Carro sobe a Praça Portugal para fazer book de casamento

REI DO CAMAROTE

Carro sobe a Praça Portugal para fazer book de casamento

A Autarquia Municipal de Trânsito (AMC) foi acionada, mas ao chegar ao local não conseguiu realizar o flagrante

Por Ana Clara Jovino em Mobilidade Urbana

8 de outubro de 2016 às 13:05

Há 3 anos
(FOTO: Reprodução/Facebook)

O momento foi flagrado na noite desta quinta-feira (6) (FOTO: Reprodução/Facebook)

Na noite desta quinta-feira (6), um casal estava fazendo fotos para o book de casamento deles, na Praça Portugal, no Bairro Aldeota, que foi revitalizada recentemente. O que chamou a atenção na situação foi um carro, estacionado na praça, em um espaço destinado a pedestres. Águeda Muniz, colunista do Tribuna do Ceará e da Rádio Tribuna BandNews FM, flagrou o momento e fez uma postagem no Facebook.

Na própria postagem, Águeda disse que a Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC) foi acionada e resolveu a situação. “O piso da área central da Praça Portugal foi feito para o pedestre. Portanto, ele não resiste ao automóvel. Para acessar esta área é necessário subir o meio-fio, que com o peso do automóvel pode ser danificado. A praça foi feita para pessoas”, critica Águeda.

“É o desrespeito ao bem público e comum a todos! As pessoas acham que por conta podem usar como quiserem sem se preocupar com os danos provavelmente pensando que estes danos serão restaurados pela prefeitura”, dizia um dos comentários. 

Sem flagrante

Em nota, a AMC esclarece que existe uma rota volante que percorre todos os dias a Aldeota, onde a Praça Portugal é localizada, para atender às ocorrências e coibir infrações. Ainda informa que, nesse caso, em que o carro estava estacionado enquanto o casal fazia as fotos para o book, o órgão foi acionado e compareceu ao local. “Entretanto, quando os agentes chegaram, cerca de cinco minutos após o incidente, não havia nenhum veículo trafegando ou estacionado na praça”, informa um trecho da nota.

A AMC ressalta que estacionar em locais destinados a pedestres é uma infração grave, com multa no valor de R$ 127,69 e cinco pontos na carteira de habilitação. Já transitar sobre passeio é uma infração gravíssima com fator multiplicativo 3, multa no valor de R$ 574,62 e sete pontos na carteira de habilitação, segundo o Código de Trânsito Brasileiro (CTB).

Publicidade

Dê sua opinião

REI DO CAMAROTE

Carro sobe a Praça Portugal para fazer book de casamento

A Autarquia Municipal de Trânsito (AMC) foi acionada, mas ao chegar ao local não conseguiu realizar o flagrante

Por Ana Clara Jovino em Mobilidade Urbana

8 de outubro de 2016 às 13:05

Há 3 anos
(FOTO: Reprodução/Facebook)

O momento foi flagrado na noite desta quinta-feira (6) (FOTO: Reprodução/Facebook)

Na noite desta quinta-feira (6), um casal estava fazendo fotos para o book de casamento deles, na Praça Portugal, no Bairro Aldeota, que foi revitalizada recentemente. O que chamou a atenção na situação foi um carro, estacionado na praça, em um espaço destinado a pedestres. Águeda Muniz, colunista do Tribuna do Ceará e da Rádio Tribuna BandNews FM, flagrou o momento e fez uma postagem no Facebook.

Na própria postagem, Águeda disse que a Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC) foi acionada e resolveu a situação. “O piso da área central da Praça Portugal foi feito para o pedestre. Portanto, ele não resiste ao automóvel. Para acessar esta área é necessário subir o meio-fio, que com o peso do automóvel pode ser danificado. A praça foi feita para pessoas”, critica Águeda.

“É o desrespeito ao bem público e comum a todos! As pessoas acham que por conta podem usar como quiserem sem se preocupar com os danos provavelmente pensando que estes danos serão restaurados pela prefeitura”, dizia um dos comentários. 

Sem flagrante

Em nota, a AMC esclarece que existe uma rota volante que percorre todos os dias a Aldeota, onde a Praça Portugal é localizada, para atender às ocorrências e coibir infrações. Ainda informa que, nesse caso, em que o carro estava estacionado enquanto o casal fazia as fotos para o book, o órgão foi acionado e compareceu ao local. “Entretanto, quando os agentes chegaram, cerca de cinco minutos após o incidente, não havia nenhum veículo trafegando ou estacionado na praça”, informa um trecho da nota.

A AMC ressalta que estacionar em locais destinados a pedestres é uma infração grave, com multa no valor de R$ 127,69 e cinco pontos na carteira de habilitação. Já transitar sobre passeio é uma infração gravíssima com fator multiplicativo 3, multa no valor de R$ 574,62 e sete pontos na carteira de habilitação, segundo o Código de Trânsito Brasileiro (CTB).