Operários da obra na Av. Raul Barbosa ameaçam paralisar a construção para forçar embargo total


Operários da obra na Av. Raul Barbosa ameaçam paralisar a construção para forçar embargo total

A Prefeitura anunciou a retomada parcial nesta quinta, mas o sindicato avisou que ninguém trabalhará até que causa do acidente seja divulgada

Por Matheus Ribeiro em Cotidiano

24 de fevereiro de 2016 às 11:08

Há 3 anos
Técnicos da Secretaria de Infraestrutura do estado foram até o local onde aconteceu o desabamento. (FOTO: Fernanda Moura/Tribuna do Ceará)

Técnicos da Secretaria de Infraestrutura do estado foram até o local do desabamento. (FOTO: Fernanda Moura/Tribuna do Ceará)

A volta aos trabalhos do restante da obra de mobilidade urbana das avenidas Raul Barbosa e Murilo Borges, em Fortaleza, prevista para esta quinta-feira (25), está sob ameaça. É o que avisou o Sindicato dos Operários de construção Pesada (Sintepav), na manhã desta quarta-feira (24).

Em entrevista ao Tribuna do Ceará, o coordenador de fiscalização do sindicato, Archimedes Fortes, alertou que por determinação do presidente da categoria nenhum operário deve trabalhar na construção até se descobrir a causa do acidente ocorrido na última segunda-feira (22), que deixou dois operários mortos e três feridos, após o desabamento de uma ponte em construção.

“Foi embargado o trecho do acidente, mas por determinação do nosso presidente, nós não vamos deixar o outro trecho rodar enquanto não tivermos as causas do que aconteceu no relatório do acidente”, ameaça o coordenador.

O trecho da obra de mobilidade urbana, onde ocorreu o desabamento de uma ponte em construção, foi embargado pela Superintendência Regional do Trabalho e Emprego no Ceará (SRTE-CE) nesta terça-feira (23). Segundo o chefe de fiscalização do órgão, Luís Alves, a medida adotada tem como objetivo evitar novos acidentes.

Porém, conforme Archimedes, a intenção do sindicato é a de mobilizar os trabalhadores e impedir a entrada ao canteiro de obras. “Vamos continuar com a paralisação da obra geral até que sejam apuradas as causas. Para isso, vamos encaminhar outro ofício pedindo novamente o embargo da construção por completo”, ressalta.

Ouça a entrevista com o representante do sindicato dos operários:

Prevenção

Com a intenção de prevenir futuros acidentes em construções do mesmo tipo, visitas aos canteiros de obras devem ficar cada vez mais frequentes por parte do sindicato. Segundo Archimedes, é impossível prever um acidente como o que ocorreu na última segunda-feira, e o trabalho vai ser de notificar as empresas. “Vamos continuar com o trabalho que vinhamos fazendo de visitar as obras. Dessa vez, vamos intensificar ainda mais”, prometeu.

Acompanhe o caso:

24 de fevereiro – Operários que morreram em desabamento trabalhavam em obra há 2 meses

24 de fevereiro – Operário dado como desaparecido deixou local de trabalho após desabamento da ponte

24 de fevereiro – Trecho da obra da ponte que desabou na Av. Raul Barbosa é embargado

23 de fevereiro – Obras de mobilidade na Av. Raul Barbosa prosseguirão mesmo após acidente

23 de fevereiro – Mesmo com acidente em obra, trânsito na Av. Raul Barbosa flui normalmente

23 de fevereiro – Empresa responsável por construção na Av. Raul Barbosa já fez outras obras no Ceará

23 de fevereiro – Sindicato de operários pede a interdição de obra na Av. Raul Barbosa após desabamento

23 de fevereiro – Moradores relatam momentos de pavor após tragédia na Av. Raul Barbosa

23 de fevereiro – Crea descarta que chuva tenha causado desabamento de obra na Av. Raul Barbosa

23 de fevereiro – Entenda qual foi o local onde ocorreu o desabamento da ponte em construção no Lagamar

23 de fevereiro – Prefeitura garante que não terá prejuízo financeiro com desabamento de obra na Raul Barbosa

22 de fevereiro – Desabamento nas obras das Avenidas Raul Barbosa e Murilo Borges deixa operários soterrados

22 de fevereiro – AMC orienta que motoristas evitem a Avenida Raul Barbosa

22 de fevereiro – Socorrista foi o primeiro a chegar ao local e relata resgate de vítimas de desabamento

22 de fevereiro – Crea considera falha de escoramento como possível causa do desabamento no Lagamar

22 de fevereiro – Prefeitura notificará empresa responsável pela obra que desabou no Lagamar

22 de fevereiro – Dois operários morrem em desabamento na duplicação da ponte do Lagamar

Publicidade

Dê sua opinião

Operários da obra na Av. Raul Barbosa ameaçam paralisar a construção para forçar embargo total

A Prefeitura anunciou a retomada parcial nesta quinta, mas o sindicato avisou que ninguém trabalhará até que causa do acidente seja divulgada

Por Matheus Ribeiro em Cotidiano

24 de fevereiro de 2016 às 11:08

Há 3 anos
Técnicos da Secretaria de Infraestrutura do estado foram até o local onde aconteceu o desabamento. (FOTO: Fernanda Moura/Tribuna do Ceará)

Técnicos da Secretaria de Infraestrutura do estado foram até o local do desabamento. (FOTO: Fernanda Moura/Tribuna do Ceará)

A volta aos trabalhos do restante da obra de mobilidade urbana das avenidas Raul Barbosa e Murilo Borges, em Fortaleza, prevista para esta quinta-feira (25), está sob ameaça. É o que avisou o Sindicato dos Operários de construção Pesada (Sintepav), na manhã desta quarta-feira (24).

Em entrevista ao Tribuna do Ceará, o coordenador de fiscalização do sindicato, Archimedes Fortes, alertou que por determinação do presidente da categoria nenhum operário deve trabalhar na construção até se descobrir a causa do acidente ocorrido na última segunda-feira (22), que deixou dois operários mortos e três feridos, após o desabamento de uma ponte em construção.

“Foi embargado o trecho do acidente, mas por determinação do nosso presidente, nós não vamos deixar o outro trecho rodar enquanto não tivermos as causas do que aconteceu no relatório do acidente”, ameaça o coordenador.

O trecho da obra de mobilidade urbana, onde ocorreu o desabamento de uma ponte em construção, foi embargado pela Superintendência Regional do Trabalho e Emprego no Ceará (SRTE-CE) nesta terça-feira (23). Segundo o chefe de fiscalização do órgão, Luís Alves, a medida adotada tem como objetivo evitar novos acidentes.

Porém, conforme Archimedes, a intenção do sindicato é a de mobilizar os trabalhadores e impedir a entrada ao canteiro de obras. “Vamos continuar com a paralisação da obra geral até que sejam apuradas as causas. Para isso, vamos encaminhar outro ofício pedindo novamente o embargo da construção por completo”, ressalta.

Ouça a entrevista com o representante do sindicato dos operários:

Prevenção

Com a intenção de prevenir futuros acidentes em construções do mesmo tipo, visitas aos canteiros de obras devem ficar cada vez mais frequentes por parte do sindicato. Segundo Archimedes, é impossível prever um acidente como o que ocorreu na última segunda-feira, e o trabalho vai ser de notificar as empresas. “Vamos continuar com o trabalho que vinhamos fazendo de visitar as obras. Dessa vez, vamos intensificar ainda mais”, prometeu.

Acompanhe o caso:

24 de fevereiro – Operários que morreram em desabamento trabalhavam em obra há 2 meses

24 de fevereiro – Operário dado como desaparecido deixou local de trabalho após desabamento da ponte

24 de fevereiro – Trecho da obra da ponte que desabou na Av. Raul Barbosa é embargado

23 de fevereiro – Obras de mobilidade na Av. Raul Barbosa prosseguirão mesmo após acidente

23 de fevereiro – Mesmo com acidente em obra, trânsito na Av. Raul Barbosa flui normalmente

23 de fevereiro – Empresa responsável por construção na Av. Raul Barbosa já fez outras obras no Ceará

23 de fevereiro – Sindicato de operários pede a interdição de obra na Av. Raul Barbosa após desabamento

23 de fevereiro – Moradores relatam momentos de pavor após tragédia na Av. Raul Barbosa

23 de fevereiro – Crea descarta que chuva tenha causado desabamento de obra na Av. Raul Barbosa

23 de fevereiro – Entenda qual foi o local onde ocorreu o desabamento da ponte em construção no Lagamar

23 de fevereiro – Prefeitura garante que não terá prejuízo financeiro com desabamento de obra na Raul Barbosa

22 de fevereiro – Desabamento nas obras das Avenidas Raul Barbosa e Murilo Borges deixa operários soterrados

22 de fevereiro – AMC orienta que motoristas evitem a Avenida Raul Barbosa

22 de fevereiro – Socorrista foi o primeiro a chegar ao local e relata resgate de vítimas de desabamento

22 de fevereiro – Crea considera falha de escoramento como possível causa do desabamento no Lagamar

22 de fevereiro – Prefeitura notificará empresa responsável pela obra que desabou no Lagamar

22 de fevereiro – Dois operários morrem em desabamento na duplicação da ponte do Lagamar