Rotina de bebê com Síndrome de Down conquista a internet com perfil no Instagram


Rotina de bebê com Síndrome de Down conquista a internet com perfil no Instagram

O dia a dia de Mateus Ferraz chama a atenção de internautas. Carismático, o garoto faz sucesso no Instagram, criado pelos pais para mudar o olhar sobre a alteração genética

Por Roberta Tavares em Perfil

5 de maio de 2015 às 09:00

Há 4 anos
Mateus tem um cromossomo a mais e faz sucesso na internet (FOTO: Reprodução/Instagram)

Mateus tem um cromossomo a mais e faz sucesso na internet (FOTO: Reprodução/Instagram)

O nascimento de um filho é um momento de tensão e emoção para os pais, que projetam os sonhos para o bebê. Os cearenses Karla Barros e José Landim receberam com surpresa – e até emoção – a notícia de que o filho nasceria com um cromossomo a mais no par 21. Mas não se deixaram abalar, como ocorre com a maioria dos casais. Muito pelo contrário. Ficaram extremamente felizes com o diagnóstico.

Ainda durante a gestação, descobriram que o pequeno Mateus teria uma alteração genética que, tanto poderia ser uma síndrome incompatível com a vida ou algo mais simples, como a Síndrome de Down. “Quando saiu o resultado do exame, que constatou que ele tinha Síndrome de Down, nós ficamos muito felizes. Eu e minha esposa até saímos para jantar e agradecer a Deus. Acho que a forma como as coisas aconteceram facilitou a maneira como nós encaramos essa condição genética”, conta o pai Landim.

A síndrome é uma alteração genética que acontece durante a divisão celular do embrião. Com isso, ocorre a formação de um cromossomo-extra chamado Trissomia 21. Percebendo que as características referentes ao cromossomo a mais de Mateus faziam sucesso nas redes sociais, os pais se inspiraram e resolveram criar um perfil no Instagram para o filho nascido em 10 de julho de 2013.

Intitulada “Mateus é demais”, a página (que tem dois meses de existência) já possui mais de 4 mil seguidores. “Sentimos a necessidade de mostrar para todos que o Mateusinho não se resumia a um cromossomo a mais. Como toda criança, ele brinca, chora, vai à escola, é fofinho, vai à praia”. Nesse sentido, o perfil tenta esclarecer aos internautas que a criança com Síndrome de Down e a família podem se divertir, sair, viajar e ter uma vida completa como todas as outras, basta ter as mesmas oportunidades. “Muitas vezes, o preconceito começa dentro da própria família”, reflete.

Carismático, Mateus conquista qualquer um com as imagens nas redes sociais. Seja fingindo surfar na praia, fantasiado com a roupa do boneco Woody (do filme Toy Story) ou dando gargalhadas em ensaios fotográficos, o pequeno recebe centenas de curtidas e comentários de admiradores. As mensagens de carinho são inacreditáveis, segundo Landim. Pessoas de todo o Brasil – e até do exterior – demonstram verdadeiro amor por Mateus. Alguns, inclusive, abrem as portas das suas casas quando o garoto e os pais visitam outras cidades.

“Nos comentários, tem gente que diz ter vontade de adotar uma criança com a alteração genética. O que queríamos mostrar com o perfil era que, de fato, ele é uma criança feliz e fofinha, como muitos outros bebês. E que, por um acaso genético, tem Síndrome de Down”, reflete Landim.

Ah, sem esquecer que o garotinho tem até um time do coração. Tudo por insistência do pai, que é um verdadeiro torcedor do Ceará Sporting Clube. Quando é dia de jogo, o uniforme de Mateus já fica separado. Só não conseguiu ainda ir ao estádio torcer pelo alvinegro. “Além de os horários das partidas não serem muito bons para crianças pequenas, Mateusinho tem uma agenda lotada com as terapias: fonoaudiologia, fisioterapia, terapia ocupacional e natação”.

MATEUS É DEMAIS
1/27

MATEUS É DEMAIS

O bebê recebe diariamente diversas mensagens de carinho. Os pais administram o Instagram e interagem com os internautas como se fossem o próprio Mateus (FOTO: Reprodução/Instagram)

MATEUS É DEMAIS
2/27

MATEUS É DEMAIS

O bebê recebe diariamente diversas mensagens de carinho. Os pais administram o Instagram e interagem com os internautas como se fossem o próprio Mateus (FOTO: Reprodução/Instagram)

MATEUS É DEMAIS
3/27

MATEUS É DEMAIS

O bebê recebe diariamente diversas mensagens de carinho. Os pais administram o Instagram e interagem com os internautas como se fossem o próprio Mateus (FOTO: Reprodução/Instagram)

MATEUS É DEMAIS
4/27

MATEUS É DEMAIS

O bebê recebe diariamente diversas mensagens de carinho. Os pais administram o Instagram e interagem com os internautas como se fossem o próprio Mateus (FOTO: Reprodução/Instagram)

MATEUS É DEMAIS
5/27

MATEUS É DEMAIS

O bebê recebe diariamente diversas mensagens de carinho. Os pais administram o Instagram e interagem com os internautas como se fossem o próprio Mateus (FOTO: Reprodução/Instagram)

MATEUS É DEMAIS
6/27

MATEUS É DEMAIS

Karla, Landim e Sophia são grandes companheiros de Mateus (FOTO: Arquivo pessoal)

MATEUS É DEMAIS
7/27

MATEUS É DEMAIS

O bebê recebe diariamente diversas mensagens de carinho. Os pais administram o Instagram e interagem com os internautas como se fossem o próprio Mateus (FOTO: Reprodução/Instagram)

MATEUS É DEMAIS
8/27

MATEUS É DEMAIS

O bebê recebe diariamente diversas mensagens de carinho. Os pais administram o Instagram e interagem com os internautas como se fossem o próprio Mateus (FOTO: Reprodução/Instagram)

MATEUS É DEMAIS
9/27

MATEUS É DEMAIS

O bebê recebe diariamente diversas mensagens de carinho. Os pais administram o Instagram e interagem com os internautas como se fossem o próprio Mateus (FOTO: Reprodução/Instagram)

MATEUS É DEMAIS
10/27

MATEUS É DEMAIS

O bebê recebe diariamente diversas mensagens de carinho. Os pais administram o Instagram e interagem com os internautas como se fossem o próprio Mateus (FOTO: Reprodução/Instagram)

MATEUS É DEMAIS
11/27

MATEUS É DEMAIS

O bebê recebe diariamente diversas mensagens de carinho. Os pais administram o Instagram e interagem com os internautas como se fossem o próprio Mateus (FOTO: Reprodução/Instagram)

MATEUS É DEMAIS
12/27

MATEUS É DEMAIS

O bebê recebe diariamente diversas mensagens de carinho. Os pais administram o Instagram e interagem com os internautas como se fossem o próprio Mateus (FOTO: Reprodução/Instagram)

MATEUS É DEMAIS
13/27

MATEUS É DEMAIS

O bebê recebe diariamente diversas mensagens de carinho. Os pais administram o Instagram e interagem com os internautas como se fossem o próprio Mateus (FOTO: Reprodução/Instagram)

MATEUS É DEMAIS
14/27

MATEUS É DEMAIS

O bebê recebe diariamente diversas mensagens de carinho. Os pais administram o Instagram e interagem com os internautas como se fossem o próprio Mateus (FOTO: Reprodução/Instagram)

MATEUS É DEMAIS
15/27

MATEUS É DEMAIS

O bebê recebe diariamente diversas mensagens de carinho. Os pais administram o Instagram e interagem com os internautas como se fossem o próprio Mateus (FOTO: Reprodução/Instagram)

MATEUS É DEMAIS
16/27

MATEUS É DEMAIS

O bebê recebe diariamente diversas mensagens de carinho. Os pais administram o Instagram e interagem com os internautas como se fossem o próprio Mateus (FOTO: Reprodução/Instagram)

MATEUS É DEMAIS
17/27

MATEUS É DEMAIS

O bebê recebe diariamente diversas mensagens de carinho. Os pais administram o Instagram e interagem com os internautas como se fossem o próprio Mateus (FOTO: Reprodução/Instagram)

MATEUS É DEMAIS
18/27

MATEUS É DEMAIS

O bebê recebe diariamente diversas mensagens de carinho. Os pais administram o Instagram e interagem com os internautas como se fossem o próprio Mateus (FOTO: Reprodução/Instagram)

MATEUS É DEMAIS
19/27

MATEUS É DEMAIS

O bebê recebe diariamente diversas mensagens de carinho. Os pais administram o Instagram e interagem com os internautas como se fossem o próprio Mateus (FOTO: Reprodução/Instagram)

MATEUS É DEMAIS
20/27

MATEUS É DEMAIS

O bebê recebe diariamente diversas mensagens de carinho. Os pais administram o Instagram e interagem com os internautas como se fossem o próprio Mateus (FOTO: Reprodução/Instagram)

MATEUS É DEMAIS
21/27

MATEUS É DEMAIS

O bebê recebe diariamente diversas mensagens de carinho. Os pais administram o Instagram e interagem com os internautas como se fossem o próprio Mateus (FOTO: Reprodução/Instagram)

MATEUS É DEMAIS
22/27

MATEUS É DEMAIS

O bebê recebe diariamente diversas mensagens de carinho. Os pais administram o Instagram e interagem com os internautas como se fossem o próprio Mateus (FOTO: Reprodução/Instagram)

MATEUS É DEMAIS
23/27

MATEUS É DEMAIS

O bebê recebe diariamente diversas mensagens de carinho. Os pais administram o Instagram e interagem com os internautas como se fossem o próprio Mateus (FOTO: Reprodução/Instagram)

MATEUS É DEMAIS
24/27

MATEUS É DEMAIS

O bebê recebe diariamente diversas mensagens de carinho. Os pais administram o Instagram e interagem com os internautas como se fossem o próprio Mateus (FOTO: Reprodução/Instagram)

MATEUS É DEMAIS
25/27

MATEUS É DEMAIS

O bebê recebe diariamente diversas mensagens de carinho. Os pais administram o Instagram e interagem com os internautas como se fossem o próprio Mateus (FOTO: Reprodução/Instagram)

MATEUS É DEMAIS
26/27

MATEUS É DEMAIS

O bebê recebe diariamente diversas mensagens de carinho. Os pais administram o Instagram e interagem com os internautas como se fossem o próprio Mateus (FOTO: Reprodução/Instagram)

MATEUS É DEMAIS
27/27

MATEUS É DEMAIS

O bebê recebe diariamente diversas mensagens de carinho. Os pais administram o Instagram e interagem com os internautas como se fossem o próprio Mateus (FOTO: Reprodução/Instagram)

O amor dos pais por Mateus é dividido com a irmã mais velha do garoto, Sophia. O nascimento dele parece ter retirado os limites do que Karla e Landim julgavam conhecer até então. Por isso, em busca de mais detalhes sobre a alteração genética, entraram no grupo ‘Fortaleza Down’, cujos participantes têm alguma relação com crianças com SD. “Os planos que havíamos feito sofrem mudanças, mas não significa que encontramos um caminho de tristeza e sofrimento. Quem vai dizer até onde nossos filhos vão chegar não somos nós, nem o poder público, nem a sociedade, mas são eles mesmos”.

“Quem vai dizer até onde nossos filhos vão chegar não somos nós, (…) mas são eles mesmos”. (Landim Ferraz, pai de Mateus)

A experiência com o fofinho Mateus fez com que Karla e Landim aprendessem sobre prioridades e igualdade. Sem rótulos e sem preconceitos. A cada dia, o bebê parece mostrar algo novo sobre si, provando que a existência de um cromossomo extra o tornou verdadeiramente especial. “Mateus sempre foi mais! Na gravidez foi mais preocupação e mais emoção. Depois que nasceu, foi mais amor e mais dedicação. Agora é mais fofura e mais diversão. Por onde passa, deixa mais paixão no coração. E ainda vem por aí mais sucesso e mais vibração. Esse cromossomo a mais só trouxe mais alegria e mais união”, finaliza o casal, cujo amor por Mateus supera qualquer outro sentimento.

Síndrome de Down

Síndrome de Down, ou trissomia do cromossomo 21, é uma alteração genética causada durante a divisão embrionária. Os portadores da síndrome, em vez de dois cromossomos no par 21, possuem três. A média brasileira, de acordo com o Ministério da Saúde, é de um bebê Down a cada 800 nascimentos.

Os sintomas da Síndrome de Down variam de pessoa para pessoa e podem ser de leves a graves. As crianças precisam ser estimuladas desde o nascimento, para que sejam capazes de vencer as limitações que essa alteração genética lhes impõe. Como têm necessidades específicas de saúde e aprendizagem, exigem assistência profissional multidisciplinar e atenção permanente dos pais. O objetivo deve ser sempre habilitá-las para o convívio e a participação social.

Publicidade

Dê sua opinião

Rotina de bebê com Síndrome de Down conquista a internet com perfil no Instagram

O dia a dia de Mateus Ferraz chama a atenção de internautas. Carismático, o garoto faz sucesso no Instagram, criado pelos pais para mudar o olhar sobre a alteração genética

Por Roberta Tavares em Perfil

5 de maio de 2015 às 09:00

Há 4 anos
Mateus tem um cromossomo a mais e faz sucesso na internet (FOTO: Reprodução/Instagram)

Mateus tem um cromossomo a mais e faz sucesso na internet (FOTO: Reprodução/Instagram)

O nascimento de um filho é um momento de tensão e emoção para os pais, que projetam os sonhos para o bebê. Os cearenses Karla Barros e José Landim receberam com surpresa – e até emoção – a notícia de que o filho nasceria com um cromossomo a mais no par 21. Mas não se deixaram abalar, como ocorre com a maioria dos casais. Muito pelo contrário. Ficaram extremamente felizes com o diagnóstico.

Ainda durante a gestação, descobriram que o pequeno Mateus teria uma alteração genética que, tanto poderia ser uma síndrome incompatível com a vida ou algo mais simples, como a Síndrome de Down. “Quando saiu o resultado do exame, que constatou que ele tinha Síndrome de Down, nós ficamos muito felizes. Eu e minha esposa até saímos para jantar e agradecer a Deus. Acho que a forma como as coisas aconteceram facilitou a maneira como nós encaramos essa condição genética”, conta o pai Landim.

A síndrome é uma alteração genética que acontece durante a divisão celular do embrião. Com isso, ocorre a formação de um cromossomo-extra chamado Trissomia 21. Percebendo que as características referentes ao cromossomo a mais de Mateus faziam sucesso nas redes sociais, os pais se inspiraram e resolveram criar um perfil no Instagram para o filho nascido em 10 de julho de 2013.

Intitulada “Mateus é demais”, a página (que tem dois meses de existência) já possui mais de 4 mil seguidores. “Sentimos a necessidade de mostrar para todos que o Mateusinho não se resumia a um cromossomo a mais. Como toda criança, ele brinca, chora, vai à escola, é fofinho, vai à praia”. Nesse sentido, o perfil tenta esclarecer aos internautas que a criança com Síndrome de Down e a família podem se divertir, sair, viajar e ter uma vida completa como todas as outras, basta ter as mesmas oportunidades. “Muitas vezes, o preconceito começa dentro da própria família”, reflete.

Carismático, Mateus conquista qualquer um com as imagens nas redes sociais. Seja fingindo surfar na praia, fantasiado com a roupa do boneco Woody (do filme Toy Story) ou dando gargalhadas em ensaios fotográficos, o pequeno recebe centenas de curtidas e comentários de admiradores. As mensagens de carinho são inacreditáveis, segundo Landim. Pessoas de todo o Brasil – e até do exterior – demonstram verdadeiro amor por Mateus. Alguns, inclusive, abrem as portas das suas casas quando o garoto e os pais visitam outras cidades.

“Nos comentários, tem gente que diz ter vontade de adotar uma criança com a alteração genética. O que queríamos mostrar com o perfil era que, de fato, ele é uma criança feliz e fofinha, como muitos outros bebês. E que, por um acaso genético, tem Síndrome de Down”, reflete Landim.

Ah, sem esquecer que o garotinho tem até um time do coração. Tudo por insistência do pai, que é um verdadeiro torcedor do Ceará Sporting Clube. Quando é dia de jogo, o uniforme de Mateus já fica separado. Só não conseguiu ainda ir ao estádio torcer pelo alvinegro. “Além de os horários das partidas não serem muito bons para crianças pequenas, Mateusinho tem uma agenda lotada com as terapias: fonoaudiologia, fisioterapia, terapia ocupacional e natação”.

MATEUS É DEMAIS
1/27

MATEUS É DEMAIS

O bebê recebe diariamente diversas mensagens de carinho. Os pais administram o Instagram e interagem com os internautas como se fossem o próprio Mateus (FOTO: Reprodução/Instagram)

MATEUS É DEMAIS
2/27

MATEUS É DEMAIS

O bebê recebe diariamente diversas mensagens de carinho. Os pais administram o Instagram e interagem com os internautas como se fossem o próprio Mateus (FOTO: Reprodução/Instagram)

MATEUS É DEMAIS
3/27

MATEUS É DEMAIS

O bebê recebe diariamente diversas mensagens de carinho. Os pais administram o Instagram e interagem com os internautas como se fossem o próprio Mateus (FOTO: Reprodução/Instagram)

MATEUS É DEMAIS
4/27

MATEUS É DEMAIS

O bebê recebe diariamente diversas mensagens de carinho. Os pais administram o Instagram e interagem com os internautas como se fossem o próprio Mateus (FOTO: Reprodução/Instagram)

MATEUS É DEMAIS
5/27

MATEUS É DEMAIS

O bebê recebe diariamente diversas mensagens de carinho. Os pais administram o Instagram e interagem com os internautas como se fossem o próprio Mateus (FOTO: Reprodução/Instagram)

MATEUS É DEMAIS
6/27

MATEUS É DEMAIS

Karla, Landim e Sophia são grandes companheiros de Mateus (FOTO: Arquivo pessoal)

MATEUS É DEMAIS
7/27

MATEUS É DEMAIS

O bebê recebe diariamente diversas mensagens de carinho. Os pais administram o Instagram e interagem com os internautas como se fossem o próprio Mateus (FOTO: Reprodução/Instagram)

MATEUS É DEMAIS
8/27

MATEUS É DEMAIS

O bebê recebe diariamente diversas mensagens de carinho. Os pais administram o Instagram e interagem com os internautas como se fossem o próprio Mateus (FOTO: Reprodução/Instagram)

MATEUS É DEMAIS
9/27

MATEUS É DEMAIS

O bebê recebe diariamente diversas mensagens de carinho. Os pais administram o Instagram e interagem com os internautas como se fossem o próprio Mateus (FOTO: Reprodução/Instagram)

MATEUS É DEMAIS
10/27

MATEUS É DEMAIS

O bebê recebe diariamente diversas mensagens de carinho. Os pais administram o Instagram e interagem com os internautas como se fossem o próprio Mateus (FOTO: Reprodução/Instagram)

MATEUS É DEMAIS
11/27

MATEUS É DEMAIS

O bebê recebe diariamente diversas mensagens de carinho. Os pais administram o Instagram e interagem com os internautas como se fossem o próprio Mateus (FOTO: Reprodução/Instagram)

MATEUS É DEMAIS
12/27

MATEUS É DEMAIS

O bebê recebe diariamente diversas mensagens de carinho. Os pais administram o Instagram e interagem com os internautas como se fossem o próprio Mateus (FOTO: Reprodução/Instagram)

MATEUS É DEMAIS
13/27

MATEUS É DEMAIS

O bebê recebe diariamente diversas mensagens de carinho. Os pais administram o Instagram e interagem com os internautas como se fossem o próprio Mateus (FOTO: Reprodução/Instagram)

MATEUS É DEMAIS
14/27

MATEUS É DEMAIS

O bebê recebe diariamente diversas mensagens de carinho. Os pais administram o Instagram e interagem com os internautas como se fossem o próprio Mateus (FOTO: Reprodução/Instagram)

MATEUS É DEMAIS
15/27

MATEUS É DEMAIS

O bebê recebe diariamente diversas mensagens de carinho. Os pais administram o Instagram e interagem com os internautas como se fossem o próprio Mateus (FOTO: Reprodução/Instagram)

MATEUS É DEMAIS
16/27

MATEUS É DEMAIS

O bebê recebe diariamente diversas mensagens de carinho. Os pais administram o Instagram e interagem com os internautas como se fossem o próprio Mateus (FOTO: Reprodução/Instagram)

MATEUS É DEMAIS
17/27

MATEUS É DEMAIS

O bebê recebe diariamente diversas mensagens de carinho. Os pais administram o Instagram e interagem com os internautas como se fossem o próprio Mateus (FOTO: Reprodução/Instagram)

MATEUS É DEMAIS
18/27

MATEUS É DEMAIS

O bebê recebe diariamente diversas mensagens de carinho. Os pais administram o Instagram e interagem com os internautas como se fossem o próprio Mateus (FOTO: Reprodução/Instagram)

MATEUS É DEMAIS
19/27

MATEUS É DEMAIS

O bebê recebe diariamente diversas mensagens de carinho. Os pais administram o Instagram e interagem com os internautas como se fossem o próprio Mateus (FOTO: Reprodução/Instagram)

MATEUS É DEMAIS
20/27

MATEUS É DEMAIS

O bebê recebe diariamente diversas mensagens de carinho. Os pais administram o Instagram e interagem com os internautas como se fossem o próprio Mateus (FOTO: Reprodução/Instagram)

MATEUS É DEMAIS
21/27

MATEUS É DEMAIS

O bebê recebe diariamente diversas mensagens de carinho. Os pais administram o Instagram e interagem com os internautas como se fossem o próprio Mateus (FOTO: Reprodução/Instagram)

MATEUS É DEMAIS
22/27

MATEUS É DEMAIS

O bebê recebe diariamente diversas mensagens de carinho. Os pais administram o Instagram e interagem com os internautas como se fossem o próprio Mateus (FOTO: Reprodução/Instagram)

MATEUS É DEMAIS
23/27

MATEUS É DEMAIS

O bebê recebe diariamente diversas mensagens de carinho. Os pais administram o Instagram e interagem com os internautas como se fossem o próprio Mateus (FOTO: Reprodução/Instagram)

MATEUS É DEMAIS
24/27

MATEUS É DEMAIS

O bebê recebe diariamente diversas mensagens de carinho. Os pais administram o Instagram e interagem com os internautas como se fossem o próprio Mateus (FOTO: Reprodução/Instagram)

MATEUS É DEMAIS
25/27

MATEUS É DEMAIS

O bebê recebe diariamente diversas mensagens de carinho. Os pais administram o Instagram e interagem com os internautas como se fossem o próprio Mateus (FOTO: Reprodução/Instagram)

MATEUS É DEMAIS
26/27

MATEUS É DEMAIS

O bebê recebe diariamente diversas mensagens de carinho. Os pais administram o Instagram e interagem com os internautas como se fossem o próprio Mateus (FOTO: Reprodução/Instagram)

MATEUS É DEMAIS
27/27

MATEUS É DEMAIS

O bebê recebe diariamente diversas mensagens de carinho. Os pais administram o Instagram e interagem com os internautas como se fossem o próprio Mateus (FOTO: Reprodução/Instagram)

O amor dos pais por Mateus é dividido com a irmã mais velha do garoto, Sophia. O nascimento dele parece ter retirado os limites do que Karla e Landim julgavam conhecer até então. Por isso, em busca de mais detalhes sobre a alteração genética, entraram no grupo ‘Fortaleza Down’, cujos participantes têm alguma relação com crianças com SD. “Os planos que havíamos feito sofrem mudanças, mas não significa que encontramos um caminho de tristeza e sofrimento. Quem vai dizer até onde nossos filhos vão chegar não somos nós, nem o poder público, nem a sociedade, mas são eles mesmos”.

“Quem vai dizer até onde nossos filhos vão chegar não somos nós, (…) mas são eles mesmos”. (Landim Ferraz, pai de Mateus)

A experiência com o fofinho Mateus fez com que Karla e Landim aprendessem sobre prioridades e igualdade. Sem rótulos e sem preconceitos. A cada dia, o bebê parece mostrar algo novo sobre si, provando que a existência de um cromossomo extra o tornou verdadeiramente especial. “Mateus sempre foi mais! Na gravidez foi mais preocupação e mais emoção. Depois que nasceu, foi mais amor e mais dedicação. Agora é mais fofura e mais diversão. Por onde passa, deixa mais paixão no coração. E ainda vem por aí mais sucesso e mais vibração. Esse cromossomo a mais só trouxe mais alegria e mais união”, finaliza o casal, cujo amor por Mateus supera qualquer outro sentimento.

Síndrome de Down

Síndrome de Down, ou trissomia do cromossomo 21, é uma alteração genética causada durante a divisão embrionária. Os portadores da síndrome, em vez de dois cromossomos no par 21, possuem três. A média brasileira, de acordo com o Ministério da Saúde, é de um bebê Down a cada 800 nascimentos.

Os sintomas da Síndrome de Down variam de pessoa para pessoa e podem ser de leves a graves. As crianças precisam ser estimuladas desde o nascimento, para que sejam capazes de vencer as limitações que essa alteração genética lhes impõe. Como têm necessidades específicas de saúde e aprendizagem, exigem assistência profissional multidisciplinar e atenção permanente dos pais. O objetivo deve ser sempre habilitá-las para o convívio e a participação social.