Voluntários gravam audiolivros em universidade para portadores de deficiência visual

ACESSIBILIDADE

Voluntários gravam audiolivros para deficientes visuais na Urca

Inicialmente, serão gravadas obras literárias para o vestibular 2016.2, mas a proposta é expandir para outros livros

Por Jangadeiro FM em Educação

9 de junho de 2016 às 06:30

Há 3 anos
Ideia é promover acervo acessível para pessoas com deficiência visual (FOTO: Marcos Santos/Agência Brasil)

Ideia é promover acervo acessível para pessoas com deficiência visual (FOTO: Marcos Santos/Agência Brasil)

O Núcleo de Acessibilidade da Pessoa com Deficiência da Universidade Regional do Cariri (Urca) desenvolveu um projeto chamado “Empresta a sua voz”. A iniciativa reúne voluntários que gravam audiolivros para portadores de deficiência visual com leituras de processos seletivos, concursos e vestibulares da Urca. A reportagem é da Rede Jangadeiro FM.

A ideia é promover um acervo acessível para pessoas com deficiência visual. A proposta é da professora de braile do Martha Milene Fontenele Carvalho.

Inicialmente, serão gravadas obras literárias do vestibular 2016.2, mas a proposta é expandir para outros livros da biblioteca central, que fica no campus Pimenta, incluindo obras acadêmicas e científicas.

O Núcleo de Acessibilidade foi inaugurado no início de março de 2016 e conta com equipamentos e materiais didático-pedagógicos, adquiridos pela universidade, como máquinas de datilografia em braille, calculadoras sonoras, display em braille e impressora em braille, mas ainda não dispõe de um local adequado para as gravações.

Todo o material gravado ficará disponível no Núcleo de Acessibilidade e disponível para estudantes e comunidade em geral que tenham deficiência visual. Pessoas interessadas em participar devem se apresentar no Nuarc, que fica no corredor de acesso ao Departamento de Letras, no campus Pimenta.

Confira mais informações na reportagem de Tadeu Gomes, da Rede Jangadeiro FM:

Publicidade

Dê sua opinião

ACESSIBILIDADE

Voluntários gravam audiolivros para deficientes visuais na Urca

Inicialmente, serão gravadas obras literárias para o vestibular 2016.2, mas a proposta é expandir para outros livros

Por Jangadeiro FM em Educação

9 de junho de 2016 às 06:30

Há 3 anos
Ideia é promover acervo acessível para pessoas com deficiência visual (FOTO: Marcos Santos/Agência Brasil)

Ideia é promover acervo acessível para pessoas com deficiência visual (FOTO: Marcos Santos/Agência Brasil)

O Núcleo de Acessibilidade da Pessoa com Deficiência da Universidade Regional do Cariri (Urca) desenvolveu um projeto chamado “Empresta a sua voz”. A iniciativa reúne voluntários que gravam audiolivros para portadores de deficiência visual com leituras de processos seletivos, concursos e vestibulares da Urca. A reportagem é da Rede Jangadeiro FM.

A ideia é promover um acervo acessível para pessoas com deficiência visual. A proposta é da professora de braile do Martha Milene Fontenele Carvalho.

Inicialmente, serão gravadas obras literárias do vestibular 2016.2, mas a proposta é expandir para outros livros da biblioteca central, que fica no campus Pimenta, incluindo obras acadêmicas e científicas.

O Núcleo de Acessibilidade foi inaugurado no início de março de 2016 e conta com equipamentos e materiais didático-pedagógicos, adquiridos pela universidade, como máquinas de datilografia em braille, calculadoras sonoras, display em braille e impressora em braille, mas ainda não dispõe de um local adequado para as gravações.

Todo o material gravado ficará disponível no Núcleo de Acessibilidade e disponível para estudantes e comunidade em geral que tenham deficiência visual. Pessoas interessadas em participar devem se apresentar no Nuarc, que fica no corredor de acesso ao Departamento de Letras, no campus Pimenta.

Confira mais informações na reportagem de Tadeu Gomes, da Rede Jangadeiro FM: