Tragédia Golden Park: Corpo de Bombeiros realizará nova vistoria no local


Tragédia Golden Park: Corpo de Bombeiros realizará nova vistoria no local

Corpo de Thiago Fernandes será velado a partir das 12h desta quinta-feira (14); Das 5 pessoas feridas, 3 são crianças, mas nenhuma corre risco de morte

Por Thamiris Treigher em Cotidiano

14 de agosto de 2014 às 11:50

Há 5 anos
bombeiros

Corpo de Bombeiros de Fortaleza (Foto: CPF)

Um jovem de 26 anos morreu e pelo menos 5 pessoas ficaram feridas após acidente envolvendo um brinquedo do Parque de Diversões Golden Park, localizado na Avenida Washington Soares, no bairro Edson Queiroz, em Fortaleza.

O brinquedo chamado ‘Caos’ despencou quando fazia um movimento que deixava as pessoas de cabeça para baixo. Parte da estrutura despencou e deixou os participantes presos nas ferragens. Um homem, identificado como Thiago Fernandes Barreto, morreu no momento da tragédia.

Na manhã desta quinta-feira (14), O Corpo de Bombeiros faz uma reunião pra realizar uma nova vistoria no parque. Pela manhã, houve uma verificação nos documentos do parque. O Certificado de Conformidade dos Extintores estava dentro da normalidade, assim como  o documento Anotação de Responsabilidade Técnica.

[uol video=”http://mais.uol.com.br/view/15160716″]

[uol video=”http://mais.uol.com.br/view/15160708″]

As últimas informações confirmam 5 pessoas feridas, dentre elas, 3 crianças.   Quatro foram liberados e um deles foi encaminhado para o IJF, com provável hemorragia na altura do abdômem. O corpo de Thiago Fernandes vai ser velado a partir das 12h00h desta quinta-feira (14). O enterro será às 16h no Cemitério São João Batista.

Em nota à imprensa, a assessoria do Golden Park declarou que: ” Sobre a fatalidade que ocorreu no dia 13 de agosto, o Golden Park esclarece que está tomando todas as medidas cabíveis, contribuindo com o trabalho de investigação e auxílio total e irrestrito à família da vítima. Ao longo dos seus 20 anos de atuação no Nordeste, nunca foi registrado tal acontecimento. A Direção lamenta profundamente, uma vez que o parque possui todos os alvarás e controles de segurança necessários e exigidos para seu pleno funcionamento, além de equipe qualificada e treinada”.

Segundo a Regional VI, toda a documentação do parque está válida até o final do ano.

Publicidade

Dê sua opinião

Tragédia Golden Park: Corpo de Bombeiros realizará nova vistoria no local

Corpo de Thiago Fernandes será velado a partir das 12h desta quinta-feira (14); Das 5 pessoas feridas, 3 são crianças, mas nenhuma corre risco de morte

Por Thamiris Treigher em Cotidiano

14 de agosto de 2014 às 11:50

Há 5 anos
bombeiros

Corpo de Bombeiros de Fortaleza (Foto: CPF)

Um jovem de 26 anos morreu e pelo menos 5 pessoas ficaram feridas após acidente envolvendo um brinquedo do Parque de Diversões Golden Park, localizado na Avenida Washington Soares, no bairro Edson Queiroz, em Fortaleza.

O brinquedo chamado ‘Caos’ despencou quando fazia um movimento que deixava as pessoas de cabeça para baixo. Parte da estrutura despencou e deixou os participantes presos nas ferragens. Um homem, identificado como Thiago Fernandes Barreto, morreu no momento da tragédia.

Na manhã desta quinta-feira (14), O Corpo de Bombeiros faz uma reunião pra realizar uma nova vistoria no parque. Pela manhã, houve uma verificação nos documentos do parque. O Certificado de Conformidade dos Extintores estava dentro da normalidade, assim como  o documento Anotação de Responsabilidade Técnica.

[uol video=”http://mais.uol.com.br/view/15160716″]

[uol video=”http://mais.uol.com.br/view/15160708″]

As últimas informações confirmam 5 pessoas feridas, dentre elas, 3 crianças.   Quatro foram liberados e um deles foi encaminhado para o IJF, com provável hemorragia na altura do abdômem. O corpo de Thiago Fernandes vai ser velado a partir das 12h00h desta quinta-feira (14). O enterro será às 16h no Cemitério São João Batista.

Em nota à imprensa, a assessoria do Golden Park declarou que: ” Sobre a fatalidade que ocorreu no dia 13 de agosto, o Golden Park esclarece que está tomando todas as medidas cabíveis, contribuindo com o trabalho de investigação e auxílio total e irrestrito à família da vítima. Ao longo dos seus 20 anos de atuação no Nordeste, nunca foi registrado tal acontecimento. A Direção lamenta profundamente, uma vez que o parque possui todos os alvarás e controles de segurança necessários e exigidos para seu pleno funcionamento, além de equipe qualificada e treinada”.

Segundo a Regional VI, toda a documentação do parque está válida até o final do ano.