Publicidade

Investe CE

por Oswaldo Scaliotti

no Rio de Janeiro

OI SELECIONA STARTUPS PARA TRABALHAR NO OITO

Por Oswaldo Scaliotti em Mercado

23 de agosto de 2018

 

Interessados poderão alugar posições para coworking no mesmo ambiente onde já trabalham as seis empresas selecionadas para o Programa de Aceleração do Oito, espaço de empreendedorismo e inovação da Oi, no Rio de Janeiro

 

Trinta vagas estão disponíveis para startups de tecnologia no prédio localizado em Ipanema, que conta com auditório e programação de eventos focados em inovação

 

Custo será de R$ 490,00 por posição e serão priorizados projetos baseados em tecnologias como blockchain, inteligência artificial, IoT, 4G e 5G, com aplicação nas áreas de experiência do usuário, soluções de eficiência, produtividade, cidades inteligentes, fintechs, agronegócio, saúde e educação

A Oi está selecionando startups para ocupar posições de trabalho no Oito, seu hub de empreendedorismo e inovação no Rio de Janeiro, que já abriga seis empresas participantes do seu Programa de Aceleração. Por R$ 490,00 mensais para cada posição, as chamadas residentes vão ocupar o mesmo ambiente de coworking onde trabalham as aceleradas. Além de ter a oportunidade de conviver com outros negócios focados em tecnologia, as startups residentes também poderão participar de parte da programação de eventos do Oito. O prédio, localizado em Ipanema, conta com auditório com capacidade para 90 pessoas. Na área de coworking, 30 posições serão destinadas às residentes. A seleção vai priorizar projetos baseados em tecnologias como blockchain, inteligência artificial, IoT, 4G e 5G, cuja aplicação seja, preferencialmente, nas áreas de experiência do usuário, soluções de eficiência, produtividade, cidades inteligentes, fintechs, agronegócio, saúde e educação. Os interessados devem submeter propostas através de formulário disponível no site do Oito (www.oito.net.br).

As startups que já atuam no Programa de Aceleração do Oito são de três estados (Rio de Janeiro, Paraná e São Paulo) e atuam em diferentes segmentos: cidades inteligentes, saúde, soluções de eficiência e produtividade e serviços educacionais. Como parte do Programa, as empresas têm apoio nas áreas gerencial, jurídica, financeira e de comunicação, além de receberem da Oi aporte de até R$ 150 mil para cada uma. As escolhidas para a aceleração foram:

  • Energy2go (RJ): Solução de aluguel de baterias portáteis para recarga de celulares, com terminais de autoatendimento distribuídos pela cidade.

https://www.energy2go.com.br/

  • Everywhere Analytics (PR): Solução de contagem de tráfego de pessoas via Wi-Fi para geração de relatórios de Business Intelligence.

http://www.everywherebi.com.br/

  • Genesis Training (RJ): Plataforma para padronização de treinamentos para franquias de escolas de esporte e controle de desempenho de alunos.

http://genesistraining.com.br/

  • Holmes (RJ): Plataforma de soluções de saúde para pré-diagnóstico e indicação de médicos usando blockchain e inteligência artificial.

  • NEARBEE (SP): Soluções de segurança colaborativa para criação de rede de apoio com pessoas próximas e autoridades competentes.

http://www.nearbee.com.br/

  • Top2You (RJ): Plataforma para democratização do acesso a mentorias à distância, com profissionais de diferentes áreas do conhecimento.

http://top2you.net/

O Programa de Aceleração do Oito é desenvolvido em parceria com o Instituto Gênesis, instituto de empreendedorismo da PUC-Rio, que faz a coordenação técnica do projeto com a consultoria do empreendedor carioca Rafael Duton. As startups aceleradas participaram da pré-incubação, um curto período de avaliação, em que 18 empresas trabalharam no Oito sob a supervisão do Instituto Gênesis e do time Oi. As que receberam as melhores avaliações nesse período foram convidadas para se instalar no Oito e desenvolver seu negócio ao longo de 12 meses do Programa de Aceleração.

O processo seletivo incluiu uma banca composta por executivos da Oi e parceiros. Fundado pela Oi, o Oito funciona em parceria com outras empresas e instituições. Entre os parceiros estão Nokia, IBM, Oracle, Amazon Web Services, CPqD, Instituto Nacional de Telecomunicações (Inatel), Senai, escritório Montaury Pimenta e Machado & Vieira Mello. O Oito também conta com a parceria do Oi Futuro, instituto de inovação e criatividade da Oi. Projetos de novos negócios sociais acelerados pelo Labora, laboratório de Inovação Social do instituto, têm acesso a posições de trabalho no Oito, garantindo interação com as startups incubadas. Já o Labsônica, laboratório de experimentação sonora do Oi Futuro, contribui com a programação cultural, fomentando a circulação de pessoas e ideias criativas no Oito.

O objetivo do Oito é contribuir para a geração de novos negócios e o desenvolvimento de soluções tecnológicas e digitais. Os produtos desenvolvidos pelas startups que participam do Programa de Aceleração terão o suporte da área de Inovação da Oi.

Publicidade

Reunião, no Rio de Janeiro, entre Secult e Ancine, discute projeto Cinema nas Cidades e o Edital Ceará de Cinema e Vídeo

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

24 de outubro de 2017

Encontro, na manhã da terça-feira (24 de outubro), no Rio de Janeiro, entre a Secretaria da Cultura do Estado do Ceará e a ANCINE – Agência Nacional do Cinema. Na pauta, o projeto “Cinema nas Cidades” e o “Edital Ceará de Cinema e Vídeo”. Estiveram presentes: Fabiano Piúba (secretário da cultura do Ceará), Debora Ivanov (presidente da Ancine) e Renata Pelizon (Ancine).

“Sobre o Cinema nas Cidades, tratamos do cronograma dos repasses dos recursos da Ancine, considerando que já foram licitadas as obras das 20 salas de cinema em 10 municípios do interior cearense. Será marcada uma data onde o Governador dará a Ordem de Serviços para o início das obras e a presidente da Ancine se fará presente. Sobre o edital de cinema e vídeo, tratamos do repasse para os projetos selecionados nas categorias de longa-metragem e séries para TV financiadas diretamente pela Ancine. Foi uma ótima reunião”, afirma Fabiano Piúba. Outro tema que tratamos com a presidente da Ancine e sobre a operacionalização dos recursos da Ancine para o Nordeste via BNB. Sobre o novo edital Ceará de Cinema e Vídeo, vamos enviar a proposta cheia para captar R$ 15,0 milhões da Ancine e R$ 7,5 da Secult / Ceará no âmbito do programa Ceará Filmes”, diz Fabiano Piúba.

Sobre o Cinema nas Cidades e o Edital Ceará de Cinema e Vídeo

Por meio da conexão transversal entre ações já realizadas pela Secult e a implementação de novas iniciativas para o fortalecimento do audiovisual e da arte e cultura digital, o Ceará Filmes conta com investimento de R$ 59,5 milhões, abrangendo ações de 2016 e 2017, pela Ancine e pelo Governo do Estado do Ceará. Esses recursos viabilizam o Edital Ceará de Cinema e Vídeo, da Secult, o programa Cinema nas Cidades e o Edital TV Ceará Inédito. Desse montante, o investimento da agência é de R$ 40 milhões, com o investimento do Estado, por meio da Secult, chegando a R$ 19,5 milhões.

Sobre o Ceará Filmes

Ampliando a articulação e a política para o audiovisual e a arte e cultura digital cearense, o Governo do Estado do Ceará, por meio da Secretaria da Cultura e do Instituto Dragão do Mar, lançou, no dia 9 de maio, o Ceará Filmes – Programa Estadual de Desenvolvimento do Audiovisual e da Arte e Cultura Digital.

Dividido em sete eixos – Produção, Distribuição, Exibição, Preservação, Formação, Rede Institucional e Legislação –, o programa se estrutura a partir de ações concretas advindas do diálogo integrador entre a Secretaria da Cultura do Estado do Ceará (Secult) e os diversos agentes atuantes no audiovisual cearense: empresas produtoras, distribuidoras e exibidoras; associações, sindicatos e demais entidades de classe; escolas e universidades públicas e privadas; rede pública e privada de TV, além de instâncias governamentais.

 

  • postado por Oswaldo Scaliotti
Publicidade

Atletas do IBLF são destaque no Campeonato Brasileiro de Karatê no Rio de Janeiro. Ceará é Vice-Campeão Geral

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

19 de setembro de 2017

Campanha IBLF & Você foi um sucesso e contribuiu para a conquista de mais um título para o Ceará. Ação se estende com intuito de criar vínculos duradouros entre padrinhos e atletas.

As doações de todos aqueles que participaram da campanha IBLF & Você valeram à pena. A equipe do Programa de Karatê Bushi No Te, braço esportivo do Instituto Beatriz e Lauro Fiuza, deu show no V Campeonato Brasileiro de Karatê, no Rio de Janeiro, neste fim de semana. Graças ao apoio de mais de 60 doadores, os 19 atletas trouxeram na bagagem 52 medalhas e o título de Vice Campeão Nacional, mostrando para todo o Brasil que o investimento em ações sociais possibilita grandes vôos.

Representando 47% da Seleção Cearense, nossos alunos conquistaram 23 medalhas de ouro, 12 de prata e 17 de bronze. Tais resultados credenciam os atletas Bushi No Te entre os melhores do ano no Ranking da Federação Cearense de Karatê Esportivo (FCKE).  Um dos destaques da equipe, Geovana Mesquita (23), valoriza o apoio e esforço de seus companheiros de treino. “Os títulos obtidos foram resultado de muito treino e dedicação não só meus, mas de toda a equipe Bushi No Te”, relata.

 

“Nós mostramos mais uma vez que somos um grupo composto por atletas de alto nível e, mais ainda, unidos”, afirma Geovana, que conquistou quatro medalhas, sendo duas de ouro e duas de bronze. “O nível da competição era elevado e isso foi um grande desafio. Graças à força da torcida cearense conseguimos conquistar esse título, que não foi fácil. Voltei para casa com a sensação de dever cumprido”, finaliza.

 

O V Campeonato Brasileiro de Karatê teve início na última quinta-feira (14) e se estendeu até o domingo (17). A equipe do Ceará, representada por 40 atletas, ficou atrás apenas dos donos da casa, Rio de Janeiro. O pódio da competição se completa com os estados de Rondônia, São Paulo e Bahia, respectivamente.

 

Campanha IBLF & Você

A campanha IBLF & Você convidou as pessoas a fazerem doações da forma que pudessem, contribuindo com itens e cotas que iam de R$5 a R$1200. Através desta ação foi possível viabilizar passagens aéreas, transporte, hospedagem, alimentação e as inscrições dos atletas. A participação dos mais de 60 padrinhos na campanha foi de fundamental importância para a realização deste sonho de trazer mais um título expressivo para o Ceará: o Vice Campeonato Nacional da modalidade.

 

Nossos alunos, no entanto, não param por aí e querem mais. O próximo Campeonato Brasileiro de Karatê, em 2018, será aqui em Fortaleza. E para fazer bonito em casa, a preparação deve começar o quanto antes. Para isso, a campanha IBLF & Você continua no ar e as contribuições podem ser realizadas de maneira permanente pelo próprio site https://www.icasei.com.br/iblfevoce ou diretamente na conta do instituto (Banco Itaú | Agência 8789 | Conta 31.803-0 | CNPJ 16.572.671/0001-67).

 

Programa de Karatê Bushi No Te

O Programa Bushi No Te é desenvolvido pelo Instituto Beatriz e Lauro Fiuza (IBLF), no bairro Passaré. Com a prática esportiva do karatê, o programa existe desde 2012 e atende 200 alunos entre 4 e 20 anos. Campeão geral de todos os eventos realizados pela Federação Cearense de Karatê Esportivo (FCKE) em 2016, o Bushi No Te não se restringe às competições em solo brasileiro. Seus atletas já chegaram a competir em países como Argentina e Itália.

 

O sucesso do Programa está também nas aprovações de alunos no ensino superior, na queda da taxa de evasão escolar, na ausência de casos de gravidez precoce, e nas histórias de famílias que vêem seus vínculos fortalecidos e passam a enfrentar as dificuldades com mais união e dignidade. Os valores do karatê são vividos hoje por milhares de pessoas através das ações do BSNT, que seguem inspirando as pessoas a serem a melhor versão de si.

 

Sedes:

Avenida Santos Dumont, 2122, sala 1510, Aldeota – (85) 3268-2132 / info@iblf.org.br

Rua Elias de Freitas, 996, (Jardim União II) Passaré – (85) 3114-3984

Publicidade

Atletas do IBLF são destaque no Campeonato Brasileiro de Karatê no Rio de Janeiro. Ceará é Vice-Campeão Geral

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

19 de setembro de 2017

Campanha IBLF & Você foi um sucesso e contribuiu para a conquista de mais um título para o Ceará. Ação se estende com intuito de criar vínculos duradouros entre padrinhos e atletas.

As doações de todos aqueles que participaram da campanha IBLF & Você valeram à pena. A equipe do Programa de Karatê Bushi No Te, braço esportivo do Instituto Beatriz e Lauro Fiuza, deu show no V Campeonato Brasileiro de Karatê, no Rio de Janeiro, neste fim de semana. Graças ao apoio de mais de 60 doadores, os 19 atletas trouxeram na bagagem 52 medalhas e o título de Vice Campeão Nacional, mostrando para todo o Brasil que o investimento em ações sociais possibilita grandes vôos.

Representando 47% da Seleção Cearense, nossos alunos conquistaram 23 medalhas de ouro, 12 de prata e 17 de bronze. Tais resultados credenciam os atletas Bushi No Te entre os melhores do ano no Ranking da Federação Cearense de Karatê Esportivo (FCKE).  Um dos destaques da equipe, Geovana Mesquita (23), valoriza o apoio e esforço de seus companheiros de treino. “Os títulos obtidos foram resultado de muito treino e dedicação não só meus, mas de toda a equipe Bushi No Te”, relata.

 

“Nós mostramos mais uma vez que somos um grupo composto por atletas de alto nível e, mais ainda, unidos”, afirma Geovana, que conquistou quatro medalhas, sendo duas de ouro e duas de bronze. “O nível da competição era elevado e isso foi um grande desafio. Graças à força da torcida cearense conseguimos conquistar esse título, que não foi fácil. Voltei para casa com a sensação de dever cumprido”, finaliza.

 

O V Campeonato Brasileiro de Karatê teve início na última quinta-feira (14) e se estendeu até o domingo (17). A equipe do Ceará, representada por 40 atletas, ficou atrás apenas dos donos da casa, Rio de Janeiro. O pódio da competição se completa com os estados de Rondônia, São Paulo e Bahia, respectivamente.

 

Campanha IBLF & Você

A campanha IBLF & Você convidou as pessoas a fazerem doações da forma que pudessem, contribuindo com itens e cotas que iam de R$5 a R$1200. Através desta ação foi possível viabilizar passagens aéreas, transporte, hospedagem, alimentação e as inscrições dos atletas. A participação dos mais de 60 padrinhos na campanha foi de fundamental importância para a realização deste sonho de trazer mais um título expressivo para o Ceará: o Vice Campeonato Nacional da modalidade.

 

Nossos alunos, no entanto, não param por aí e querem mais. O próximo Campeonato Brasileiro de Karatê, em 2018, será aqui em Fortaleza. E para fazer bonito em casa, a preparação deve começar o quanto antes. Para isso, a campanha IBLF & Você continua no ar e as contribuições podem ser realizadas de maneira permanente pelo próprio site https://www.icasei.com.br/iblfevoce ou diretamente na conta do instituto (Banco Itaú | Agência 8789 | Conta 31.803-0 | CNPJ 16.572.671/0001-67).

 

Programa de Karatê Bushi No Te

O Programa Bushi No Te é desenvolvido pelo Instituto Beatriz e Lauro Fiuza (IBLF), no bairro Passaré. Com a prática esportiva do karatê, o programa existe desde 2012 e atende 200 alunos entre 4 e 20 anos. Campeão geral de todos os eventos realizados pela Federação Cearense de Karatê Esportivo (FCKE) em 2016, o Bushi No Te não se restringe às competições em solo brasileiro. Seus atletas já chegaram a competir em países como Argentina e Itália.

 

O sucesso do Programa está também nas aprovações de alunos no ensino superior, na queda da taxa de evasão escolar, na ausência de casos de gravidez precoce, e nas histórias de famílias que vêem seus vínculos fortalecidos e passam a enfrentar as dificuldades com mais união e dignidade. Os valores do karatê são vividos hoje por milhares de pessoas através das ações do BSNT, que seguem inspirando as pessoas a serem a melhor versão de si.

 

Sedes:

Avenida Santos Dumont, 2122, sala 1510, Aldeota – (85) 3268-2132 / info@iblf.org.br

Rua Elias de Freitas, 996, (Jardim União II) Passaré – (85) 3114-3984