Publicidade

Investe CE

por Oswaldo Scaliotti

Associação Brasileira de Bares e Restaurantes do Ceará

Encontro de Talentos reúne entidades para discutir estratégias para bares e restaurantes em 2018

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

26 de Janeiro de 2018

A 11ª edição do encontro terá foco em construção dos valores, gestão de tempo e foco, e atividades chave de sucesso

A diretoria da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes do Ceará participa, entre os dias 30 de janeiro e 3 de fevereiro, do 11º Encontro de Talentos da Abrasel. A ação reúne as entidades regionais e seccionais de todo o país com objetivo de aprimorar técnicas, alinhar estratégias e potencializar a troca de experiências. O encontro é promovido pela associação nacional, e ocorre no interior de Minas Gerais.

Para o diretor executivo da Abrasel-CE, Taiene Righetto, este momento é o mais importante do ano. “É essencial por três motivos: o fato de ser no começo do ano faz com que a estratégia local se alinhe nacionalmente; a imersão por dias em um aconchegante lugar nos ajuda a absorver melhor o conteúdo apresentado; e a troca de informações com pessoas de todo o Brasil enriquece o networking”, conclui.

Para a edição de 2018, a construção dos valores, a gestão de tempo e foco, e as atividades chave de sucesso serão destaques. A entidade tem a finalidade de revolucionar o setor e tornar a informação e o conhecimento acessíveis em benefício do empreender e da sociedade em geral. Para que isso seja possível, é preciso focar em autoconhecimento e desenvolvimento das habilidades pessoais e profissionais de quem faz a Abrasel acontecer. Por isso, as atividades serão conduzidas por Pedro Mello e Mauro Peres, da empresa de treinamento e consultoria Reset, especializada em desempenho de equipe. Os exercícios, sempre coletivos, irão focar nos pontos fortes de cada um, estimular valor e ambientes colaborativos para a troca de ideias e experiências.

Pedro Mello explica que para isso acontecer, é preciso deixar para trás a forma tradicional de gerir negócios. Hierarquias, burocracia, controle e domínio pelo poder dão lugar à confiança, colaboração, empoderamento, descentralização, transparência e foco. “Saímos da academia sem um ‘manual de operações interno’, e vamos aprendendo a gerir nossos pontos fortes e fracos com etapas da vida. O que fazemos no treinamento é trazer isso de forma mais fácil, para que seja possível entendermos o que temos de melhor, focar nossa energia nisso e trazer mais resultados positivos. Não se trata apenas de organização e gestão, é um olhar também para o aspecto humano”, diz.

Durante a imersão haverá a apresentação da estratégia Supernova/projeto Conexão Abrasel, que tem como objetivo conectar todas as entidades no país com foco no fortalecimento.

 * postado por Oswaldo Scaliotti
Publicidade

Abrasel abraça campanha de doação de medula 

Por Oswaldo Scaliotti em Responsabilidade social

23 de outubro de 2017

A Associação Brasileira de Bares e Restaurantes do Ceará lançou, nesta segunda-feira (16) uma campanha de apoio à doação de médula óssea. A ação acontece em apoio ao associado Davi Moura, e à sua esposa, Juliana Teles, que está com leucemia e precisa encontrar um doador compatível.

O casal, com uma filha de dois anos, descobriu a doença em junho deste ano. Juliana está internada em uma unidade hospitalar de Fortaleza. Davi tem mobilizado, de todas as formas possíveis, familiares e amigos sobre a conscientização do cadastro de doadores de medula óssea, que permitirá não só encontrar um doador compatível para Juliana, mas também ajuda no combate a 80 outros tipos de doença.

doação, em Fortaleza, pode ser feita através do Hemoce. É preciso ter entre 18 e 55 anos, preencher a ficha de inscrição. Logo após, deverá ser feito uma pequena coleta de sangue. A partir daí o nome do doador passa a fazer parte do cadastro de possíveis doadores de medula óssea e caso seja confirmada compatibilidade, o doador será convocado novamente para fazer a doação.

campanha de doação e a corrente de positividade para Juliana também ganhará reforço em âmbito nacional com o apoio da Abrasel. A campanha faz o convite para que todos possam participar através das redes sociais por meio da #forçajulianateles.

 

  • postado por Oswaldo Scaliotti
Publicidade

Abrasel-CE participa de reunião sobre mudanças na Lei do Silêncio

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

04 de setembro de 2017

O presidente da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes do Ceará, Rodolphe Trindade, esteve presente, nesta quinta-feira (31), em reunião com vereadores e demais representantes de entidades mobilizadas para debater as mudanças da nova Lei do Silêncio, em trâmite na Câmara Municipal de Fortaleza.

A associação participa dos debates desde o primeiro semestre deste ano. À época, levou a conhecimento do poder legislativo municipal, propostas que atendam à demanda do setor de bares e restaurantes, um dos principais públicos fiscalizados com base na antiga lei, datada de 1996.

As alterações levadas à discussão pela Comissão “Vida & Arte”, responsável pela modificação do texto da nova Lei, estão focadas em três artigos: o 3º, que dispõe sobre o local onde a medição sonora deverá ser feita; o 8º, que dispõe sobre a validade dos autorizações (alvarás) para som; e o 9º, que dispõe sobre penalidades e multas impostas aos proprietários dos estabelecimentos.

As discussões levaram em consideração as solicitações de mudança do local da medição, não sendo mais a dois metros de distância do estabelecimento, mas sim a dois metros de distância do limite do imóvel residência/comercial mais próximo de onde se encontra a fonte emissora. O nível máximo permanece 70 decibéis entre 6h e 22h e 60 decibéis entre 22h e 6h.

O artigo ainda acrescenta  a possibilidade de aferição no cômodo do denunciante, sendo nesse caso, a medição máxima de 55 decibéis. Para este último, é necessário que o denunciante solicite a aferição dentro do cômodo.

Quanto à validade de autorizações, passará de dois para cinco anos. E quanto à penalidade, houve discussão entre os presente para alterações, com a possibilidade de evitar a apreensão dos equipamentos dos músicos, tempo para “Descompressão” (encerramento da festa, redução do volume de som, e tempo para que as pessoas possam sair da festa, evitando riscos de prejuízos para os bares/autoridades).

As discussões ocorridas ainda são preliminares, e já foram discutidas com os órgãos responsáveis por fiscalização e ordem no âmbito municipal e estadual. A lei ainda passará por outras reuniões até ser redigido o texto final e lev­ado à votação na Câmara Municipal.

Para Rodolphe, as mudanças apresentadas já apresentam ganho para o setor. “Estamos discutindo e conquistando ganhos que antes não existiam. O que queremos é mais tato, mais cuidado e conversa com o nosso setor, e não ações truculentas nas fiscalizações. Além disso, é importante frisar, que mais de 90% do nosso setor é composto de microempreendedores, então precisamos estar atento também quanto às penalidades”, afirma.

 

  • postado por Oswaldo Scaliotti
Publicidade

Instituições orientam empresários a abrir, e manter abertos, bares e restaurantes de Fortaleza

Por Oswaldo Scaliotti em Mercado

25 de Abril de 2017

Segundo o IBGE, seis a cada dez empresas fecham após cinco anos em funcionamento

O apelo turístico e a crescente demanda no setor alimentício são fatores que têm influenciado a abertura de novos bares e restaurantes em Fortaleza. Segundo o Índice de Confiança do Empresário do Comércio (Icec), divulgado pela Confederação Nacional de Bens, Serviços e Turismo (CNC), os comerciantes estão mais confiantes neste período, com acréscimo de 18,6% em relação a fevereiro de 2016.

Mas, é necessário atentar para alguns cuidados na hora de montar um empreendimento, para não entrar na estatística de empresas fechadas após cinco anos em funcionamento – a cada dez empresas, seis não sobrevivem, segundo pesquisa do IBGE de 2016.

A Associação Brasileira de Bares e Restaurantes do Ceará (Abrasel-CE) orienta empresários do setor e pessoas interessadas em montar um empreendimento a seguir um caminho mais seguro para manter o serviço em plena atividade. “A Abrasel reúne os maiores empresários da cidade e dispões gratuitamente de apoio empresarial, que vão desde despachante, a orientações com contador, advogado, workshops e treinamentos oferecidos junto ao poder público”, afirma Rodolphe Trindade, presidente da Abrasel.

Além disso, acrescenta o presidente, a instituição tem forte parceria com o SEBRAE, que subsidia 70% nos custos de cursos de capacitação. Outro benefício que o novo empresário pode obter é uma banco de informações com: fornecedores, clientes potenciais, funcionários, entre outros.

Interessados em montar uma nova empresa também podem contar com a assessoria do Sebrae, que especifica os primeiros passos para a criação de um negócio. Alice Mesquista, Articuladora da Unidade de Atendimento do Sebrae CE, explica que o ciclo da criação de negócios é composto inicialmente por uma boa ideia, porém só ter uma boa ideia não é suficiente. “No ramo da alimentação, por exemplo, o mercado varia desde o foodbike a restaurantes finos. O desejo e necessidade para cada um desse público é diferente, o que o consumidor espera encontrar em termos de produto e serviço é totalmente diferente para cada um desses modelos de negócio”, destaca.

“Outro ponto extremamente necessário de atenção para a área de alimentação diz respeito à mão-de-obra. É necessário escolher uma boa equipe, seja para a área de preparação dos pratos ou para o atendimento, esse pode ser um dos diferencias da sua empresa”, diz Alice.

Ainda segundo a articuladora, é sempre bom lembrar: “tenha um bom projeto, ele pode ajudar a evitar gastos desnecessários. O mercado está muito competitivo, procure identificar qual é o seu diferencial, por que o cliente irá procurar a sua empresa e não a do concorrente? É o atendimento? É a forma como você entrega o produto? É o ambiente (incluindo ambiente físico, acesso, etc)? Seja inovador, seja competitivo”, reforça.

De acordo com o balanço divulgado pela Junta Comercial do Estado do Ceará (JUCEC), em 2016 o número de aberturas de empresas é maior que o dobro do número de empreendimentos fechados no mesmo ano, crescendo 1,89%. Com a modernização do processo de abertura e legalização de empreendimentos, a tendência é que o número de novos negócios evolua durante este ano de 2017.

 

  • postado por Oswaldo Scaliotti
Publicidade

Setor de Bares e Restaurantes se prepara para Consulta de Inspeção Predial em abril

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

16 de Março de 2017

 

A Associação Brasileira de Bares e Restaurantes do Ceará (Abrasel-CE) realizou na tarde da última quarta-feira (15) o Workshop: “ Consulta de Inspeção Predial”. Na ocasião, Jane Aragão, da Secretaria Municipal de Urbanismo e Meio Ambiente (SEUMA), tirou dúvidas dos associados sobre o tema. A palestra foi mediada pelo engenheiro civil, e membro da diretoria da Abrasel, Cláudio Ary.

O Certificado de Inspeção Predial é o documento que formaliza a realização de vistoria e análise técnica das edificações, devidamente registradas em laudo de vistoria técnica (LVT), elaborado por profissional ou empresa legalmente habilitado.

As fiscalizações terão início a partir do mês de abril. Segundo dados da SEUMA, até o momento foram protocolados mais de 400 processos e 285 já foram deferidos para obter o Certificado de Inspeção Predial (CIP). As maiores demandas de processos são do bairro Centro e bairros da Regional II.

O workshop faz parte do projeto “Abrasel Resolve”, que tem como objetivo atender as demandas importantes do setor e alertar aos seus associados sobre a importância da regularização.

  • postado por Oswaldo Scaliotti
Publicidade

Polo Gastronômico da Varjota será institucionalizado pela Prefeitura de Fortaleza

Por Oswaldo Scaliotti em Mercado

16 de Fevereiro de 2017

Atendendo a uma demanda antiga do segmento de alimentação e turismo, em especial da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes do Ceará (ABRASEL-CE), o Prefeito Roberto Cláudio anunciará a institucionalização do Polo Gastronômico da Varjota. O objetivo é transformar a zona em área de entretenimento, além de trazer melhorias na região como: limpeza, estacionamento e desenvolvimento no trânsito local. A cerimônia seria no Paço Municipal, mas foi remarcada para o Coco Bambu da Varjota, às 9 horas, como uma forma de prestigiar o novo polo.

 

  • postado por Oswaldo Scaliotti
Publicidade

Polo Gastronômico da Varjota será institucionalizado pela Prefeitura de Fortaleza

Por Oswaldo Scaliotti em Mercado

16 de Fevereiro de 2017

Atendendo a uma demanda antiga do segmento de alimentação e turismo, em especial da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes do Ceará (ABRASEL-CE), o Prefeito Roberto Cláudio anunciará a institucionalização do Polo Gastronômico da Varjota. O objetivo é transformar a zona em área de entretenimento, além de trazer melhorias na região como: limpeza, estacionamento e desenvolvimento no trânsito local. A cerimônia seria no Paço Municipal, mas foi remarcada para o Coco Bambu da Varjota, às 9 horas, como uma forma de prestigiar o novo polo.

 

  • postado por Oswaldo Scaliotti