Apenas 44% dos municípios cearenses são atendidos pelo SAMU


Números de municípios do Ceará atendidos pelo Samu são diferentes

Governo estadual aponta 81 cidades atendidas, enquanto o Ministério da Saúde informa que são apenas 43

Por Tribuna do Ceará em Ceará

13 de agosto de 2013 às 17:50

Há 6 anos

A maioria dos municípios cearenses não dispõe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Números apresentados ao Tribuna do Ceará pelo Ministério da Saúde e pela Secretaria da Saúde são divergentes quanto à abrangência do Samu do estado, mas ambos mostram que grande parte dos municípios cearenses ainda não dispõe do programa nacional de atendimento de urgência.

De acordo com a Secretaria de Saúde do Estado (Sesa), das 181 cidades do Ceará, apenas 81 – ou 44% dos municípios – são cobertos pelo serviço. O Governo do Estado tem projeto para ampliação do Samu no interior, mas, segundo pasta, ainda não há prazo definido para o início dessa ampliação.

Divergência

Pelos dados da Sesa, 66% dos municípios não possuem serviço de Samu. Para o Ministério da Saúde, o índice é ainda maior. Segundo a assessoria de imprensa do órgão do Governo Federal, somente 43 cidades cearenses – já incluindo Fortaleza – possuem o atendimento. Neste caso, para o Ministério da Saúde, 76,25% das cidades cearenses  não contam com o Samu.

Situação precária

Nos dados da Sesa, dos 81 municípios que dispõem do Samu, somente em Fortaleza e em Sobral o serviço é implantado e organizado pelas respectivas prefeituras. Nas outras 79 cidades, quem organiza é o Governo do Estado, através do programa Samu Ceará, que é divido em três etapas.

Atualmente, somente o Polo 1 – ou a primeira etapa – está funcionando, dando cobertura a 2,9 milhões de habitantes nas 79 cidades, segundo a Sesa. Ainda de acordo com a Secretaria de Saúde, nos 100 municípios não cobertos, o atendimento de urgência e emergência aos cidadãos é feito exclusivamente pelas estruturas municipais disponíveis.

Mas nem sempre existem condições dignas de atendimento nas prefeituras. No início de agosto, o Tribuna do Ceará mostrou que no município de Quixeramobim, por causa da falta de um atendimento de urgência e emergência bem estruturado, cidadãos são socorridos na carroceria de carros da Polícia Militar ou da autarquia de trânsito. O município, possui apenas três ambulâncias do hospital municipal.

Confira a lista dos 79 municípios atendidos pelo Samu Ceará:

 

AcarapéAlto SantoAmontadaApuiarésAquirazAracatiAracoiabaAratubaBanabuiú

Barreira

Baturité

Beberibe

Boa Viagem

Canindé

Capistrano

Caridade

Cascavel

Caucaia

Choró

Chorozinho

Ererê

Eusébio

Fortim

General Sampaio

Guaiúba

Guaraminga

Horizonte

IbaratemaIbicuitingaIcapuíIracemaItaiçabaItaitingaItapajéItapipocaItapiúna

Itatira

Jaguaretama

Jaguaribara

Jaguaribe

aguaruana

Limoeiro do Norte

Madalena

Maracanaú

Maranguape

Milhã

Miraíma

Morada Nova

Mulungu

Ocara

Pacajus

Pacatuba

Pacoti

Palhano

PalmáciaParacuruParaípabaParamotiPedra BrancaPentecostePereiroPindoretamaPotiretama

Quixadá

Quixeramobim

Quixeré

Redenção

Russas

São Gonçalo do Amarante

São João do Jaguaribe

São Luís do Curu

Senador Pompeu

Solonópole

Tabuleiro do norte

Tejuçuóca

Trairi

Tururu

Umirim

Urubutema

 

Publicidade

Dê sua opinião

Números de municípios do Ceará atendidos pelo Samu são diferentes

Governo estadual aponta 81 cidades atendidas, enquanto o Ministério da Saúde informa que são apenas 43

Por Tribuna do Ceará em Ceará

13 de agosto de 2013 às 17:50

Há 6 anos

A maioria dos municípios cearenses não dispõe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Números apresentados ao Tribuna do Ceará pelo Ministério da Saúde e pela Secretaria da Saúde são divergentes quanto à abrangência do Samu do estado, mas ambos mostram que grande parte dos municípios cearenses ainda não dispõe do programa nacional de atendimento de urgência.

De acordo com a Secretaria de Saúde do Estado (Sesa), das 181 cidades do Ceará, apenas 81 – ou 44% dos municípios – são cobertos pelo serviço. O Governo do Estado tem projeto para ampliação do Samu no interior, mas, segundo pasta, ainda não há prazo definido para o início dessa ampliação.

Divergência

Pelos dados da Sesa, 66% dos municípios não possuem serviço de Samu. Para o Ministério da Saúde, o índice é ainda maior. Segundo a assessoria de imprensa do órgão do Governo Federal, somente 43 cidades cearenses – já incluindo Fortaleza – possuem o atendimento. Neste caso, para o Ministério da Saúde, 76,25% das cidades cearenses  não contam com o Samu.

Situação precária

Nos dados da Sesa, dos 81 municípios que dispõem do Samu, somente em Fortaleza e em Sobral o serviço é implantado e organizado pelas respectivas prefeituras. Nas outras 79 cidades, quem organiza é o Governo do Estado, através do programa Samu Ceará, que é divido em três etapas.

Atualmente, somente o Polo 1 – ou a primeira etapa – está funcionando, dando cobertura a 2,9 milhões de habitantes nas 79 cidades, segundo a Sesa. Ainda de acordo com a Secretaria de Saúde, nos 100 municípios não cobertos, o atendimento de urgência e emergência aos cidadãos é feito exclusivamente pelas estruturas municipais disponíveis.

Mas nem sempre existem condições dignas de atendimento nas prefeituras. No início de agosto, o Tribuna do Ceará mostrou que no município de Quixeramobim, por causa da falta de um atendimento de urgência e emergência bem estruturado, cidadãos são socorridos na carroceria de carros da Polícia Militar ou da autarquia de trânsito. O município, possui apenas três ambulâncias do hospital municipal.

Confira a lista dos 79 municípios atendidos pelo Samu Ceará:

 

AcarapéAlto SantoAmontadaApuiarésAquirazAracatiAracoiabaAratubaBanabuiú

Barreira

Baturité

Beberibe

Boa Viagem

Canindé

Capistrano

Caridade

Cascavel

Caucaia

Choró

Chorozinho

Ererê

Eusébio

Fortim

General Sampaio

Guaiúba

Guaraminga

Horizonte

IbaratemaIbicuitingaIcapuíIracemaItaiçabaItaitingaItapajéItapipocaItapiúna

Itatira

Jaguaretama

Jaguaribara

Jaguaribe

aguaruana

Limoeiro do Norte

Madalena

Maracanaú

Maranguape

Milhã

Miraíma

Morada Nova

Mulungu

Ocara

Pacajus

Pacatuba

Pacoti

Palhano

PalmáciaParacuruParaípabaParamotiPedra BrancaPentecostePereiroPindoretamaPotiretama

Quixadá

Quixeramobim

Quixeré

Redenção

Russas

São Gonçalo do Amarante

São João do Jaguaribe

São Luís do Curu

Senador Pompeu

Solonópole

Tabuleiro do norte

Tejuçuóca

Trairi

Tururu

Umirim

Urubutema