Mãe fala sobre relação incestuosa entre pai e filha - Noticias


Mãe fala sobre relação incestuosa entre pai e filha

A equipe do Barra Pesada foi até a localidade de Riachinho, no município de Várzea Alegre, para conversar com dona Maria da Penha, a mãe que viu sua filha virar amante do próprio pai.

Por Tribuna do Ceará em Ceará

9 de setembro de 2011 às 16:42

Há 8 anos

A equipe do Barra Pesada foi até a localidade de Riachinho, no município de Várzea Alegre, para conversar com dona Maria da Penha, a mãe que viu sua filha virar amante do próprio pai.

Na entrevista, dona Maria relatou que sofria com crises nervosas e viajava para passar um período com a mãe em Riachinho. José Antônio Cassiano aproveitava a sua ausência para abusar da própria filha.

A garota, que dormia no corredor, começou a dormir na mesma cama, tomar banho e sair apenas com o pai. José tornou-se agressivo com a esposa e os outros filhos, atitudes que levaram dona Maria e os vizinhos a desconfiarem do envolvimento dos dois.

Após a primeira gravidez da filha, a mãe começou a perguntar se havia alguma relação íntima entre pai e filha, mas a menina sempre negava e José jogava a responsabilidade para um rapaz com quem a garota costumava ir às festas. Quando Maria da Penha descobriu que a filha era amante do marido, entrou em depressão.

Apesar de não desejar nenhuma mal e nunca ter denunciado o ex-marido, dona Maria disse ao Barra Pesada que está muito feliz com o cumprimento da lei.

Veja a reportagem exibida no programa Barra Pesada:



Publicidade

Dê sua opinião

Mãe fala sobre relação incestuosa entre pai e filha

A equipe do Barra Pesada foi até a localidade de Riachinho, no município de Várzea Alegre, para conversar com dona Maria da Penha, a mãe que viu sua filha virar amante do próprio pai.

Por Tribuna do Ceará em Ceará

9 de setembro de 2011 às 16:42

Há 8 anos

A equipe do Barra Pesada foi até a localidade de Riachinho, no município de Várzea Alegre, para conversar com dona Maria da Penha, a mãe que viu sua filha virar amante do próprio pai.

Na entrevista, dona Maria relatou que sofria com crises nervosas e viajava para passar um período com a mãe em Riachinho. José Antônio Cassiano aproveitava a sua ausência para abusar da própria filha.

A garota, que dormia no corredor, começou a dormir na mesma cama, tomar banho e sair apenas com o pai. José tornou-se agressivo com a esposa e os outros filhos, atitudes que levaram dona Maria e os vizinhos a desconfiarem do envolvimento dos dois.

Após a primeira gravidez da filha, a mãe começou a perguntar se havia alguma relação íntima entre pai e filha, mas a menina sempre negava e José jogava a responsabilidade para um rapaz com quem a garota costumava ir às festas. Quando Maria da Penha descobriu que a filha era amante do marido, entrou em depressão.

Apesar de não desejar nenhuma mal e nunca ter denunciado o ex-marido, dona Maria disse ao Barra Pesada que está muito feliz com o cumprimento da lei.

Veja a reportagem exibida no programa Barra Pesada: