Pedreiro tenta assassinar ex-patrão a facadas no Ceará


Pedreiro tenta assassinar ex-patrão a facadas no Ceará

Um pedreiro é acusado de tentar matar a facadas um empresário do ramo da construção civil na tarde desta terça-feira (31), em Quixadá

Por Felipe Lima e Thamiris Treigher em Polícia

1 de agosto de 2012 às 08:06

Há 7 anos

Um pedreiro é acusado de tentar matar a facadas um empresário do ramo da construção civil na tarde desta terça-feira (31), em Quixadá, no Sertão Central cearense. Segundo a Polícia Civil, o suspeito tinha trabalhado recentemente na empresa da vítima.

A polícia afirma que o empresário Francisco Eudes Aguiar Costa, também conhecido por “Branquinho”, estava chegando na empresa dele por volta das 16h, quando o ex-empregado, Geovane Queiroz Lima, de 51 anos, atingiu-o com golpes de faca.

Eudes ainda tentou reagir, mas acabou ferido com duas facadas: uma de raspão no pescoço e outra no ombro esquerdo. Ele foi socorrido ao Hospital Doutor Eudásio Barroso e, em seguida, transferido para a Maternidade Jesus Maria José, onde passa bem.

O acusado foi preso em flagrante com a faca usada no crime. Geovane Lima foi encaminhado à Delegacia Regional de Quixadá, de onde será transferido para o presídio da cidade. A polícia investiga agora as motivações da tentativa de homicídio.

Publicidade

Dê sua opinião

Pedreiro tenta assassinar ex-patrão a facadas no Ceará

Um pedreiro é acusado de tentar matar a facadas um empresário do ramo da construção civil na tarde desta terça-feira (31), em Quixadá

Por Felipe Lima e Thamiris Treigher em Polícia

1 de agosto de 2012 às 08:06

Há 7 anos

Um pedreiro é acusado de tentar matar a facadas um empresário do ramo da construção civil na tarde desta terça-feira (31), em Quixadá, no Sertão Central cearense. Segundo a Polícia Civil, o suspeito tinha trabalhado recentemente na empresa da vítima.

A polícia afirma que o empresário Francisco Eudes Aguiar Costa, também conhecido por “Branquinho”, estava chegando na empresa dele por volta das 16h, quando o ex-empregado, Geovane Queiroz Lima, de 51 anos, atingiu-o com golpes de faca.

Eudes ainda tentou reagir, mas acabou ferido com duas facadas: uma de raspão no pescoço e outra no ombro esquerdo. Ele foi socorrido ao Hospital Doutor Eudásio Barroso e, em seguida, transferido para a Maternidade Jesus Maria José, onde passa bem.

O acusado foi preso em flagrante com a faca usada no crime. Geovane Lima foi encaminhado à Delegacia Regional de Quixadá, de onde será transferido para o presídio da cidade. A polícia investiga agora as motivações da tentativa de homicídio.