Jurassic World traz de volta a magia dos dinossauros de Spielberg aos cinemas


‘Jurassic World’ traz de volta a magia dos dinossauros de Spielberg aos cinemas

Cinema também exibe espetáculos teatrais britânicos, como “Um Bonde Chamado Desejo”; outras estreias: “Deixa Rolar” e “Sob o Mesmo Céu”

Por Wolney Batista em Cinema

11 de junho de 2015 às 08:00

Há 4 anos
Jurassic World traz a saga que deu sucesso a Steven Spielberg (FOTO: Divulgação)

Jurassic World traz a saga que deu sucesso a Steven Spielberg (FOTO: Divulgação)

22 anos após o sucesso de bilheteria de “Jurassic Park” impressionar o mundo com a inovação em efeitos especiais, o quarto filme da franquia chega aos cinemas. “Jurassic World” estreia nesta quinta-feira (11) com um imenso burburinho e ansiedade dos fãs da série cinematográfica de Steven Spielberg.

Na história, o Jurassic Park, localizado na ilha Nublar, enfim está aberto ao público. Com isso, as pessoas podem conferir shows acrobáticos com dinossauros e até mesmo fazer passeios bem perto deles, já que agora estão domesticados. Entretanto, a equipe chefiada pela doutora Claire (Bryce Dallas Howard) passa a fazer experiências genéticas com estes seres, de forma a criar novas espécies. Uma delas logo adquire inteligência bem mais alta, logo se tornando uma grande ameaça para a existência humana.A produção tem no elenco o galã Chris Pratt.

Os críticos gostaram do novo passeio no parque, aprovado no Rotten Tomatoes por 75% dos jornalistas. Para Peter Travers (da Rolling Stone), “não é o cínico, tampouco o caça-níquel que você temia. OK, Jurassic World é um pouco disso. Mas esta forma de arte épica dos dinossauros é também uma explosão de rugidos, gritos e diversão”. Chris Hewitt (UK), da Empire, enaltece que “o parque temático mais famoso da história do cinema reabre com emoção, estilo e é fantástico. Aproveite o passeio”.

Mais estreias

Estreiam também nesta semana a comédia romântica “Deixa Rolar” (com Chris Evans) e a dramédia “Sob o Mesmo Céu” – do mesmo diretor de Jerry Maguire: A Grande Virada e Quase Famosos. A quinta-feira (17) reserva ainda a pré-estreia da animação da Pixar, “Divertida Mente”. Confira a programação completa das salas da Grande Fortaleza.

Em “Deixa Rolar“, Chris Evans vive um roteiristas que após sofrer um amor não correspondido motiva-se a escrever sobre suas experiências românticas fracassadas. Já o enredo de “Sob o Mesmo Céu” desenrola-se após o fracasso de uma missão do militar Brian Gilcrest (Bradley Cooper). Ele é enviado de volta para o Havaí, sua terra natal, para supervisionar o lançamento de um satélite. Lá, ele se reaproxima de um amor do passado (Rachel McAdams), ao mesmo tempo que começa a se apaixonar por uma piloto da Força Aérea (Emma Stone).

Festival Variloux no cinema do Dragão do Mar

O cinema do Dragão do Mar recebe o Festival Varilux de Cinema Francês a partir desta quinta-feira (11) e até o dia 24 de Junho. Serão 16 filmes inéditos da cinematografia francesa contemporânea, incluindo exibições especiais em cópia restaurada de “O Homem do Rio” (L’homme de Rio), clássico da década de 1960 dirigido por Philippe de Broca e estrelado por Jean-Paul Belmondo. Entre os destaques da edição 2015 do festival, está também a exibição do longa que abriu o último Festival de Cannes “De Cabeça Erguida” (de Emmanuelle Bercot), estrelado por Catherine Deneuve.

Sangue Azul” (de Lírio Ferreira), “Os Últimos Cangaceiros” (Wolney Oliveira) e “Permanência” (de Leonardo Lacca) continuam em cartaz na Sala 1 do complexo.

Acompanhe abaixo a programação completa das salas do Dragão:

Programação do Festival Variloux (ARTE: Divulgação)

Programação do Festival Variloux (ARTE: Divulgação).

UCI exibe espetáculos britânicos inéditos no Brasil

A UCI Cinemas fechou uma parceria inédita com o The National Theatre e vai exibir, nesta semana, a segunda peça da companhia britânica. “Um Bonde Chamado Desejo” será exibida na quinta, dia 11/06, às 19h30 e no sábado, dia 14/06, às 15h30 em nove salas da rede espalhadas pelo país. A UCI ainda vai trazer para as telas as peças “A Audiência” e “O Sonho de Uma Outra Vida”. Essa é a primeira vez que as peças são exibidas no Brasil.

Escrita pelo americano Tennessee Williams, desde sua publicação em 1947, “Um Bonde Chamado Desejo” foi sucesso em diferentes frentes. Na literatura recebeu o prêmio Pulitzer, no teatro foi destaque pela atuação de Marlon Brando e no cinema, sucesso de bilheteria com o filme de Elia Kazan. A história mostra a relação da bela Blanche DuBois com sua irmã Stella e o cunhado Stanley. Depois de se demitir, Blanche pede para morar com a irmã, mas cria um desconforto, já que a casa tem apenas dois cômodos separados por uma cortina. O primeiro encontro de Blanche com o cunhado acontece longe de Stella, e eles logo percebem que uma mistura de tensão sexual e briga pelo poder sob Stella está por vir.

Já no dia 25/06, às 19h30 e 28 /06, às 15h30 é a vez do público conferir “A Audiência”. Escrita por Peter Morgan e dirigida por Stephen Daldry, a peça traz Helen Mirren no papel da Rainha Elizabeth II. Por 60 anos Elizabeth II se reuniu com cada um de seus doze primeiros-ministros em audiências semanais no Palácio de Buckingham. As duas partes tinham um acordo velado de nunca repetirem o que era dito durante os encontros. “A Audiência” rompe o contrato de silêncio e cria uma série de reuniões importantes entre os primeiros-ministros e sua rainha. A partir de Churchill até Cameron, cada primeiro-ministro usou estas reuniões privadas para discutir, partilhar e alardear idéias, algumas vezes intimidadoras, outras vezes explosivas.

O último espetáculo da parceria entre UCI e The National Theatre é “O Sonho de Uma Outra Vida”, ainda sem data confirmada. Escrita por David Hare, a peça é baseada no livro de Katherine Boo, escrito após três anos de pesquisas na Índia. Annawadi é um bairro pobre que vive à sombra de hotéis de luxo perto do aeroporto de Bombaim e abriga moradores com sonhos próprios. Zehrunisa e seu filho Abdul querem reciclar o lixo para conseguir dinheiro e comprar uma casa. Já Asha, uma mulher inteligente e marcada por uma infância de pobreza, identifica o caminho para a classe média: a corrupção política. E Manju pretende ser a primeira com curso superior da região. Mas suas ideias são frágeis e precisam enfrentar muitos obstáculos como recessão global, ameaça do comércio de lixo, e outra favela está prestes a fazer uma acusação que irá destruir o bairro.

Espetáculos National Theatre nas telas da rede UCI
“Um Bonde Chamado Desejo” – 11/06, às 19h30 e 14/06, às 15h30
“A Audiência” – 25/06, às 19h30 e 28/06, às 15h30
“O Sonho de uma Outra Vida” – data de exibição ainda não está confirmada

Serviço “Um Bonde Chamado Desejo”
Data: 11/06, às 19h30 e 14/06, às 15h30
Preço: R$ 40.00

Cinema de Arte

Na semana de 11 a 17 de Junho, o Cinema de Arte, projeto cultural com 52 anos de história na Cultura e Educação do Ceará, em desenvolvimento no Cinema do Rio-Mar como Projeto Nacional, também abriga a nova edição do Festival Varilux de Cinema Francês em Fortaleza. Confira a programação:

/home/tribu/public html/wp content/uploads/sites/5/2015/06/arte

Publicidade

Dê sua opinião

‘Jurassic World’ traz de volta a magia dos dinossauros de Spielberg aos cinemas

Cinema também exibe espetáculos teatrais britânicos, como “Um Bonde Chamado Desejo”; outras estreias: “Deixa Rolar” e “Sob o Mesmo Céu”

Por Wolney Batista em Cinema

11 de junho de 2015 às 08:00

Há 4 anos
Jurassic World traz a saga que deu sucesso a Steven Spielberg (FOTO: Divulgação)

Jurassic World traz a saga que deu sucesso a Steven Spielberg (FOTO: Divulgação)

22 anos após o sucesso de bilheteria de “Jurassic Park” impressionar o mundo com a inovação em efeitos especiais, o quarto filme da franquia chega aos cinemas. “Jurassic World” estreia nesta quinta-feira (11) com um imenso burburinho e ansiedade dos fãs da série cinematográfica de Steven Spielberg.

Na história, o Jurassic Park, localizado na ilha Nublar, enfim está aberto ao público. Com isso, as pessoas podem conferir shows acrobáticos com dinossauros e até mesmo fazer passeios bem perto deles, já que agora estão domesticados. Entretanto, a equipe chefiada pela doutora Claire (Bryce Dallas Howard) passa a fazer experiências genéticas com estes seres, de forma a criar novas espécies. Uma delas logo adquire inteligência bem mais alta, logo se tornando uma grande ameaça para a existência humana.A produção tem no elenco o galã Chris Pratt.

Os críticos gostaram do novo passeio no parque, aprovado no Rotten Tomatoes por 75% dos jornalistas. Para Peter Travers (da Rolling Stone), “não é o cínico, tampouco o caça-níquel que você temia. OK, Jurassic World é um pouco disso. Mas esta forma de arte épica dos dinossauros é também uma explosão de rugidos, gritos e diversão”. Chris Hewitt (UK), da Empire, enaltece que “o parque temático mais famoso da história do cinema reabre com emoção, estilo e é fantástico. Aproveite o passeio”.

Mais estreias

Estreiam também nesta semana a comédia romântica “Deixa Rolar” (com Chris Evans) e a dramédia “Sob o Mesmo Céu” – do mesmo diretor de Jerry Maguire: A Grande Virada e Quase Famosos. A quinta-feira (17) reserva ainda a pré-estreia da animação da Pixar, “Divertida Mente”. Confira a programação completa das salas da Grande Fortaleza.

Em “Deixa Rolar“, Chris Evans vive um roteiristas que após sofrer um amor não correspondido motiva-se a escrever sobre suas experiências românticas fracassadas. Já o enredo de “Sob o Mesmo Céu” desenrola-se após o fracasso de uma missão do militar Brian Gilcrest (Bradley Cooper). Ele é enviado de volta para o Havaí, sua terra natal, para supervisionar o lançamento de um satélite. Lá, ele se reaproxima de um amor do passado (Rachel McAdams), ao mesmo tempo que começa a se apaixonar por uma piloto da Força Aérea (Emma Stone).

Festival Variloux no cinema do Dragão do Mar

O cinema do Dragão do Mar recebe o Festival Varilux de Cinema Francês a partir desta quinta-feira (11) e até o dia 24 de Junho. Serão 16 filmes inéditos da cinematografia francesa contemporânea, incluindo exibições especiais em cópia restaurada de “O Homem do Rio” (L’homme de Rio), clássico da década de 1960 dirigido por Philippe de Broca e estrelado por Jean-Paul Belmondo. Entre os destaques da edição 2015 do festival, está também a exibição do longa que abriu o último Festival de Cannes “De Cabeça Erguida” (de Emmanuelle Bercot), estrelado por Catherine Deneuve.

Sangue Azul” (de Lírio Ferreira), “Os Últimos Cangaceiros” (Wolney Oliveira) e “Permanência” (de Leonardo Lacca) continuam em cartaz na Sala 1 do complexo.

Acompanhe abaixo a programação completa das salas do Dragão:

Programação do Festival Variloux (ARTE: Divulgação)

Programação do Festival Variloux (ARTE: Divulgação).

UCI exibe espetáculos britânicos inéditos no Brasil

A UCI Cinemas fechou uma parceria inédita com o The National Theatre e vai exibir, nesta semana, a segunda peça da companhia britânica. “Um Bonde Chamado Desejo” será exibida na quinta, dia 11/06, às 19h30 e no sábado, dia 14/06, às 15h30 em nove salas da rede espalhadas pelo país. A UCI ainda vai trazer para as telas as peças “A Audiência” e “O Sonho de Uma Outra Vida”. Essa é a primeira vez que as peças são exibidas no Brasil.

Escrita pelo americano Tennessee Williams, desde sua publicação em 1947, “Um Bonde Chamado Desejo” foi sucesso em diferentes frentes. Na literatura recebeu o prêmio Pulitzer, no teatro foi destaque pela atuação de Marlon Brando e no cinema, sucesso de bilheteria com o filme de Elia Kazan. A história mostra a relação da bela Blanche DuBois com sua irmã Stella e o cunhado Stanley. Depois de se demitir, Blanche pede para morar com a irmã, mas cria um desconforto, já que a casa tem apenas dois cômodos separados por uma cortina. O primeiro encontro de Blanche com o cunhado acontece longe de Stella, e eles logo percebem que uma mistura de tensão sexual e briga pelo poder sob Stella está por vir.

Já no dia 25/06, às 19h30 e 28 /06, às 15h30 é a vez do público conferir “A Audiência”. Escrita por Peter Morgan e dirigida por Stephen Daldry, a peça traz Helen Mirren no papel da Rainha Elizabeth II. Por 60 anos Elizabeth II se reuniu com cada um de seus doze primeiros-ministros em audiências semanais no Palácio de Buckingham. As duas partes tinham um acordo velado de nunca repetirem o que era dito durante os encontros. “A Audiência” rompe o contrato de silêncio e cria uma série de reuniões importantes entre os primeiros-ministros e sua rainha. A partir de Churchill até Cameron, cada primeiro-ministro usou estas reuniões privadas para discutir, partilhar e alardear idéias, algumas vezes intimidadoras, outras vezes explosivas.

O último espetáculo da parceria entre UCI e The National Theatre é “O Sonho de Uma Outra Vida”, ainda sem data confirmada. Escrita por David Hare, a peça é baseada no livro de Katherine Boo, escrito após três anos de pesquisas na Índia. Annawadi é um bairro pobre que vive à sombra de hotéis de luxo perto do aeroporto de Bombaim e abriga moradores com sonhos próprios. Zehrunisa e seu filho Abdul querem reciclar o lixo para conseguir dinheiro e comprar uma casa. Já Asha, uma mulher inteligente e marcada por uma infância de pobreza, identifica o caminho para a classe média: a corrupção política. E Manju pretende ser a primeira com curso superior da região. Mas suas ideias são frágeis e precisam enfrentar muitos obstáculos como recessão global, ameaça do comércio de lixo, e outra favela está prestes a fazer uma acusação que irá destruir o bairro.

Espetáculos National Theatre nas telas da rede UCI
“Um Bonde Chamado Desejo” – 11/06, às 19h30 e 14/06, às 15h30
“A Audiência” – 25/06, às 19h30 e 28/06, às 15h30
“O Sonho de uma Outra Vida” – data de exibição ainda não está confirmada

Serviço “Um Bonde Chamado Desejo”
Data: 11/06, às 19h30 e 14/06, às 15h30
Preço: R$ 40.00

Cinema de Arte

Na semana de 11 a 17 de Junho, o Cinema de Arte, projeto cultural com 52 anos de história na Cultura e Educação do Ceará, em desenvolvimento no Cinema do Rio-Mar como Projeto Nacional, também abriga a nova edição do Festival Varilux de Cinema Francês em Fortaleza. Confira a programação:

/home/tribu/public html/wp content/uploads/sites/5/2015/06/arte