Dentistas e enfermeiros do PSF decidem voltar a greve - Noticias


Dentistas e enfermeiros do PSF decidem voltar a greve

Dentistas e enfermeiros do Programa Saúde da Família de Fortaleza (PSF) decidiram voltar a greve por tempo indeterminado. A paralisação será retomada uma vez que, segundo servidores, a Prefeitura da Capital não honrou com os compromissos firmados durante o processo de negociação com a categoria

Por Rodrigo Cavalcante em Fortaleza

18 de outubro de 2011 às 18:22

Há 8 anos

Dentistas e enfermeiros do Programa Saúde da Família de Fortaleza (PSF) decidiram voltar a greve por tempo indeterminado.

A paralisação será retomada uma vez que, segundo servidores, a Prefeitura da Capital não honrou com os compromissos firmados durante o processo de negociação com a categoria. Eles entraram em acordo durante assembleia realizada na tarde desta terça-feira (18).

A categoria vai realizar uma manifestação na manhã desta quarta-feira (19), na Câmara Municipal de Fortaleza. A ideia é cobrar o apoio dos vereadores para ajudar na intermediação com o executivo.

Reivindicações

Os servidores reivindicam aumento salarial, correção de distorções geradas pelo plano de cargos, carreiras e salários e gratificações de incentivo de nível superior.

O movimento paredista pede ainda o pagamento de outros direitos trabalhistas garantidos por lei, como anuênios, quinquênios, retroativos de insalubridade e gratificação por titulação acadêmica.

Os profissionais já haviam realizado uma paralisação em maio deste ano, mas resolveram voltar as atividades no mês de julho, quando iniciaram uma tentativa de negociação. Como não foi aceita nenhuma proposta, o Sindicato dos Odontologistas do Estado do Ceará (Sindiodonto) convocou os trabalhadores, que voltaram a cruzar os braços.

Leia mais:
Dentistas e enfermeiros do PSF participam de audiência na ALCE
Sem acordo, servidores do PSF em Fortaleza continuam greve
Enfermeiros e dentistas do PSF de Fortaleza aceitam trégua de 24 horas para negociar acordo
Servidores do PSF em Fortaleza fazem caminhada e “São João da Joaninha”
Servidores do PSF buscam reabrir negociação

Publicidade

Dê sua opinião

Dentistas e enfermeiros do PSF decidem voltar a greve

Dentistas e enfermeiros do Programa Saúde da Família de Fortaleza (PSF) decidiram voltar a greve por tempo indeterminado. A paralisação será retomada uma vez que, segundo servidores, a Prefeitura da Capital não honrou com os compromissos firmados durante o processo de negociação com a categoria

Por Rodrigo Cavalcante em Fortaleza

18 de outubro de 2011 às 18:22

Há 8 anos

Dentistas e enfermeiros do Programa Saúde da Família de Fortaleza (PSF) decidiram voltar a greve por tempo indeterminado.

A paralisação será retomada uma vez que, segundo servidores, a Prefeitura da Capital não honrou com os compromissos firmados durante o processo de negociação com a categoria. Eles entraram em acordo durante assembleia realizada na tarde desta terça-feira (18).

A categoria vai realizar uma manifestação na manhã desta quarta-feira (19), na Câmara Municipal de Fortaleza. A ideia é cobrar o apoio dos vereadores para ajudar na intermediação com o executivo.

Reivindicações

Os servidores reivindicam aumento salarial, correção de distorções geradas pelo plano de cargos, carreiras e salários e gratificações de incentivo de nível superior.

O movimento paredista pede ainda o pagamento de outros direitos trabalhistas garantidos por lei, como anuênios, quinquênios, retroativos de insalubridade e gratificação por titulação acadêmica.

Os profissionais já haviam realizado uma paralisação em maio deste ano, mas resolveram voltar as atividades no mês de julho, quando iniciaram uma tentativa de negociação. Como não foi aceita nenhuma proposta, o Sindicato dos Odontologistas do Estado do Ceará (Sindiodonto) convocou os trabalhadores, que voltaram a cruzar os braços.

Leia mais:
Dentistas e enfermeiros do PSF participam de audiência na ALCE
Sem acordo, servidores do PSF em Fortaleza continuam greve
Enfermeiros e dentistas do PSF de Fortaleza aceitam trégua de 24 horas para negociar acordo
Servidores do PSF em Fortaleza fazem caminhada e “São João da Joaninha”
Servidores do PSF buscam reabrir negociação