Servidores fazem boneco de Judas do prefeito para protesto por reajuste salarial

CAFÉ DA MANHÃ

Servidores fazem boneco de Judas do prefeito para protesto por reajuste salarial

O Sindifort montou, em frente ao Paço Municipal, uma mesa de café da manhã com um boneco do prefeito Roberto Cláudio

Por Tribuna do Ceará em Cotidiano

13 de junho de 2017 às 10:09

Há 2 anos
protesto-sindfort2

Protesto conta com boneco do prefeito Roberto Cláudio (FOTO: Jadson Silva)

Servidores municipais realizaram um protesto diferente, na manhã desta terça-feira (13). O Sindifort montou, em frente ao Paço Municipal, uma mesa de café da manhã com um boneco do prefeito Roberto Cláudio. De um lado, produtos baratos e vencidos, simbolizando o reajuste zero e às dificuldades dos servidores. Do outro, iguarias para sinalizar os gastos com o primeiro escalão da gestão e aliados.

Com o tema de “Não aceitamos reajuste zero”, os servidores cobraram as pautas da campanha salarial de 2017. O ato foi acertado em assembleia geral realizada na sede do sindicato, um dia após o prefeito Roberto Cláudio (PDT) afirmar que não concederá reajuste salarial devido a atual crise econômica.

Além do reajuste, a categoria também reivindica mais recursos e melhorias para o IPM-Saúde e IPM-Previfor, fim da terceirização e a realização de concursos públicos entre outras pautas.

Negociação

A data base dos servidores municipais foi em 1º de janeiro e para recuperar perdas salariais e ter algum ganho real, os servidores reivindicam reajuste de 13,60%. A pauta da campanha salarial de 2017 foi entregue em 9 de dezembro de 2016.

Publicidade

Dê sua opinião

CAFÉ DA MANHÃ

Servidores fazem boneco de Judas do prefeito para protesto por reajuste salarial

O Sindifort montou, em frente ao Paço Municipal, uma mesa de café da manhã com um boneco do prefeito Roberto Cláudio

Por Tribuna do Ceará em Cotidiano

13 de junho de 2017 às 10:09

Há 2 anos
protesto-sindfort2

Protesto conta com boneco do prefeito Roberto Cláudio (FOTO: Jadson Silva)

Servidores municipais realizaram um protesto diferente, na manhã desta terça-feira (13). O Sindifort montou, em frente ao Paço Municipal, uma mesa de café da manhã com um boneco do prefeito Roberto Cláudio. De um lado, produtos baratos e vencidos, simbolizando o reajuste zero e às dificuldades dos servidores. Do outro, iguarias para sinalizar os gastos com o primeiro escalão da gestão e aliados.

Com o tema de “Não aceitamos reajuste zero”, os servidores cobraram as pautas da campanha salarial de 2017. O ato foi acertado em assembleia geral realizada na sede do sindicato, um dia após o prefeito Roberto Cláudio (PDT) afirmar que não concederá reajuste salarial devido a atual crise econômica.

Além do reajuste, a categoria também reivindica mais recursos e melhorias para o IPM-Saúde e IPM-Previfor, fim da terceirização e a realização de concursos públicos entre outras pautas.

Negociação

A data base dos servidores municipais foi em 1º de janeiro e para recuperar perdas salariais e ter algum ganho real, os servidores reivindicam reajuste de 13,60%. A pauta da campanha salarial de 2017 foi entregue em 9 de dezembro de 2016.