Publicidade

Investe CE

por Oswaldo Scaliotti

Com as cores do Ceará, cavaleiro Jorge Luis Passamani vence a Copa Ouro de hipismo

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

24 de Maio de 2019

A competição, que é uma das principais do esporte e foi realizada em Brasília, reuniu os melhores cavaleiros e amazonas de todo o País em busca do título. 

Após uma semana de competições em Brasilia, o cavaleiro Jorge Luis Passamani, representando o estado do Ceará, voltou para casa com o troféu de campeão da categoria principal do Concurso JK de Hipismo, realizada no último fim de semana em Brasília. A prova, que é uma das principais do País, reuniu 419 competidores, em três dias de evento. Passamani sagrou-se campeão da Copa Ouro de Hipismo, saltando obstáculos a 1,35 de altura, montando o jovem cavalo JLP Chantilly Jmen, cria do Haras Agromen, um dos maiores criadores da raça Brasileiro de Hipismo (BH). Foi a primeira vez que o cavaleiro conseguiu esse feito e o prêmio também é inédito para o Ceará. “Estou muito feliz com esse resultado. Essa é uma competição bastante difícil, já cheguei a classificar em quarto lugar, em terceiro, mas nunca no lugar mais alto do pódio. Foi uma conquista gratificante, mas agora é treinar mais, pois ainda temos muitas competições importantes para levar o nome do Ceará”, afirmou. 

Publicidade aqui

Com as cores do Ceará, cavaleiro Jorge Luis Passamani vence a Copa Ouro de hipismo

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

24 de Maio de 2019

A competição, que é uma das principais do esporte e foi realizada em Brasília, reuniu os melhores cavaleiros e amazonas de todo o País em busca do título. 

Após uma semana de competições em Brasilia, o cavaleiro Jorge Luis Passamani, representando o estado do Ceará, voltou para casa com o troféu de campeão da categoria principal do Concurso JK de Hipismo, realizada no último fim de semana em Brasília. A prova, que é uma das principais do País, reuniu 419 competidores, em três dias de evento. Passamani sagrou-se campeão da Copa Ouro de Hipismo, saltando obstáculos a 1,35 de altura, montando o jovem cavalo JLP Chantilly Jmen, cria do Haras Agromen, um dos maiores criadores da raça Brasileiro de Hipismo (BH). Foi a primeira vez que o cavaleiro conseguiu esse feito e o prêmio também é inédito para o Ceará. “Estou muito feliz com esse resultado. Essa é uma competição bastante difícil, já cheguei a classificar em quarto lugar, em terceiro, mas nunca no lugar mais alto do pódio. Foi uma conquista gratificante, mas agora é treinar mais, pois ainda temos muitas competições importantes para levar o nome do Ceará”, afirmou.