Família que sobreviveu a acidente entre moto e bicicleta enfrenta dificuldades

SITUAÇÃO DIFÍCIL

Família que sobreviveu a acidente entre moto e bicicleta enfrenta dificuldades

Aluguel e sustento das crianças podem ficar comprometidos. A família foi vítima de uma colisão entre sua bicicleta e uma motocicleta na última quarta-feira (22)

Por TV Jangadeiro em Cotidiano

24 de maio de 2019 às 10:27

Há 3 semanas

José Josenir paga 350 reais de aluguel pela residência, em uma vila do bairro Cristo Redentor

O ajudante de pedreiro José Josenir, sua esposa e seus dois filhos devem enfrentar dificuldades financeiras nos próximos meses. A família foi vítima de uma colisão entre sua bicicleta e uma motocicleta na última quarta-feira (22), em Fortaleza. 

Até que esteja recuperado, Josenir não poderá trabalhar. A situação compromete o pagamento do aluguel da casa em que moram, no bairro Cristo Redentor.

O acidente ocorreu na avenida Francisco Sá e foi flagrado por câmeras de segurança. No vídeo, é possível ver que todos os envolvidos caíram no chão. Somente Josenir sofreu consequências graves. Além de fraturar o ombro e a mão, ele levou 14 pontos na cabeça.

“O ombro dói demais. Fiquei com uma dor no peito também. Não vai dar certo trabalhar, por não sei quanto tempo. A gente que é trabalhador não pode parar. A gente não se acostuma com isso”, lamenta o ajudante de pedreiro.

No momento da colisão, ele transportava a família da casa da sogra para a vila onde moram. Josenir ficou desacordado e foi conduzido ao hospital Instituto Doutor José Frota (IJF). “Eu desmaiei e não vi mais nada, já acordei no IJF. Foi um milagre”, considera o pai de família.

Vanessa Ramalho, esposa de José, relembra emocionada o momento do acidente. Segundo ela, a preocupação com o filho recém-nascido foi preponderante.

“Meu filho estava na frente, com o pai, e foi parar lá longe. Vi ele caído e pensei logo no filho pequeno. Esse aqui (aponta para o bebê) estava no meu colo. Caí sentada e segurei ele. Arranhou a testinha, mas foi só isso”, conta a dona de casa.

Segundo ela, não é a primeira vez que o marido precisa ficar sem trabalhar. Ela afirma que a situação sempre o deixa entristecido.

“Ele ficava super triste quando quando não arranjava um ‘bico’, um emprego, porque tinha que sustentar as crianças. Agora, se aparecer algo, ele não tem como fazer”, lamenta a esposa.

Para ajudar a família de Josenir e Vanessa, basta ligar para (85) 9 8776-5277 ou contactar a produção do programa Barra Pesada, no número (85) 9 8135-3131.

Confira reportagem no programa Barra Pesada, da TV Jangadeiro/SBT, às 12h05 desta sexta-feira (24).

Publicidade

Dê sua opinião

SITUAÇÃO DIFÍCIL

Família que sobreviveu a acidente entre moto e bicicleta enfrenta dificuldades

Aluguel e sustento das crianças podem ficar comprometidos. A família foi vítima de uma colisão entre sua bicicleta e uma motocicleta na última quarta-feira (22)

Por TV Jangadeiro em Cotidiano

24 de maio de 2019 às 10:27

Há 3 semanas

José Josenir paga 350 reais de aluguel pela residência, em uma vila do bairro Cristo Redentor

O ajudante de pedreiro José Josenir, sua esposa e seus dois filhos devem enfrentar dificuldades financeiras nos próximos meses. A família foi vítima de uma colisão entre sua bicicleta e uma motocicleta na última quarta-feira (22), em Fortaleza. 

Até que esteja recuperado, Josenir não poderá trabalhar. A situação compromete o pagamento do aluguel da casa em que moram, no bairro Cristo Redentor.

O acidente ocorreu na avenida Francisco Sá e foi flagrado por câmeras de segurança. No vídeo, é possível ver que todos os envolvidos caíram no chão. Somente Josenir sofreu consequências graves. Além de fraturar o ombro e a mão, ele levou 14 pontos na cabeça.

“O ombro dói demais. Fiquei com uma dor no peito também. Não vai dar certo trabalhar, por não sei quanto tempo. A gente que é trabalhador não pode parar. A gente não se acostuma com isso”, lamenta o ajudante de pedreiro.

No momento da colisão, ele transportava a família da casa da sogra para a vila onde moram. Josenir ficou desacordado e foi conduzido ao hospital Instituto Doutor José Frota (IJF). “Eu desmaiei e não vi mais nada, já acordei no IJF. Foi um milagre”, considera o pai de família.

Vanessa Ramalho, esposa de José, relembra emocionada o momento do acidente. Segundo ela, a preocupação com o filho recém-nascido foi preponderante.

“Meu filho estava na frente, com o pai, e foi parar lá longe. Vi ele caído e pensei logo no filho pequeno. Esse aqui (aponta para o bebê) estava no meu colo. Caí sentada e segurei ele. Arranhou a testinha, mas foi só isso”, conta a dona de casa.

Segundo ela, não é a primeira vez que o marido precisa ficar sem trabalhar. Ela afirma que a situação sempre o deixa entristecido.

“Ele ficava super triste quando quando não arranjava um ‘bico’, um emprego, porque tinha que sustentar as crianças. Agora, se aparecer algo, ele não tem como fazer”, lamenta a esposa.

Para ajudar a família de Josenir e Vanessa, basta ligar para (85) 9 8776-5277 ou contactar a produção do programa Barra Pesada, no número (85) 9 8135-3131.

Confira reportagem no programa Barra Pesada, da TV Jangadeiro/SBT, às 12h05 desta sexta-feira (24).