 às 18:07

Há 6 anos

Um tiroteio no início da tarde desta segunda-feira (11) no bairro Lagamar, em Fortaleza, resultou na morte de João Caio Rodrigues Bandeira, de 17 anos, que foi atingido por quatro tiros. Duas pessoas também foram baleadas.

Segundo a Polícia Militar (PM), o tiroteio aconteceu devido a uma briga entre as pessoas de   gangues rivais da região. Um primeiro tiroteio aconteceu no período da manhã, e para revidar, a gangue rival iniciou revanche no início da tarde. Além de João Caio, uma mulher foi atingida e levada por uma viatura  para o Instituto Dr. José Frota (IJF). Um homem, que também foi atingido, fugiu. Um adolescente de 17 anos foi detido para averiguação.

Ainda de acordo com informações da PM, quando a polícia chegava ao local para atender a ocorrência, um homem armado com dois revólveres revidou a chegada da viatura atirando contra a equipe do Ronda. No mesmo momento foi chamada equipes do Ronda de Ações Intensivas e Ostensivas (Raio) e um helicóptero da Cotam para dar apoio. A divisão de homicídios também esteve no local acompanhando o caso.

Ninguém foi preso

A polícia acredita no envolvimento direto de três pessoas, que fugiu em um carro vermelho para o Beco dos Pintos, no bairro Parque Araxá. O Ronda do Quarteirão fez procuras no local, mas ninguém foi preso.

Publicidade

Dê sua opinião

Tiroteio entre gangues resulta na morte de um adolescente

Segundo a Polícia Militar (PM), o tiroteio aconteceu devido a uma briga entre as pessoas de gangues rivais da regiã

Por Camila Cabral em Polícia

11 de março de 2013 às 18:07

Há 6 anos

Um tiroteio no início da tarde desta segunda-feira (11) no bairro Lagamar, em Fortaleza, resultou na morte de João Caio Rodrigues Bandeira, de 17 anos, que foi atingido por quatro tiros. Duas pessoas também foram baleadas.

Segundo a Polícia Militar (PM), o tiroteio aconteceu devido a uma briga entre as pessoas de   gangues rivais da região. Um primeiro tiroteio aconteceu no período da manhã, e para revidar, a gangue rival iniciou revanche no início da tarde. Além de João Caio, uma mulher foi atingida e levada por uma viatura  para o Instituto Dr. José Frota (IJF). Um homem, que também foi atingido, fugiu. Um adolescente de 17 anos foi detido para averiguação.

Ainda de acordo com informações da PM, quando a polícia chegava ao local para atender a ocorrência, um homem armado com dois revólveres revidou a chegada da viatura atirando contra a equipe do Ronda. No mesmo momento foi chamada equipes do Ronda de Ações Intensivas e Ostensivas (Raio) e um helicóptero da Cotam para dar apoio. A divisão de homicídios também esteve no local acompanhando o caso.

Ninguém foi preso

A polícia acredita no envolvimento direto de três pessoas, que fugiu em um carro vermelho para o Beco dos Pintos, no bairro Parque Araxá. O Ronda do Quarteirão fez procuras no local, mas ninguém foi preso.