Após voadora, zagueiro do Icasa pede desculpas a jogador do Oeste - Esportes


Após voadora, zagueiro do Icasa pede desculpas a jogador do Oeste

Após sofrer críticas, defensor do Verdão do Cariri disse não ser criminoso

Por Thiago Sampaio em Futebol cearense

18 de julho de 2013 às 10:30

Há 6 anos
Zagueiro Bruno Perrone foi expulso após dar uma voadora no jogador Jheimy, do Oeste

Zagueiro Bruno Perrone foi expulso após dar uma voadora no jogador Jheimy, do Oeste – Foto: Agência Miséria

O zagueiro Bruno Perrone, do Icasa, foi expulso na derrota de 3 a 0 diante do Oeste após uma voadora no atacante Jheimy, que sofreu quatro fraturas na face. Após sofrer críticas, o defensor do Verdão do Cariri se pronunciou, pediu desculpas ao adversário e disse não ser criminoso.

“Foi tudo muito rápido. Dei uma passada no hotel, mas é uma situação delicada. Queria pedir desculpas. Quero ajudar o Jheimy na cirurgia. Vou fazer o que ele precisar. Posso indicar um bom médico para a cirurgia para que ele seja atendido da melhor maneira. Fiquei chateado com toda a repercussão. Não sou um criminoso”, disse Perrone ao site Miséria.

Jheimy, que deverá ficar fora dos campos pelo período de um mês a 45 dias, confirmou o contato com Bruno Perrone após o lance: “O zagueiro não teve maldade. Mas foi imprudência. Pensei que ele ia vir de cabeça. Nem esperava que ele fosse levantar o pé. Depois ele foi no hotel pedir desculpas e aceitei. Entendo que ele é pai de família e não queria me arrebentar. Mas acho difícil ele não pegar uma punição. Ninguém vai fazer isso por querer. Seria muita maldade”.

Publicidade

Dê sua opinião

Após voadora, zagueiro do Icasa pede desculpas a jogador do Oeste

Após sofrer críticas, defensor do Verdão do Cariri disse não ser criminoso

Por Thiago Sampaio em Futebol cearense

18 de julho de 2013 às 10:30

Há 6 anos
Zagueiro Bruno Perrone foi expulso após dar uma voadora no jogador Jheimy, do Oeste

Zagueiro Bruno Perrone foi expulso após dar uma voadora no jogador Jheimy, do Oeste – Foto: Agência Miséria

O zagueiro Bruno Perrone, do Icasa, foi expulso na derrota de 3 a 0 diante do Oeste após uma voadora no atacante Jheimy, que sofreu quatro fraturas na face. Após sofrer críticas, o defensor do Verdão do Cariri se pronunciou, pediu desculpas ao adversário e disse não ser criminoso.

“Foi tudo muito rápido. Dei uma passada no hotel, mas é uma situação delicada. Queria pedir desculpas. Quero ajudar o Jheimy na cirurgia. Vou fazer o que ele precisar. Posso indicar um bom médico para a cirurgia para que ele seja atendido da melhor maneira. Fiquei chateado com toda a repercussão. Não sou um criminoso”, disse Perrone ao site Miséria.

Jheimy, que deverá ficar fora dos campos pelo período de um mês a 45 dias, confirmou o contato com Bruno Perrone após o lance: “O zagueiro não teve maldade. Mas foi imprudência. Pensei que ele ia vir de cabeça. Nem esperava que ele fosse levantar o pé. Depois ele foi no hotel pedir desculpas e aceitei. Entendo que ele é pai de família e não queria me arrebentar. Mas acho difícil ele não pegar uma punição. Ninguém vai fazer isso por querer. Seria muita maldade”.