Publicidade

Investe CE

por Oswaldo Scaliotti

pescados

ASSAÍ PROJETA CRESCIMENTO DE 15% NAS VENDAS DE PÁSCOA 

Por Oswaldo Scaliotti em Mercado

23 de Março de 2017

 As lojas do Assaí Atacadista estão abastecidas com pescados, azeites, ovos e barras de chocolate para o período de Páscoa, importante data para o segmento. Pensando nos comerciantes, transformadores e consumidores finais que buscam economia nas compras em grande volume, a rede oferece preços competitivos e uma variedade de itens nas categorias mais tradicionais para a data. No período, o Assaí projeta um crescimento de 15% nas vendas de itens sazonais para a Páscoa, na comparação com a mesma data do ano passado.

Um dos diferenciais do Assaí é a venda de coberturas, barras de chocolates maiores utilizadas por pequenos empreendedores que costumam fazer Ovos de Páscoa para vender nesta época do ano e complementar a renda com um dinheiro extra. Nesta categoria, a rede tem a expectativa de crescer 15%. O mesmo número também é projetado para os Ovos de Páscoa da indústria, que este ano contam com uma boa variedade nas lojas de todo o Brasil. A rede também reforçou os estoques de caixas de bombons, tabletes e barras de chocolate.

Por conta da Sexta-feira Santa, os peixes são os protagonistas dos pratos principais dos almoços. Por isso, tanto donos de restaurantes, quanto famílias que vão se reunir para fazer a refeição, encontram no Assaí uma grande variedade de pescados. Bacalhau, por exemplo, que costuma ser a escolha da maioria das pessoas para a data, é vendido in natura (peça inteira), congelado ou desfiado e o Assaí espera um aumento de 15% nas vendas. Atum e sardinha, que também podem ser opções mais baratas, devem crescer por volta de 20%, já que são substituições para quem não quer gastar muito.

E, para complementar a bacalhoada, nada como um azeite de qualidade. No Assaí é possível encontrar várias marcas e faixas de preços. Nesta categoria, a rede aposta em um avanço de 20% nas vendas. No prato principal também não pode faltar batata, cebola, cenoura e tomate, que costumam apresentar uma procura significativa nesse período. O Assaí também reforçou os estoques desses itens.

Sobre o Assaí Atacadista

O Assaí Atacadista possui 107 unidades em 16 estados (AL, AM, BA, CE, DF, GO, MS, MT, PA, PB, PE, PR, RJ, RN, SE, SP). Negócio de atacado do GPA, a rede opera com o formato Cash&Carry, conhecido como atacado de autosserviço, e está em plena expansão. Em 2016, a rede inaugurou 13 novas unidades no Brasil e fechou o ano com vendas brutas de R$ 15,7 bilhões, expansão de 39,2% em relação ao ano anterior.

 

  • postado por Oswaldo Scaliotti
Publicidade

COM SELEÇÃO CAPRICHADA DE PRODUTOS E AÇÕES ESPECIAIS, PÃO DE AÇÚCAR ESPERAR ALTA DE VENDAS NA PÁSCOA 2016

Por Oswaldo Scaliotti em Mercado

02 de Março de 2016

A Páscoa do Pão de Açúcar deste ano será bem recheada. A rede mantém o foco na curadoria e seleção de produtos, trazendo para a data uma seleção única de sabores do Brasil e do mundo – são vários azeites, mais de 800 rótulos de vinhos (com destaque para os Verdes e os Porto, mais pedidos nessa época), bacalhau importado diretamente da Noruega e de Portugal, além de uma seleção dos melhores chocolates e Ovos de Páscoa.

Para a data, a rede de supermercados espera crescer 5% em vendas se comparado à Páscoa de 2015. Impulsionarão ainda as vendas as ações promocionais realizadas para a época. Entre os dias 26 de fevereiro e 25 de março, semanalmente, a rede seleciona itens para participar da campanha “Preços OFF”, com ofertas exclusivas aos clientes do programa de relacionamento Pão de Açúcar Mais. As ofertas são válidas sempre de sexta-feira à domingo. O Pão de Açúcar lança ainda uma promoção com a marca de chocolates Perugina®, que sorteará cinco clientes para uma viagem com roteiro exclusivo na Itália.

Além de rechear as lojas com os melhores chocolates nacionais, a rede traz marcas como Galler, The Tea Room, Baci e Lindt para quem deseja apreciar sabores inusitados do mundo, incluindo opções em Ovos de Páscoa orgânicos e sem lactose. A rede preparou ainda um sortimento completo de bacalhau, pescados frescos e congelados. Para quem busca o autêntico bacalhau Porto Imperial (Gadus Morhua), a rede comercializará lombos altos, que deixarão qualquer almoço de Páscoa ainda mais especial.

O Pão de Açúcar negociou antecipadamente com os fornecedores para trazer os melhores produtos desta época para as 185 lojas de todo Brasil. A rede reforçou também os estoques com os itens mais pedidos, valorizando ainda a produção própria de bolos de Páscoa e o sortimento de marcas importadas, como Casino e Club des Sommeliers (vinhos).

 

  • postado por Oswaldo Scaliotti
Publicidade

SUPERMERCADOS APOSTAM EM PESCADOS FRESCOS PARA ESTA PÁSCOA

Por Oswaldo Scaliotti em Mercado

26 de Fevereiro de 2016

 

clip_image002

O Extra e o Pão de Açúcar, redes do GPA, trazem para esta Páscoa um sortimento completo de bacalhau, além de pescados frescos e congelados, para preparação da ceia, oferecendo opções para todos os gostos e bolsos.

Uma das grandes apostas é o Salmão, produto importado diretamente do Chile pelas redes. A estimativa é que, na Semana Santa o volume comercializado desse pescado aumente em 20% em comparação à demanda fora do período sazonal.

Outra aposta é na variedade de peixes nacionais de cultivo, como a Tilápia e o Tambaqui, que passaram a ocupar uma importante fatia nas vendas da peixaria, oferecendo muito sabor, frescor e saúde a preços convidativos.  “As centrais de distribuições de peixes frescos do GPA, além de assegurar a qualidade do pescado distribuído às lojas, possibilitam negociações diretas dos barcos em grandes volumes e excelente frescor, garantindo ótimas oportunidades para os clientes, que podem encontrar preços competitivos”, explica Rafael Monezi, Gerente Comercial de Pescados do GPA.

Os peixes congelados também passam por um rigoroso controle de qualidade nas centrais de distribuição, seja nacional ou importado.

Uma das grandes apostas do GPA para essa Páscoa são os produtos de marca exclusiva Taeq e Qualitá, como o Filé de Polaca do Alasca, Posta de Cação, Filé de Tilapia, Camarões, Bolinho de Bacalhau, Salmão defumado, Kani Kama.

Além disso, os consumidores têm à disposição diversas opções de frutos do mar, como: Camarões Rosa, Vermelhos e Cinzas de diversos tamanhos; Lagostas; Ostras; Mexilhões; Lula; e Polvo.

 

Bacalhau

O GPA, maior importador de Bacalhau do varejo brasileiro, aposta esse ano em variedades como o legitimo Porto Imperial (Gadus morhua), no Filé e Lascas de Porto (Gadus macrocephalus), além dos tipos Ling, Saithe e Pollack em lascas.

Os apreciadores do autentico bacalhau, podem encontrar nas lojas do grupo, lombos altos de Gadus morhua. Tudo isso, devido à rigorosa seleção de fornecedores e produtos negociados pelo importador. São peixes com mais de 5 quilos cada, o que garante um excelente prato final. Para aqueles que buscam um melhor custo x beneficio, a sugestão é o bacalhau tipo Ling.

Além do tradicional bacalhau, os clientes terão à disposição uma novidade do mercado norueguês. São os bacalhaus já cortados e embalados em bandejas na indústria. A marca Mathias foi pioneira nesse quesito na Noruega e passa a concorrer no segmento com a portuguesa Riberalves. A variedade conta com cortes como o Lombo, Filé, Posta e desfiado.

Quem procura mais praticidade ainda, poderá conferir a variedade de cortes do bacalhau dessalgado congelado nas marcas Riberalves e Bacalanor. Basta descongelar e preparar a receita que preferir.

A expectativa é de vender mais de 6 mil toneladas de peixes nessa Quaresma, entre pescados frescos, congelados e bacalhau.

  • postado por Oswaldo Scaliotti
Publicidade

SUPERMERCADOS APOSTAM EM PESCADOS FRESCOS PARA ESTA PÁSCOA

Por Oswaldo Scaliotti em Mercado

26 de Fevereiro de 2016

 

clip_image002

O Extra e o Pão de Açúcar, redes do GPA, trazem para esta Páscoa um sortimento completo de bacalhau, além de pescados frescos e congelados, para preparação da ceia, oferecendo opções para todos os gostos e bolsos.

Uma das grandes apostas é o Salmão, produto importado diretamente do Chile pelas redes. A estimativa é que, na Semana Santa o volume comercializado desse pescado aumente em 20% em comparação à demanda fora do período sazonal.

Outra aposta é na variedade de peixes nacionais de cultivo, como a Tilápia e o Tambaqui, que passaram a ocupar uma importante fatia nas vendas da peixaria, oferecendo muito sabor, frescor e saúde a preços convidativos.  “As centrais de distribuições de peixes frescos do GPA, além de assegurar a qualidade do pescado distribuído às lojas, possibilitam negociações diretas dos barcos em grandes volumes e excelente frescor, garantindo ótimas oportunidades para os clientes, que podem encontrar preços competitivos”, explica Rafael Monezi, Gerente Comercial de Pescados do GPA.

Os peixes congelados também passam por um rigoroso controle de qualidade nas centrais de distribuição, seja nacional ou importado.

Uma das grandes apostas do GPA para essa Páscoa são os produtos de marca exclusiva Taeq e Qualitá, como o Filé de Polaca do Alasca, Posta de Cação, Filé de Tilapia, Camarões, Bolinho de Bacalhau, Salmão defumado, Kani Kama.

Além disso, os consumidores têm à disposição diversas opções de frutos do mar, como: Camarões Rosa, Vermelhos e Cinzas de diversos tamanhos; Lagostas; Ostras; Mexilhões; Lula; e Polvo.

 

Bacalhau

O GPA, maior importador de Bacalhau do varejo brasileiro, aposta esse ano em variedades como o legitimo Porto Imperial (Gadus morhua), no Filé e Lascas de Porto (Gadus macrocephalus), além dos tipos Ling, Saithe e Pollack em lascas.

Os apreciadores do autentico bacalhau, podem encontrar nas lojas do grupo, lombos altos de Gadus morhua. Tudo isso, devido à rigorosa seleção de fornecedores e produtos negociados pelo importador. São peixes com mais de 5 quilos cada, o que garante um excelente prato final. Para aqueles que buscam um melhor custo x beneficio, a sugestão é o bacalhau tipo Ling.

Além do tradicional bacalhau, os clientes terão à disposição uma novidade do mercado norueguês. São os bacalhaus já cortados e embalados em bandejas na indústria. A marca Mathias foi pioneira nesse quesito na Noruega e passa a concorrer no segmento com a portuguesa Riberalves. A variedade conta com cortes como o Lombo, Filé, Posta e desfiado.

Quem procura mais praticidade ainda, poderá conferir a variedade de cortes do bacalhau dessalgado congelado nas marcas Riberalves e Bacalanor. Basta descongelar e preparar a receita que preferir.

A expectativa é de vender mais de 6 mil toneladas de peixes nessa Quaresma, entre pescados frescos, congelados e bacalhau.

  • postado por Oswaldo Scaliotti