Publicidade

Investe CE

por Oswaldo Scaliotti

Kina do Feijão Verde

Tradicional Kina do Feijão Verde comemora 20 anos com promoção especial para clientes

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

13 de Maio de 2019

Para celebrar, os clientes são presenteados com promoções na terça-feira, 14/05.

 

Na terça-feira, 14 de maio, é dia de comemorar 20 anos de um dos pontos de encontro mais tradicionais de Fortaleza, o Kina do Feijão Verde, que desde dezembro de 2018 conta com nova unidade no RioMar Kennedy. A operação vem fazendo sucesso com o público do shopping, que conta também com um total de 25 operações de alimentação no empreendimento.

Ao longo de sua história, o restaurante sempre buscou manter relação de amizade com a clientela e para comemorar vai presenteá-la com promoção especial na Unidade RioMar Kennedy, localizada no Piso L1, no espaço de restaurantes. A partir das 19h, do dia 14 de maio, a cerveja é em dobro, o mini feijão liberado e todos serão recebidos com música ao vivo.

Para o proprietário, Adriano Costa, a Unidade no shopping é uma grande conquista na trajetória do negócio e vem surpreendendo suas expectativas, sendo uma possibilidade de consolidar uma clientela de outra região da cidade.  “Lá em 2005, quando fizemos nossa primeira ampliação, nem imaginávamos montar uma unidade em um shopping, mas ficamos felizes de nesse novo espaço conseguirmos aliar o ambiente de amigos e família, levando nosso tradicional cardápio e a faixa de preço, que nos são característicos”, comemora.

No bar e restaurante, além do especial Feijão Verde, em diversos tamanhos de porções, é possível saborear uma caprichada panelada, aquele carneiro assado, uma autêntica carne do sol de filé, entre outras opções de pratos regionais. A cerveja sempre gelada e opções de vinhos portugueses, chilenos e nacionais são um convite à parte.

Sobre o Kina do Feijão Verde

Originado em maio de 1999, na rua João Cordeiro, na Aldeota, o Kina do Feijão Verde já surgiu como espaço de encontros, primando por um cardápio com produtos típicos da região Nordeste. O prato que dá nome à casa é servido de acordo com o tamanho da fome, com quatro opções: mini, pequeno, médio e grande. O cardápio oferece ainda carneiro assado, carne de sol de filé, panelada, entre outras opções.

O ano de 2018 foi de muita comemoração com a ampliação estrutural da primeira unidade e a inauguração do mais novo espaço, no RioMar Kennedy.

Serviço:

20 anos Kina do Feijão Verde no RioMar Kennedy
Data: 14 de maio (terça-feira)
Local: Unidade RioMar Kennedy – Espaço de restaurantes, Piso L1 (Av. Sargento Hermínio, 3100 – Pres. Kennedy)

Publicidade

Comida di Buteco anuncia vencedores de Fortaleza no próximo dia 23

Por Oswaldo Scaliotti em Mercado

18 de Maio de 2017

 

Na próxima terça (23), será conhecido o melhor buteco de Fortaleza. Durante a saideira, o Comida di Buteco anunciará os vencedores de sua 7ª edição na capital cearense. O melhor estabelecimento da cidade concorrerá ao título de “Melhor Buteco do Brasil”, que acontecerá no mês de junho, realizada por uma comissão de jurados que não participou das etapas regionais. O vencedor leva a cidade e o buteco ao pódium da cozinha de raiz do BRASIL. O concurso teve participação de 16 estabelecimentos de diversas regiões da cidade como Aldeota, Aerolândia, Centro, Joaquim Távora, José Bonifácio, Meireles, Montese, Parangaba, Praia de Iracema e Varjota.

O Comida di Buteco ocorreu de 14 de abril a 07 de maio em Fortaleza. Para se eleger o melhor buteco da cidade, foram computados votos de jurados e do público que foi aos estabelecimento no período, provou os petisco e se dirigiu às urnas de votação. Em 2017, o concurso teve como tema o “cereal”, que devia estar presente no prato, além do limite de R$ 25,90 no preço.

Participaram do concurso em Fortaleza os butecos: Alma Gêmea, Alpendre, Bar Chá da Égua, Bar do Helano, Bar do Nem, Bar O Camocim, Boozer’s, Boteco do Arlindo, Canto do Baião, Carneiro do Tércio, Espaço Casa da Sogra, Kina do Feijão Verde, Outras Palavras, Picanha Iracema, Teresa & Jorge e Varandão da Vila.

“Esse ano, o Comida di Buteco se consolidou de vez em Fortaleza. Os participantes tiveram aumento de 30 de 50% no movimento e faturamento. Já sentimos que o público aguarda pelo concurso e tem a curiosidade de conhecer os butecos e experimentar os petiscos. Saímos com a certeza de um Comida di Buteco ainda maior em 2018”, destaca o coordenador do concurso em Fortaleza, Matheus Marinho.

Nacionalmente, o concurso levou quase 5 milhões de apaixonados por butecos às urnas  dos mais de 500 concorrentes, em 20 cidades, para eleger o MELHOR BUTECO DO  BRASIL. O concurso foi criado em 2000, com a finalidade de resgatar e valorizar a culinária de raiz e os butecos espontâneos/tradicionais.  O concurso é o único nacional do gênero, que envolve toda a população das 20 cidades participantes.

O Comida di Buteco é 100% viabilizado com investimento de empresas que acreditam na sua CAUSA e como plataforma de desenvolvimento de suas marcas. Nenhum buteco paga absolutamente nada para participar. Em 2017, o concurso é apresentado por Teacher’s, tem como cerveja oficia: Devassa. Os patrocinadores são McCain, Trident, Getnet  e MasterCard. A promoção é de TV Verdes Mares e  Perdigão. O apoio é feito por Tabasco, Hellman’s, Chandon, Odhen by Teknisa, Diário do Nordeste,    Abrasel, Hotel Sonata de Iracema e Senac. A apuração fica por conta da Vox Populi.

Publicidade

Comida di Buteco anuncia vencedores de Fortaleza no próximo dia 23

Por Oswaldo Scaliotti em Mercado

18 de Maio de 2017

 

Na próxima terça (23), será conhecido o melhor buteco de Fortaleza. Durante a saideira, o Comida di Buteco anunciará os vencedores de sua 7ª edição na capital cearense. O melhor estabelecimento da cidade concorrerá ao título de “Melhor Buteco do Brasil”, que acontecerá no mês de junho, realizada por uma comissão de jurados que não participou das etapas regionais. O vencedor leva a cidade e o buteco ao pódium da cozinha de raiz do BRASIL. O concurso teve participação de 16 estabelecimentos de diversas regiões da cidade como Aldeota, Aerolândia, Centro, Joaquim Távora, José Bonifácio, Meireles, Montese, Parangaba, Praia de Iracema e Varjota.

O Comida di Buteco ocorreu de 14 de abril a 07 de maio em Fortaleza. Para se eleger o melhor buteco da cidade, foram computados votos de jurados e do público que foi aos estabelecimento no período, provou os petisco e se dirigiu às urnas de votação. Em 2017, o concurso teve como tema o “cereal”, que devia estar presente no prato, além do limite de R$ 25,90 no preço.

Participaram do concurso em Fortaleza os butecos: Alma Gêmea, Alpendre, Bar Chá da Égua, Bar do Helano, Bar do Nem, Bar O Camocim, Boozer’s, Boteco do Arlindo, Canto do Baião, Carneiro do Tércio, Espaço Casa da Sogra, Kina do Feijão Verde, Outras Palavras, Picanha Iracema, Teresa & Jorge e Varandão da Vila.

“Esse ano, o Comida di Buteco se consolidou de vez em Fortaleza. Os participantes tiveram aumento de 30 de 50% no movimento e faturamento. Já sentimos que o público aguarda pelo concurso e tem a curiosidade de conhecer os butecos e experimentar os petiscos. Saímos com a certeza de um Comida di Buteco ainda maior em 2018”, destaca o coordenador do concurso em Fortaleza, Matheus Marinho.

Nacionalmente, o concurso levou quase 5 milhões de apaixonados por butecos às urnas  dos mais de 500 concorrentes, em 20 cidades, para eleger o MELHOR BUTECO DO  BRASIL. O concurso foi criado em 2000, com a finalidade de resgatar e valorizar a culinária de raiz e os butecos espontâneos/tradicionais.  O concurso é o único nacional do gênero, que envolve toda a população das 20 cidades participantes.

O Comida di Buteco é 100% viabilizado com investimento de empresas que acreditam na sua CAUSA e como plataforma de desenvolvimento de suas marcas. Nenhum buteco paga absolutamente nada para participar. Em 2017, o concurso é apresentado por Teacher’s, tem como cerveja oficia: Devassa. Os patrocinadores são McCain, Trident, Getnet  e MasterCard. A promoção é de TV Verdes Mares e  Perdigão. O apoio é feito por Tabasco, Hellman’s, Chandon, Odhen by Teknisa, Diário do Nordeste,    Abrasel, Hotel Sonata de Iracema e Senac. A apuração fica por conta da Vox Populi.