Consumidor e empresas podem renegociar dívidas pela internet

LIMPA NOME

Consumidor e empresas podem renegociar dívidas pela internet

Feirão acontece até 30 de maio. Instituições têm prazo de 10 dias para apresentar proposta ou resposta

Por Roberta Tavares em Cotidiano

16 de maio de 2016 às 06:00

Há 3 anos
Iniciativa começa nesta segunda-feira (FOTO: Divulgação)

Iniciativa começa nesta segunda-feira (FOTO: Divulgação)

Entre os dias 16 e 30 de maio, será possível renegociar as dívidas com instituições financeiras sem sair de casa ou do escritório. A Secretaria Nacional do Consumidor do Ministério da Justiça, em ação conjunta com a Serasa, o Banco Central do Brasil, o Sebrae e a Febraban, realizará renegociação de dívidas em todo o Brasil.

A iniciativa permitirá que o cidadão, microempreendedor individual (MEI), micro e pequenas empresas façam a renegociação de suas dívidas pelo próprio computador. O caminho para o cidadão e o MEI renegociarem é a plataforma Consumidor. Já as companhias podem acessar o Limpa Nome Online Empresas da Serasa.

Para participar, o consumidor e o MEI devem fazer o registro para receber um login e senha. A partir disso, basta selecionar uma instituição financeira cadastrada e formalizar a solicitação de renegociação de débitos. Após finalizar o registro, o banco ou instituição financeira tem o prazo de até dez dias para apresentar uma proposta ou resposta.

No momento do preenchimento do registro, é imprescindível que o consumidor informe corretamente seus telefones e e-mail para contato, pois esses dados facilitarão o atendimento por parte dos bancos e instituições financeiras participantes. Terminado o prazo para resposta do fornecedor, o consumidor tem o prazo de até 20 dias para avaliar o atendimento recebido.

As micro e pequenas empresas de todo o país precisam preencher um cadastro no site Limpa Nome. Em seguida, o empresário vai entrar na página onde estarão relacionadas as empresas participantes. As companhias dispostas a negociação poderão ser consultadas na mesma página.

Publicidade

Dê sua opinião

LIMPA NOME

Consumidor e empresas podem renegociar dívidas pela internet

Feirão acontece até 30 de maio. Instituições têm prazo de 10 dias para apresentar proposta ou resposta

Por Roberta Tavares em Cotidiano

16 de maio de 2016 às 06:00

Há 3 anos
Iniciativa começa nesta segunda-feira (FOTO: Divulgação)

Iniciativa começa nesta segunda-feira (FOTO: Divulgação)

Entre os dias 16 e 30 de maio, será possível renegociar as dívidas com instituições financeiras sem sair de casa ou do escritório. A Secretaria Nacional do Consumidor do Ministério da Justiça, em ação conjunta com a Serasa, o Banco Central do Brasil, o Sebrae e a Febraban, realizará renegociação de dívidas em todo o Brasil.

A iniciativa permitirá que o cidadão, microempreendedor individual (MEI), micro e pequenas empresas façam a renegociação de suas dívidas pelo próprio computador. O caminho para o cidadão e o MEI renegociarem é a plataforma Consumidor. Já as companhias podem acessar o Limpa Nome Online Empresas da Serasa.

Para participar, o consumidor e o MEI devem fazer o registro para receber um login e senha. A partir disso, basta selecionar uma instituição financeira cadastrada e formalizar a solicitação de renegociação de débitos. Após finalizar o registro, o banco ou instituição financeira tem o prazo de até dez dias para apresentar uma proposta ou resposta.

No momento do preenchimento do registro, é imprescindível que o consumidor informe corretamente seus telefones e e-mail para contato, pois esses dados facilitarão o atendimento por parte dos bancos e instituições financeiras participantes. Terminado o prazo para resposta do fornecedor, o consumidor tem o prazo de até 20 dias para avaliar o atendimento recebido.

As micro e pequenas empresas de todo o país precisam preencher um cadastro no site Limpa Nome. Em seguida, o empresário vai entrar na página onde estarão relacionadas as empresas participantes. As companhias dispostas a negociação poderão ser consultadas na mesma página.