Cadeia Pública de Santa Quitéria passa a ter visitas restritas


Cadeia Pública de Santa Quitéria passa a ter visitas restritas

As visitas serão permitidas após prévio cadastro perante o agente penitenciário responsável

Por Tribuna do Ceará em Ceará

2 de maio de 2013 às 19:04

Há 6 anos

As visitas da Cadeia Pública de Santa Quitéria serão restritas às pessoas cadastradas. Essa decisão foi realizada pelo juiz José Valdecy Braga de Sousa, titular da 1ª Vara da Comarca de Santa Quitéria, assinada nesta quinta-feira (2).

As visitas serão permitidas após prévio cadastro perante o agente penitenciário responsável, segundo o modelo da Secretaria de Justiça. Está proibido o ingresso de pessoas com shorts e saias curtas, além da entrada de valores de qualquer espécie em favor dos detentos.

A visita de crianças e adolescentes será permitida apenas aos filhos do preso, acompanhados de responsável legal, sendo limitada aos domingos. Os companheiros com menos de 18 anos poderão entrar, mas somente mediante autorização do Juízo, e após comprovação do casamento ou união estável.

Saída de presos

O magistrado também regulamentou a saída dos presos. Os condenados que cumprem pena em regime fechado ou semiaberto e os presos provisórios só podem sair em caso de falecimento do cônjuge, companheira, ascendente, descendente ou irmão.

É possível também ter permissão de saída em casos de necessidade de tratamento médico. Nas duas situações, é necessário ter escolta do policiais. A permanência terá a duração estritamente necessária à finalidade da saída.

Publicidade

Dê sua opinião

Cadeia Pública de Santa Quitéria passa a ter visitas restritas

As visitas serão permitidas após prévio cadastro perante o agente penitenciário responsável

Por Tribuna do Ceará em Ceará

2 de maio de 2013 às 19:04

Há 6 anos

As visitas da Cadeia Pública de Santa Quitéria serão restritas às pessoas cadastradas. Essa decisão foi realizada pelo juiz José Valdecy Braga de Sousa, titular da 1ª Vara da Comarca de Santa Quitéria, assinada nesta quinta-feira (2).

As visitas serão permitidas após prévio cadastro perante o agente penitenciário responsável, segundo o modelo da Secretaria de Justiça. Está proibido o ingresso de pessoas com shorts e saias curtas, além da entrada de valores de qualquer espécie em favor dos detentos.

A visita de crianças e adolescentes será permitida apenas aos filhos do preso, acompanhados de responsável legal, sendo limitada aos domingos. Os companheiros com menos de 18 anos poderão entrar, mas somente mediante autorização do Juízo, e após comprovação do casamento ou união estável.

Saída de presos

O magistrado também regulamentou a saída dos presos. Os condenados que cumprem pena em regime fechado ou semiaberto e os presos provisórios só podem sair em caso de falecimento do cônjuge, companheira, ascendente, descendente ou irmão.

É possível também ter permissão de saída em casos de necessidade de tratamento médico. Nas duas situações, é necessário ter escolta do policiais. A permanência terá a duração estritamente necessária à finalidade da saída.