Publicidade

Investe CE

por Oswaldo Scaliotti

Planet Smart City participa da Expolog 2017

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

21 de novembro de 2017

 
Planet Smart City (www.smartcitylaguna.com.br), idealizadora da primeira Cidade Inteligente Social do Mundo, a Smart City Laguna, que está sendo construída no distrito de Croatá, em São Gonçalo do Amarante, participa da Expolog 2017 – Feira Internacional de Logística, que começa nesta quarta-feira (22/11) e segue até o dia 23, no Centro de Eventos do Ceará.  O empreendimento do Grupo Planet, formado por empresas inglesas e italianas, une inovações, tecnologia, sustentabilidade, planejamento urbano moderno e soluções de mobilidade em um só lugar.
Durante a feira, o Grupo Planet irá apresentar também a Smart City Ecopark, o polo tecnológico e empresarial da primeira Cidade Inteligente Social do Mundo, que foi planejada para receber empresas com propostas sustentáveis e economicamente positivas e será separada das áreas residenciais e comerciais por um cinturão verde. O polo possui 80 hectares e conta com uma infraestrutura de alta qualidade, com pavimentação em blocos de concreto intertravado de alta resistência, rede elétrica e de iluminação pública, sistema de drenagem de águas pluviais e rede de água e esgoto.
Parcerias
Tendo com parceiras empresas multinacionais como Tim, Enel, Samsung, Arup e StarBoost, a Smart City Laguna terá uma área total de 330 hectares, sendo aproximadamente 480 mil metros quadrados de área verde distribuídas por toda cidade, e será composta por 7065 lotes, sendo 6009 residenciais, 920 do polo comercial e de serviços e 136 do polo tecnológico e empresarial. Todos os lotes da cidade inteligente serão 100% saneados e pavimentados.
Investimento
As moradias da Smart City Laguna são acessíveis a todas as faixas de renda. Ao todo, serão investidos US$ 50 milhões e o projeto tem como objetivo ajudar a suprir o déficit habitacional de uma região apontada por estudos como uma área de grande potencial e desenvolvimento do mundo, onde está inserido o Complexo Industrial e Portuário do Pecém (Cipp), e ao mesmo tempo apresentar ao mundo um inédito modelo referencial para novas cidades, com expectativa e estrutura para comportar cerca de 25 mil pessoas.
Financiado com recursos próprios, o empreendimento é uma realização da empresa brasileira SG Desenvolvimento, onde seus fundadores possuem 25 anos de experiência no mercado imobiliário e na construção civil nacional e internacional. A primeira etapa será entregue em dezembro de 2017, com previsão de conclusão da cidade inteligente em 2021.
Serviço:
Expolog 2017 – Feira Internacional de Logística
22 e 23 de novembro
Centro de Eventos do Ceará
* postado por Oswaldo Scaliotti
Publicidade aqui

Planet Smart City participa da Expolog 2017

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

21 de novembro de 2017

 
Planet Smart City (www.smartcitylaguna.com.br), idealizadora da primeira Cidade Inteligente Social do Mundo, a Smart City Laguna, que está sendo construída no distrito de Croatá, em São Gonçalo do Amarante, participa da Expolog 2017 – Feira Internacional de Logística, que começa nesta quarta-feira (22/11) e segue até o dia 23, no Centro de Eventos do Ceará.  O empreendimento do Grupo Planet, formado por empresas inglesas e italianas, une inovações, tecnologia, sustentabilidade, planejamento urbano moderno e soluções de mobilidade em um só lugar.
Durante a feira, o Grupo Planet irá apresentar também a Smart City Ecopark, o polo tecnológico e empresarial da primeira Cidade Inteligente Social do Mundo, que foi planejada para receber empresas com propostas sustentáveis e economicamente positivas e será separada das áreas residenciais e comerciais por um cinturão verde. O polo possui 80 hectares e conta com uma infraestrutura de alta qualidade, com pavimentação em blocos de concreto intertravado de alta resistência, rede elétrica e de iluminação pública, sistema de drenagem de águas pluviais e rede de água e esgoto.
Parcerias
Tendo com parceiras empresas multinacionais como Tim, Enel, Samsung, Arup e StarBoost, a Smart City Laguna terá uma área total de 330 hectares, sendo aproximadamente 480 mil metros quadrados de área verde distribuídas por toda cidade, e será composta por 7065 lotes, sendo 6009 residenciais, 920 do polo comercial e de serviços e 136 do polo tecnológico e empresarial. Todos os lotes da cidade inteligente serão 100% saneados e pavimentados.
Investimento
As moradias da Smart City Laguna são acessíveis a todas as faixas de renda. Ao todo, serão investidos US$ 50 milhões e o projeto tem como objetivo ajudar a suprir o déficit habitacional de uma região apontada por estudos como uma área de grande potencial e desenvolvimento do mundo, onde está inserido o Complexo Industrial e Portuário do Pecém (Cipp), e ao mesmo tempo apresentar ao mundo um inédito modelo referencial para novas cidades, com expectativa e estrutura para comportar cerca de 25 mil pessoas.
Financiado com recursos próprios, o empreendimento é uma realização da empresa brasileira SG Desenvolvimento, onde seus fundadores possuem 25 anos de experiência no mercado imobiliário e na construção civil nacional e internacional. A primeira etapa será entregue em dezembro de 2017, com previsão de conclusão da cidade inteligente em 2021.
Serviço:
Expolog 2017 – Feira Internacional de Logística
22 e 23 de novembro
Centro de Eventos do Ceará
* postado por Oswaldo Scaliotti