Tratamento de dentes fora do lugar certo é mais eficaz quando iniciado na infância


Tratamento de dentes fora do lugar certo é mais eficaz quando iniciado na infância

Na 14ª matéria da série ‘Vida saudável”, dentista alerta sobre a importância de consultar um dentista com frequência e desde cedo para prevenir a mordida cruzada

Por Rosana Romão em Bem-Estar

10 de abril de 2015 às 10:30

Há 4 anos
 O tratamento pode ser feito com uso de aparelho ortodôntico. Em casos mais graves, é necessário realizar cirurgia ortodôntica. (FOTO: Flickr/ Creative Commons/ Dentista Napoli)

<br /> O tratamento pode ser feito com uso de aparelho ortodôntico. Em casos mais graves, é necessário realizar cirurgia ortodôntica. (FOTO: Flickr/ Creative Commons/ Dentista Napoli)

A mordida cruzada caracteriza-se pela inversão na oclusão dos dentes, ou seja, acontece quando um ou mais dentes da arcada superior está por dentro dos dentes da arcada inferior. Ela interfere no processo normal de crescimento e desenvolvimento do sistema estomatognático, e por isso deve ser tratada desde cedo, se possível na infância.

A mordida cruzada pode ser anterior, envolvendo os dentes da frente ou posterior, envolvendo os dentes de trás; unilateral, quando acomete um lado da arcada ou bilateral, quando acomete os dois lados da arcada dentária.

É importante que a criança visite o dentista com frequência, já que o tratamento tende a ser mais eficaz quando o diagnóstico é feito de modo precoce. O tratamento da mordida cruzada pode ser feito através de aparelhos ortodônticos fixos, removíveis até mesmo extrações dentárias. “A mordida cruzada, não tratada, pode prejudicar a articulação têmporo-mandibular, causar desgastes e fraturas nos dentes, dificuldade na abertura da boca e até dor de cabeça”, explica o dentista da rede de saúde Hapvida Robson Bruno Barbosa.

Uma das causas para a mordida cruzada é a perda precoce dos dentes decíduos (dentes de leite), desviando o eixo de erupção dos dentes permanente. Hábitos parafuncionais, como uso de chupetas, morder tampa de caneta e sucção de dedos podem prejudicar a mordida. Falta de espaço na arcada, anomalias ósseas congênitas, fissuras palatinas também podem ocasionar a mordida cruzada.

Como tratar?

O jeito de morder os alimentos também pode causar prejuízos. A correta mastigação correta para as crianças é importante para desenvolver os ossos da face e colaboram para que os dentes se posicionem corretamente. Nos adultos, a mastigação deve ser balanceada, distribuindo o esforço mastigatório dos dois lados da arcada para evitar sobrecarga na articulação temporomandibular.

O tratamento da mordida cruzada pode ser feito através de aparelhos ortodônticos fixos, removíveis até mesmo extrações dentárias. É importante que o ortodontista, por meio de exame clínico, modelo de estudo e de exames radiográficos, proponha o melhor plano de tratamento para o caso. Em casos mais graves, uma cirurgia ortodôntica pode ser necessária.

Acompanhe a série “Vida Saudável”:

1) Saiba como identificar se seu filho é mais uma vítima do consumismo infantil (24/2)

2) Uso excessivo de equipamentos eletrônicos prejudica visão (26/2)

3) Brincar é coisa séria, e precisa ser tarefa diária de toda criança (2/3)

4) Mulheres têm 7 vezes mais chances do que homens de apresentar disfunção hormonal (5/3)

5) Prática exagerada de exercícios físicos pode desencadear doença: a vigorexia (9/3)

6) Metade da população masculina apresenta calvície até chegar aos 50 anos (12/3)

7) Confira as causas do chulé e saiba como se livrar desse mau cheiro (16/3)

8) Aprenda receita de cozinha que ajuda no combate a osteoporose (19/3)

9) Pessoas com diabetes precisam cuidar da saúde dos pés, para evitar ferimentos (23/3)

10) Saiba como se alimentar direito antes, durante e depois de atividade física (26/3)

11) Saiba como tratar o estresse pós-traumático (30/3)

12) Melhor remédio contra enxaqueca é alimentação saudável (2/4)

13) Entenda o que é a febre chikungunya, doença causada pelo mesmo mosquito da dengue (6/4)

14) Tratamento de dentes fora do lugar certo é mais eficaz quando iniciado na infância (9/4)

15) Saúde bucal é essencial para uma boa gestação (13/4)

16) Dietas malucas: fuja delas (16/4)

17) Conheça as vantagens do parto normal (20/4)

18) O tabu do sexo na gravidez (23/4)

19) Saiba como se alimentar direito durante a gestação (27/4)

20) Proteção é essencial para evitar a Aids (30/4)

Publicidade

Dê sua opinião

Tratamento de dentes fora do lugar certo é mais eficaz quando iniciado na infância

Na 14ª matéria da série ‘Vida saudável”, dentista alerta sobre a importância de consultar um dentista com frequência e desde cedo para prevenir a mordida cruzada

Por Rosana Romão em Bem-Estar

10 de abril de 2015 às 10:30

Há 4 anos
 O tratamento pode ser feito com uso de aparelho ortodôntico. Em casos mais graves, é necessário realizar cirurgia ortodôntica. (FOTO: Flickr/ Creative Commons/ Dentista Napoli)

<br /> O tratamento pode ser feito com uso de aparelho ortodôntico. Em casos mais graves, é necessário realizar cirurgia ortodôntica. (FOTO: Flickr/ Creative Commons/ Dentista Napoli)

A mordida cruzada caracteriza-se pela inversão na oclusão dos dentes, ou seja, acontece quando um ou mais dentes da arcada superior está por dentro dos dentes da arcada inferior. Ela interfere no processo normal de crescimento e desenvolvimento do sistema estomatognático, e por isso deve ser tratada desde cedo, se possível na infância.

A mordida cruzada pode ser anterior, envolvendo os dentes da frente ou posterior, envolvendo os dentes de trás; unilateral, quando acomete um lado da arcada ou bilateral, quando acomete os dois lados da arcada dentária.

É importante que a criança visite o dentista com frequência, já que o tratamento tende a ser mais eficaz quando o diagnóstico é feito de modo precoce. O tratamento da mordida cruzada pode ser feito através de aparelhos ortodônticos fixos, removíveis até mesmo extrações dentárias. “A mordida cruzada, não tratada, pode prejudicar a articulação têmporo-mandibular, causar desgastes e fraturas nos dentes, dificuldade na abertura da boca e até dor de cabeça”, explica o dentista da rede de saúde Hapvida Robson Bruno Barbosa.

Uma das causas para a mordida cruzada é a perda precoce dos dentes decíduos (dentes de leite), desviando o eixo de erupção dos dentes permanente. Hábitos parafuncionais, como uso de chupetas, morder tampa de caneta e sucção de dedos podem prejudicar a mordida. Falta de espaço na arcada, anomalias ósseas congênitas, fissuras palatinas também podem ocasionar a mordida cruzada.

Como tratar?

O jeito de morder os alimentos também pode causar prejuízos. A correta mastigação correta para as crianças é importante para desenvolver os ossos da face e colaboram para que os dentes se posicionem corretamente. Nos adultos, a mastigação deve ser balanceada, distribuindo o esforço mastigatório dos dois lados da arcada para evitar sobrecarga na articulação temporomandibular.

O tratamento da mordida cruzada pode ser feito através de aparelhos ortodônticos fixos, removíveis até mesmo extrações dentárias. É importante que o ortodontista, por meio de exame clínico, modelo de estudo e de exames radiográficos, proponha o melhor plano de tratamento para o caso. Em casos mais graves, uma cirurgia ortodôntica pode ser necessária.

Acompanhe a série “Vida Saudável”:

1) Saiba como identificar se seu filho é mais uma vítima do consumismo infantil (24/2)

2) Uso excessivo de equipamentos eletrônicos prejudica visão (26/2)

3) Brincar é coisa séria, e precisa ser tarefa diária de toda criança (2/3)

4) Mulheres têm 7 vezes mais chances do que homens de apresentar disfunção hormonal (5/3)

5) Prática exagerada de exercícios físicos pode desencadear doença: a vigorexia (9/3)

6) Metade da população masculina apresenta calvície até chegar aos 50 anos (12/3)

7) Confira as causas do chulé e saiba como se livrar desse mau cheiro (16/3)

8) Aprenda receita de cozinha que ajuda no combate a osteoporose (19/3)

9) Pessoas com diabetes precisam cuidar da saúde dos pés, para evitar ferimentos (23/3)

10) Saiba como se alimentar direito antes, durante e depois de atividade física (26/3)

11) Saiba como tratar o estresse pós-traumático (30/3)

12) Melhor remédio contra enxaqueca é alimentação saudável (2/4)

13) Entenda o que é a febre chikungunya, doença causada pelo mesmo mosquito da dengue (6/4)

14) Tratamento de dentes fora do lugar certo é mais eficaz quando iniciado na infância (9/4)

15) Saúde bucal é essencial para uma boa gestação (13/4)

16) Dietas malucas: fuja delas (16/4)

17) Conheça as vantagens do parto normal (20/4)

18) O tabu do sexo na gravidez (23/4)

19) Saiba como se alimentar direito durante a gestação (27/4)

20) Proteção é essencial para evitar a Aids (30/4)