Aprenda receita de cozinha que ajuda no combate à osteoporose


Aprenda receita de cozinha que ajuda no combate à osteoporose

Na 8ª matéria da série “Vida Saudável”, nutricionista explica a importância de uma alimentação balanceada para quem tem osteoporose

Por Rosana Romão em Bem-Estar

19 de março de 2015 às 11:00

Há 4 anos
A prevenção da doença engloba exercicios fisicos, alimentação saudável, evitar cigarro e bebidas alcoolicas, e também não se deve abusar do café e da dieta rica em sal.  (FOTO: Divulgação)

A prevenção da doença engloba exercicios fisicos, alimentação saudável, evitar cigarro e bebidas alcoolicas, e também não se deve abusar do café e da dieta rica em sal. (FOTO: Divulgação)

A osteoporose é uma doença silenciosa, que dificilmente dá qualquer tipo de sintoma e se expressa por fraturas com pouco ou nenhum trauma. Mais frequentemente no punho, fêmur, colo de fêmur e coluna. A osteoporose ocorre quando o corpo deixa de formar material ósseo novo suficiente, ou quando muito material dos ossos antigos é reabsorvido pelo corpo. Em alguns casos pode ocorrer as duas coisas.

A população idosa é uma das mais afetadas pela doença, por conta da diminuição da massa óssea comum no processo de envelhecimento. Um dos cuidados essenciais que se deve ter é com a alimentação.

Entre os nutrientes essenciais para a manutenção da saúde óssea estão o fósforo, cálcio, magnésio, manganês, zinco, cobre, silício, ácido fólico, ácidos graxos essenciais e proteínas. Por isso, pessoas com osteoporose devem ter uma alimentação balanceada baseada nesses nutrientes. A alimentação adequada para osteoporose deve conter alimentos como leite e derivados, vegetais de folha escura, óleos de fígado de peixes, ovos e margarinas.

Por outro lado, deve-se evitar consumir alimentos que diminuam a absorção de cálcio como espinafre, batata-doce e feijão porque são ricos em oxalatos junto com as refeições ricas em cálcio. “Deve-se evitar consumir alimentos ricos em cálcio acompanhados de alimentos ricos em ferro como carne ou peixe, isso porque quando ingeridos juntos a absorção tanto do ferro como do cálcio não é eficaz”, explica a nutricionista Tanara Ferreira, da rede de saúde Hapvida. A profissional também aconselha às pessoas com osteoporose a evitar o consumo de produtos lácteos como iogurtes ou pudim de sobremesa nas refeições principais como almoço e jantar.

É importante diminuir a ingestão de sal, porque o sal em excesso aumenta a perda de cálcio pela urina. Outro cuidado importante para garantir a absorção do cálcio é o consumo moderado de cafeína, que embora não prejudique a saúde óssea, seu consumo exagerado pode levar a um aumento das perdas de cálcio pela urina prejudicando a saúde óssea.

Curioso
Mulheres têm mais osteoporose que os homens, pois têm os ossos mais finos e mais leves e apresentam perda importante durante a menopausa. No entanto, homens com deficiência alimentar de cálcio e vitaminas estão sujeitos a doença. Outros sintomas que podem surgir com o avanço da doença são: dor ou sensibilidade óssea, diminuição de estatura com o passar do tempo, dores no pescoço e na região lombar devido a fraturas dos ossos da coluna vertebral e postura encurvada ou cifótica.

A nutricionista Tanara Ferreira indica uma receita de sardinha temperada composta de nutrientes essenciais para quem possui osteoporose. Confira:

Ingredientes
500g de sardinha
1 xícara de chá de tomate picado
1 xícara de chá de cebola
4 colheres de sopa de salsinha
2 colheres de sopa de cebolinha
3 colheres de sopa de vinagre branco
3 colheres de sopa de azeite de oliva
½ colher de sopa de sal
½ unidade pequena de pimenta dedo de moça

Modo de preparo

Limpe as sardinhas e reserve. Fatie as cebolas e pique os tomates, a pimenta e o cheiro verde. Reserve também. Coloque em uma panela de pressão uma camada de sardinha, uma de cebola, uma de tomate e cheiro verde e alterne as camadas até finalizar os ingredientes. Misture, à parte, o vinagre, o azeite, o sal e a pimenta, e regue as sardinhas com este molho. Tampe a panela, leve ao fogo e, quando pegar a pressão, marque 35 minutos. Desligue o fogo após esse tempo e abra a panela no dia seguinte.

Acompanhe a série “Vida Saudável”:

1) Saiba como identificar se seu filho é mais uma vítima do consumismo infantil (24/2)

2) Uso excessivo de equipamentos eletrônicos prejudica visão (26/2)

3) Brincar é coisa séria, e precisa ser tarefa diária de toda criança (2/3)

4) Mulheres têm 7 vezes mais chances do que homens de apresentar disfunção hormonal (5/3)

5) Prática exagerada de exercícios físicos pode desencadear doença: a vigorexia (9/3)

6) Metade da população masculina apresenta calvície até chegar aos 50 anos (12/3)

7) Confira as causas do chulé e saiba como se livrar desse mau cheiro (16/3)

8) Aprenda receita de cozinha que ajuda no combate a osteoporose (19/3)

9) O que é pé diabético? (23/3)

10) O que comer antes e após a atividade física (26/3)

11) Saiba como trabalhar o estresse pós-traumático (30/3)

12) Enxaqueca tem cura (2/4)

13) Conheça os sintomas da febre Chikungunya (6/4)

14) O que é mordida cruzada? (9/4)

15) Saúde bucal é essencial para uma boa gestação (13/4)

16) Dietas malucas: fuja delas (16/4)

17) Conheça as vantagens do parto normal (20/4)

18) O tabu do sexo na gravidez (23/4)

19) Saiba como se alimentar direito durante a gestação (27/4)

20) Proteção é essencial para evitar a Aids (30/4)

Publicidade

Dê sua opinião

Aprenda receita de cozinha que ajuda no combate à osteoporose

Na 8ª matéria da série “Vida Saudável”, nutricionista explica a importância de uma alimentação balanceada para quem tem osteoporose

Por Rosana Romão em Bem-Estar

19 de março de 2015 às 11:00

Há 4 anos
A prevenção da doença engloba exercicios fisicos, alimentação saudável, evitar cigarro e bebidas alcoolicas, e também não se deve abusar do café e da dieta rica em sal.  (FOTO: Divulgação)

A prevenção da doença engloba exercicios fisicos, alimentação saudável, evitar cigarro e bebidas alcoolicas, e também não se deve abusar do café e da dieta rica em sal. (FOTO: Divulgação)

A osteoporose é uma doença silenciosa, que dificilmente dá qualquer tipo de sintoma e se expressa por fraturas com pouco ou nenhum trauma. Mais frequentemente no punho, fêmur, colo de fêmur e coluna. A osteoporose ocorre quando o corpo deixa de formar material ósseo novo suficiente, ou quando muito material dos ossos antigos é reabsorvido pelo corpo. Em alguns casos pode ocorrer as duas coisas.

A população idosa é uma das mais afetadas pela doença, por conta da diminuição da massa óssea comum no processo de envelhecimento. Um dos cuidados essenciais que se deve ter é com a alimentação.

Entre os nutrientes essenciais para a manutenção da saúde óssea estão o fósforo, cálcio, magnésio, manganês, zinco, cobre, silício, ácido fólico, ácidos graxos essenciais e proteínas. Por isso, pessoas com osteoporose devem ter uma alimentação balanceada baseada nesses nutrientes. A alimentação adequada para osteoporose deve conter alimentos como leite e derivados, vegetais de folha escura, óleos de fígado de peixes, ovos e margarinas.

Por outro lado, deve-se evitar consumir alimentos que diminuam a absorção de cálcio como espinafre, batata-doce e feijão porque são ricos em oxalatos junto com as refeições ricas em cálcio. “Deve-se evitar consumir alimentos ricos em cálcio acompanhados de alimentos ricos em ferro como carne ou peixe, isso porque quando ingeridos juntos a absorção tanto do ferro como do cálcio não é eficaz”, explica a nutricionista Tanara Ferreira, da rede de saúde Hapvida. A profissional também aconselha às pessoas com osteoporose a evitar o consumo de produtos lácteos como iogurtes ou pudim de sobremesa nas refeições principais como almoço e jantar.

É importante diminuir a ingestão de sal, porque o sal em excesso aumenta a perda de cálcio pela urina. Outro cuidado importante para garantir a absorção do cálcio é o consumo moderado de cafeína, que embora não prejudique a saúde óssea, seu consumo exagerado pode levar a um aumento das perdas de cálcio pela urina prejudicando a saúde óssea.

Curioso
Mulheres têm mais osteoporose que os homens, pois têm os ossos mais finos e mais leves e apresentam perda importante durante a menopausa. No entanto, homens com deficiência alimentar de cálcio e vitaminas estão sujeitos a doença. Outros sintomas que podem surgir com o avanço da doença são: dor ou sensibilidade óssea, diminuição de estatura com o passar do tempo, dores no pescoço e na região lombar devido a fraturas dos ossos da coluna vertebral e postura encurvada ou cifótica.

A nutricionista Tanara Ferreira indica uma receita de sardinha temperada composta de nutrientes essenciais para quem possui osteoporose. Confira:

Ingredientes
500g de sardinha
1 xícara de chá de tomate picado
1 xícara de chá de cebola
4 colheres de sopa de salsinha
2 colheres de sopa de cebolinha
3 colheres de sopa de vinagre branco
3 colheres de sopa de azeite de oliva
½ colher de sopa de sal
½ unidade pequena de pimenta dedo de moça

Modo de preparo

Limpe as sardinhas e reserve. Fatie as cebolas e pique os tomates, a pimenta e o cheiro verde. Reserve também. Coloque em uma panela de pressão uma camada de sardinha, uma de cebola, uma de tomate e cheiro verde e alterne as camadas até finalizar os ingredientes. Misture, à parte, o vinagre, o azeite, o sal e a pimenta, e regue as sardinhas com este molho. Tampe a panela, leve ao fogo e, quando pegar a pressão, marque 35 minutos. Desligue o fogo após esse tempo e abra a panela no dia seguinte.

Acompanhe a série “Vida Saudável”:

1) Saiba como identificar se seu filho é mais uma vítima do consumismo infantil (24/2)

2) Uso excessivo de equipamentos eletrônicos prejudica visão (26/2)

3) Brincar é coisa séria, e precisa ser tarefa diária de toda criança (2/3)

4) Mulheres têm 7 vezes mais chances do que homens de apresentar disfunção hormonal (5/3)

5) Prática exagerada de exercícios físicos pode desencadear doença: a vigorexia (9/3)

6) Metade da população masculina apresenta calvície até chegar aos 50 anos (12/3)

7) Confira as causas do chulé e saiba como se livrar desse mau cheiro (16/3)

8) Aprenda receita de cozinha que ajuda no combate a osteoporose (19/3)

9) O que é pé diabético? (23/3)

10) O que comer antes e após a atividade física (26/3)

11) Saiba como trabalhar o estresse pós-traumático (30/3)

12) Enxaqueca tem cura (2/4)

13) Conheça os sintomas da febre Chikungunya (6/4)

14) O que é mordida cruzada? (9/4)

15) Saúde bucal é essencial para uma boa gestação (13/4)

16) Dietas malucas: fuja delas (16/4)

17) Conheça as vantagens do parto normal (20/4)

18) O tabu do sexo na gravidez (23/4)

19) Saiba como se alimentar direito durante a gestação (27/4)

20) Proteção é essencial para evitar a Aids (30/4)