Pré-candidato à prefeitura de Solonópole é condenado por propaganda antecipada - Noticias


Pré-candidato à prefeitura de Solonópole é condenado por propaganda antecipada

O pré-candidato à prefeitura de Solonópole, no Sertão Central do Estado, Webston Pinheiro, foi condenado a pagar multa de R$ 20 mil por propaganda eleitoral antecipada. De acordo com o Ministério Público Eleitoral, ele insistiu em dar continuidade a práticas vedadas pela legislação

Por Tribuna do Ceará em Ceará

28 de fevereiro de 2012 às 17:08

Há 7 anos

Webston Pinheiro (PRB) vai pagar multa de R$ 20 mil por propaganda irregular (Foto: Gazetão do Ceará)

O pré-candidato à prefeitura de Solonópole, no Sertão Central do Estado, Webston Pinheiro (PRB),  foi condenado a pagar multa de R$ 20 mil por propaganda eleitoral antecipada. De acordo com o Ministério Público Eleitoral, ele insistiu em dar continuidade a práticas vedadas pela legislação.

Segundo a denúncia, Webston teria promovido uma festa de natal gratuita, que incluía sorteio de brindes, “Trenzinho da Alegria”, tobogãs, cama elástica, dentre outros atrativos. Também houve extensa divulgação da ação por meio de informes escritos.

O Ministério Público Eleitoral entendeu que o ato também pode ser enquadrado como abuso do poder econômico e dos meios de comunicação. Por isso, o promotor Eleitoral Déric Funck Leite, propôs uma Ação de Investigação Judicial Eleitoral (AIJE) pedindo a inelegibilidade de Webston para as eleições de 2012 e pelos próximos oito anos, com base na Lei da Ficha Limpa.

Leia mais:
Ficha Limpa: Ceará foi campeão de impugnações na última eleição

Dilma Rousseff deveria adotar a Ficha Limpa na escolha de autoridades, diz Pedro Simon

Quem escapou da Lei da Ficha Limpa

Publicidade

Dê sua opinião

Pré-candidato à prefeitura de Solonópole é condenado por propaganda antecipada

O pré-candidato à prefeitura de Solonópole, no Sertão Central do Estado, Webston Pinheiro, foi condenado a pagar multa de R$ 20 mil por propaganda eleitoral antecipada. De acordo com o Ministério Público Eleitoral, ele insistiu em dar continuidade a práticas vedadas pela legislação

Por Tribuna do Ceará em Ceará

28 de fevereiro de 2012 às 17:08

Há 7 anos

Webston Pinheiro (PRB) vai pagar multa de R$ 20 mil por propaganda irregular (Foto: Gazetão do Ceará)

O pré-candidato à prefeitura de Solonópole, no Sertão Central do Estado, Webston Pinheiro (PRB),  foi condenado a pagar multa de R$ 20 mil por propaganda eleitoral antecipada. De acordo com o Ministério Público Eleitoral, ele insistiu em dar continuidade a práticas vedadas pela legislação.

Segundo a denúncia, Webston teria promovido uma festa de natal gratuita, que incluía sorteio de brindes, “Trenzinho da Alegria”, tobogãs, cama elástica, dentre outros atrativos. Também houve extensa divulgação da ação por meio de informes escritos.

O Ministério Público Eleitoral entendeu que o ato também pode ser enquadrado como abuso do poder econômico e dos meios de comunicação. Por isso, o promotor Eleitoral Déric Funck Leite, propôs uma Ação de Investigação Judicial Eleitoral (AIJE) pedindo a inelegibilidade de Webston para as eleições de 2012 e pelos próximos oito anos, com base na Lei da Ficha Limpa.

Leia mais:
Ficha Limpa: Ceará foi campeão de impugnações na última eleição

Dilma Rousseff deveria adotar a Ficha Limpa na escolha de autoridades, diz Pedro Simon

Quem escapou da Lei da Ficha Limpa