Oportunidade para trabalhar em cruzeiro marítimo com salários até R$ 4 mil


Oportunidade para trabalhar em cruzeiro com salário até R$ 4 mil

Empresa busca candidatos com faixa etária entre 18 a 35 anos, dinâmicos e com facilidade de trabalhar com públicos diversificados

Por Roberta Tavares em Empregos

8 de março de 2014 às 11:11

Há 5 anos
A empresa está em busca de 150 tripulantes (FOTO: Flickr/Creative Commons/JLCA)

A empresa está em busca de 150 tripulantes (FOTO: Flickr/Creative Commons/JLCA)

Que tal trabalhar em cruzeiro marítimo e ainda ganhar o salário em dólares americanos? A Rosa dos Ventos Brasil, empresa credenciada para recrutar e capacitar tripulantes para trabalhar a bordo dos navios de cruzeiros, promove mais um processo de seleção para trabalho a bordo de luxuosos navios. “Estamos com 150 vagas em aberto”, destaca o diretor-executivo da empresa, Diego Cabral.

Os salários variam de U$ 650 (aproximadamente R$ 1.500) a U$ 1.800 (cerca de R$ 4.200). Os pontos positivos do trabalho são: não existir custo com alimentação e estadia, conviver com mais de 40 nacionalidades e trabalhar em mais de 10 países durante o contrato.

A empresa está em busca de 150 tripulantes para atuar em mais de 30 funções, como médicos camareiros, garçons, recepcionistas, personal trainers, mensageiros, pessoal de bar, cozinheiros, chefes de cozinha entre várias outras áreas. As entrevistas serão realizadas até a primeira quinzena de abril.

> LEIA MAIS

Inscrições

Os interessados em participar do recrutamento devem efetuar o cadastro de primeiro embarque no site da Rosa dos Ventos, com os seguintes dados: nome completo/telefones/e-mail.

Em caso de dúvidas, o candidato pode ligar para o número (85) 3224.8344 ou enviar um e-mail para contato@rosadosventosbrasil.com.br. A empresa, após análise de cadastro, entra em contato com os candidatos e agenda entrevista.

Perfil

A empresa recrutadora busca candidatos com faixa etária entre 18 a 35 anos, dinâmicos, com facilidade de trabalhar com públicos diversificados, respeitando as normas marítimas e os aspectos culturais dos passageiros.

Publicidade

Dê sua opinião

Oportunidade para trabalhar em cruzeiro com salário até R$ 4 mil

Empresa busca candidatos com faixa etária entre 18 a 35 anos, dinâmicos e com facilidade de trabalhar com públicos diversificados

Por Roberta Tavares em Empregos

8 de março de 2014 às 11:11

Há 5 anos
A empresa está em busca de 150 tripulantes (FOTO: Flickr/Creative Commons/JLCA)

A empresa está em busca de 150 tripulantes (FOTO: Flickr/Creative Commons/JLCA)

Que tal trabalhar em cruzeiro marítimo e ainda ganhar o salário em dólares americanos? A Rosa dos Ventos Brasil, empresa credenciada para recrutar e capacitar tripulantes para trabalhar a bordo dos navios de cruzeiros, promove mais um processo de seleção para trabalho a bordo de luxuosos navios. “Estamos com 150 vagas em aberto”, destaca o diretor-executivo da empresa, Diego Cabral.

Os salários variam de U$ 650 (aproximadamente R$ 1.500) a U$ 1.800 (cerca de R$ 4.200). Os pontos positivos do trabalho são: não existir custo com alimentação e estadia, conviver com mais de 40 nacionalidades e trabalhar em mais de 10 países durante o contrato.

A empresa está em busca de 150 tripulantes para atuar em mais de 30 funções, como médicos camareiros, garçons, recepcionistas, personal trainers, mensageiros, pessoal de bar, cozinheiros, chefes de cozinha entre várias outras áreas. As entrevistas serão realizadas até a primeira quinzena de abril.

> LEIA MAIS

Inscrições

Os interessados em participar do recrutamento devem efetuar o cadastro de primeiro embarque no site da Rosa dos Ventos, com os seguintes dados: nome completo/telefones/e-mail.

Em caso de dúvidas, o candidato pode ligar para o número (85) 3224.8344 ou enviar um e-mail para contato@rosadosventosbrasil.com.br. A empresa, após análise de cadastro, entra em contato com os candidatos e agenda entrevista.

Perfil

A empresa recrutadora busca candidatos com faixa etária entre 18 a 35 anos, dinâmicos, com facilidade de trabalhar com públicos diversificados, respeitando as normas marítimas e os aspectos culturais dos passageiros.