Proprietário de loja de celulares é assassinado na frente da esposa em Caucaia


Proprietário de loja de celulares é assassinado na frente da esposa em Caucaia

O proprietário de uma loja de celulares foi assassinado a tiros na frente da esposa, na noite desta sexta-feira (31), em Caucaia, Região Metropolitana de Fortaleza

Por Felipe Lima e Thamiris Treigher em Polícia

1 de setembro de 2012 às 10:06

Há 7 anos

Um homem foi assassinado a tiros na frente da esposa, na noite desta sexta-feira (31), em Caucaia, Região Metropolitana de Fortaleza. De acordo com a Polícia Militar, a vítima era proprietária de uma loja de celulares no Centro da capital cearense e respondia por crime de pirataria.

Segundo a PM, Luiz Cezar de Abreu, de 32 anos, trafegava em um FOX pela Rua Galiente, no bairro Parque Potira, quando, ao ser fechado por outro veículo, bateu no muro de uma residência. Em seguida, um homem não identificado desceu do carro que causou o acidente e efetuou os disparos.

A mulher da vítima, que estava no banco do carona, conseguiu fugir sem ser atingida. De acordo com a Perícia Forense, Luiz foi executado com pelo menos seis disparos na cabeça, de pistola ponto 40, alguns deles a queima roupa. As motivações do crime estão sendo investigadas.

Publicidade

Dê sua opinião

Proprietário de loja de celulares é assassinado na frente da esposa em Caucaia

O proprietário de uma loja de celulares foi assassinado a tiros na frente da esposa, na noite desta sexta-feira (31), em Caucaia, Região Metropolitana de Fortaleza

Por Felipe Lima e Thamiris Treigher em Polícia

1 de setembro de 2012 às 10:06

Há 7 anos

Um homem foi assassinado a tiros na frente da esposa, na noite desta sexta-feira (31), em Caucaia, Região Metropolitana de Fortaleza. De acordo com a Polícia Militar, a vítima era proprietária de uma loja de celulares no Centro da capital cearense e respondia por crime de pirataria.

Segundo a PM, Luiz Cezar de Abreu, de 32 anos, trafegava em um FOX pela Rua Galiente, no bairro Parque Potira, quando, ao ser fechado por outro veículo, bateu no muro de uma residência. Em seguida, um homem não identificado desceu do carro que causou o acidente e efetuou os disparos.

A mulher da vítima, que estava no banco do carona, conseguiu fugir sem ser atingida. De acordo com a Perícia Forense, Luiz foi executado com pelo menos seis disparos na cabeça, de pistola ponto 40, alguns deles a queima roupa. As motivações do crime estão sendo investigadas.