Documentário retrata cotidiano de comunidades do Poço da Draga e do Titanzinho

ALUNOS DA UFC

Documentário retrata cotidiano de comunidades do Poço da Draga e do Titanzinho

O filme “O que eles falam” foi produzido por alunos de Publicidade da UFC, como disciplina curricular

Por Rosana Romão em Educação

5 de outubro de 2016 às 06:45

Há 3 anos
Documentário foi produzido por alunos do curso de Publicidade e Propaganda da UFC. (FOTO: reprodução)

Documentário foi produzido por alunos do curso de Publicidade e Propaganda da UFC. (FOTO: Reprodução)

“O que eles falam”, documentário realizado por alunos do Curso de Publicidade e Propaganda da Universidade Federal do Ceará (UFC), teve a primeira exibição pública em setembro, no Bairro Serviluz, em Fortaleza, como parte do projeto Cineclube Ser Ver Luz. Melhor lugar, impossível.

A produção, gravada nas comunidades do Poço da Draga e Titanzinho, traz histórias de vida de moradores dessas áreas de Fortaleza ameaçadas pela especulação imobiliária, locais de controversos projetos de requalificação. 

O trabalho foi concebido e produzido pelos estudantes Luiz Brito, Leonardo Câmara, David Damasceno, Yago Bruno Dantas, Fernanda Maia e Eric Basílio Pinheiro, como uma das atividades da disciplina Laboratório de Publicidade e Propaganda, no semestre 2015.2.

Na sinopse do documentário, os realizadores afirmam que mais do que falar, a intenção foi ouvir os moradores e sua relação com o local onde habitam. “Queremos entender por que essas vozes não estão em anúncios, matérias e campanhas publicitárias que falam daquele lugar; porque eles e elas não se reconhecem quando veem sua comunidade ser retratada em maquetes eletrônicas de empreendimentos urbanos; por que quando falam de um lugar que funciona quase que como extensão de seus corpos, essas vozes não são ouvidas”.

Foi criada uma página do documentário no Facebook. Confira a seguir o trailer:

 

Vendo Mar

Além da exibição de O que eles falam, o Coletivo Audiovisual do Titanzinho apresentou, na ocasião, a intervenção Vendo Mar. Conforme sua sinopse, Vendo mar surge com o intuito de propor um contraste entre o afeto que os moradores do Serviluz vivenciam com o mar e a maneira na qual as campanhas publicitárias tratam a praia como mercadoria a partir de narrativas visuais e sonoras.

A intervenção é uma criação de Ana Paula Veras, com orientação de Deisimer Gorczevski e colaboração de Pedro Fernandes, Priscilla Sousa, Sabrina Araújo, Bruno Ribeiro, Nataska Conrado, Aline Albuquerque, Emilia Schamm e Yuri Peixoto.

Publicidade

Dê sua opinião

ALUNOS DA UFC

Documentário retrata cotidiano de comunidades do Poço da Draga e do Titanzinho

O filme “O que eles falam” foi produzido por alunos de Publicidade da UFC, como disciplina curricular

Por Rosana Romão em Educação

5 de outubro de 2016 às 06:45

Há 3 anos
Documentário foi produzido por alunos do curso de Publicidade e Propaganda da UFC. (FOTO: reprodução)

Documentário foi produzido por alunos do curso de Publicidade e Propaganda da UFC. (FOTO: Reprodução)

“O que eles falam”, documentário realizado por alunos do Curso de Publicidade e Propaganda da Universidade Federal do Ceará (UFC), teve a primeira exibição pública em setembro, no Bairro Serviluz, em Fortaleza, como parte do projeto Cineclube Ser Ver Luz. Melhor lugar, impossível.

A produção, gravada nas comunidades do Poço da Draga e Titanzinho, traz histórias de vida de moradores dessas áreas de Fortaleza ameaçadas pela especulação imobiliária, locais de controversos projetos de requalificação. 

O trabalho foi concebido e produzido pelos estudantes Luiz Brito, Leonardo Câmara, David Damasceno, Yago Bruno Dantas, Fernanda Maia e Eric Basílio Pinheiro, como uma das atividades da disciplina Laboratório de Publicidade e Propaganda, no semestre 2015.2.

Na sinopse do documentário, os realizadores afirmam que mais do que falar, a intenção foi ouvir os moradores e sua relação com o local onde habitam. “Queremos entender por que essas vozes não estão em anúncios, matérias e campanhas publicitárias que falam daquele lugar; porque eles e elas não se reconhecem quando veem sua comunidade ser retratada em maquetes eletrônicas de empreendimentos urbanos; por que quando falam de um lugar que funciona quase que como extensão de seus corpos, essas vozes não são ouvidas”.

Foi criada uma página do documentário no Facebook. Confira a seguir o trailer:

 

Vendo Mar

Além da exibição de O que eles falam, o Coletivo Audiovisual do Titanzinho apresentou, na ocasião, a intervenção Vendo Mar. Conforme sua sinopse, Vendo mar surge com o intuito de propor um contraste entre o afeto que os moradores do Serviluz vivenciam com o mar e a maneira na qual as campanhas publicitárias tratam a praia como mercadoria a partir de narrativas visuais e sonoras.

A intervenção é uma criação de Ana Paula Veras, com orientação de Deisimer Gorczevski e colaboração de Pedro Fernandes, Priscilla Sousa, Sabrina Araújo, Bruno Ribeiro, Nataska Conrado, Aline Albuquerque, Emilia Schamm e Yuri Peixoto.