Corredor da Bezerra de Menezes passa a ser vigiado por 88 câmeras


Corredor da Bezerra de Menezes passa a ser vigiado por 88 câmeras

A Prefeitura de Fortaleza também inicia, nesta semana, uma força tarefa de caráter preventivo para evitar ocupações irregulares nas estações do Corredor Expresso e áreas próximas

Por Tribuna do Ceará em Mobilidade Urbana

24 de julho de 2015 às 08:40

Há 4 anos
A ideia é avaliar, semanalmente, a eficácia da operação para aprimorar os trabalhos (Foto: Kaio Machado)

A ideia é avaliar, semanalmente, a eficácia da operação para aprimorar os trabalhos (Foto: Kaio Machado)

O Corredor Expresso Fortaleza será monitorado por meio de um Centro de Controle Operacional (CCO) instalado no terminal Antônio Bezerra. O painel é composto por seis telas que acompanham 88 câmeras instaladas nas onze estações, que transmitem, em tempo real, a operação de transporte realizada no Corredor Expresso Fortaleza. Os painéis serão monitorados pelos funcionários da Empresa de Transporte Urbano (Etufor) a fim de verificar a programação da linha 200 e comprovar a eficiência do serviço.

A partir do monitoramento, a Etufor pode verificar a velocidade média comercial da linha, o embarque e desembarque dos passageiros, cumprimento dos horários, o funcionamento do sistema de automação nas portas, entre outras questões relevantes. Esse serviço será disponibilizado para a Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança (CIOPS), favorecendo a segurança dos usuários nas estações.

Desde 2008, a Etufor monitora os veículos das frotas de ônibus e vans de Fortaleza através do GPS (Global Positioning System – Sistema de Posicionamento Global). O sistema é uma importante ferramenta de radionavegação, baseada em satélites, que auxilia a administração municipal no gerenciamento do transporte público, na medida em que fornece informações diárias sobre a performance dos carros nas ruas da capital. Os dados contidos nos relatórios fornecidos pelo sistema também contribuem para melhorar o planejamento do transporte público, otimizando resultados e aumentando as chances de iniciativas bem-sucedidas.

Ocupações irregulares

A Prefeitura de Fortaleza também inicia, nesta semana, uma força tarefa de caráter preventivo para evitar ocupações irregulares nas estações do Corredor Expresso e áreas próximas. A ação é articulada pela Coordenadoria das Regionais e composta por agentes da Etufor, das Secretarias Regionais I e III, além da Guarda Municipal e da Agência de Fiscalização de Fortaleza (Agefis). Inicialmente, os fiscais vão monitorar as onze estações por meio de equipes móveis e fixas, especialmente durante os horários de maior movimentação de usuários do transporte público, além de manter permanente contato com a Guarda Municipal.

Publicidade

Dê sua opinião

Corredor da Bezerra de Menezes passa a ser vigiado por 88 câmeras

A Prefeitura de Fortaleza também inicia, nesta semana, uma força tarefa de caráter preventivo para evitar ocupações irregulares nas estações do Corredor Expresso e áreas próximas

Por Tribuna do Ceará em Mobilidade Urbana

24 de julho de 2015 às 08:40

Há 4 anos
A ideia é avaliar, semanalmente, a eficácia da operação para aprimorar os trabalhos (Foto: Kaio Machado)

A ideia é avaliar, semanalmente, a eficácia da operação para aprimorar os trabalhos (Foto: Kaio Machado)

O Corredor Expresso Fortaleza será monitorado por meio de um Centro de Controle Operacional (CCO) instalado no terminal Antônio Bezerra. O painel é composto por seis telas que acompanham 88 câmeras instaladas nas onze estações, que transmitem, em tempo real, a operação de transporte realizada no Corredor Expresso Fortaleza. Os painéis serão monitorados pelos funcionários da Empresa de Transporte Urbano (Etufor) a fim de verificar a programação da linha 200 e comprovar a eficiência do serviço.

A partir do monitoramento, a Etufor pode verificar a velocidade média comercial da linha, o embarque e desembarque dos passageiros, cumprimento dos horários, o funcionamento do sistema de automação nas portas, entre outras questões relevantes. Esse serviço será disponibilizado para a Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança (CIOPS), favorecendo a segurança dos usuários nas estações.

Desde 2008, a Etufor monitora os veículos das frotas de ônibus e vans de Fortaleza através do GPS (Global Positioning System – Sistema de Posicionamento Global). O sistema é uma importante ferramenta de radionavegação, baseada em satélites, que auxilia a administração municipal no gerenciamento do transporte público, na medida em que fornece informações diárias sobre a performance dos carros nas ruas da capital. Os dados contidos nos relatórios fornecidos pelo sistema também contribuem para melhorar o planejamento do transporte público, otimizando resultados e aumentando as chances de iniciativas bem-sucedidas.

Ocupações irregulares

A Prefeitura de Fortaleza também inicia, nesta semana, uma força tarefa de caráter preventivo para evitar ocupações irregulares nas estações do Corredor Expresso e áreas próximas. A ação é articulada pela Coordenadoria das Regionais e composta por agentes da Etufor, das Secretarias Regionais I e III, além da Guarda Municipal e da Agência de Fiscalização de Fortaleza (Agefis). Inicialmente, os fiscais vão monitorar as onze estações por meio de equipes móveis e fixas, especialmente durante os horários de maior movimentação de usuários do transporte público, além de manter permanente contato com a Guarda Municipal.