Publicidade

Investe CE

por Oswaldo Scaliotti

Crianças e professores de Maranguape e Itapipoca recebem o projeto InConto Marcado – Teatro Itinerante

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

11 de Abril de 2017

Criado pela atriz Daniele Rodrigues, o InConto Marcado tem o patrocínio da Enel Geração Fortaleza, por meio do VIII Edital Mecenas

 

Projeto Inconto Marcado em Itarema (Crédito: Paulo Winz)

Depois de um hiato de quatro meses, o InConto Marcado, projeto de cidadania cultural, formação de plateia, acessibilidade à arte e de incentivo à leituraretoma as atividades. Em abril, o teatro itinerante pega novamente a estrada, agora com destino aos municípios de Maranguape e Itapipoca, para encantar crianças e educadores da rede pública de ensino com personagens de contos de Marina Colasanti e Luís Jardim.

Em Maranguape a programação acontece nos dias 19 e 20 de abril. No primeiro dia, o público vai conferir duas sessões de espetáculos: pela manhã, às 9h, e à tarde, às 14h30, na Escola Francisca Gomes Fernandes Vieira, que fica no bairro Parque Iracema. No dia seguinte, dia 20, será realizada uma oficina de teatro com ênfase na contação de história, destinada a estudantes e professores, das 8h às 11h, no mesmo local.

Em Itapipoca, o InConto Marcado acontece nos dias 27 e 28 de abril, no Centro Educacional Maria Magalhães Viana Azevedo, no bairro Cacimbas. A oficina acontece no primeiro dia, no período da manhã, das 8h às 11h. E no segundo dia (28), ocorrerão às apresentações de espetáculos, uma pela manhã, às 9h, e, outra à tarde, às 14h30.

Circulando em uma carreta personalizada, lembrando os antigos carros de teatro mambembe, a trupe de duas atrizes e um ator músico conduzem o projeto que leva oficina e espetáculo às cidades visitadas. Em cada cidade ministram uma oficina de teatro com ênfase na contação de história, voltada para professores e estudantes, e fazem duas sessões do espetáculo, que é a dramatização dos contos Fio após Fio, de Marina Colasanti, e Brejo das Flores, de Luís Jardim, prioritariamente para os alunos da rede pública.

HISTÓRICO

Em 2010 o InConto Marcado foi vencedor do Prêmio Funarte de Circulação Literária, por meio do qual foi apresentado no ano seguinte em sete cidades, sendo três do Ceará e quatro de Tocantins. Contemplado pelos VI, VII e VIII Editais do Mecenas das Artes do Ceará, desde 2015 viaja pelo estado com o projeto e até abril de 2017 terá levado oficinas e espetáculos a estudantes e professores de mais 15 cidades cearenses, sempre com o apoio institucional e logístico das Secretarias Municipais da Cultura e Educação de cada município. Desde sua estreia em 2011 até o final desta edição em abril de 2017, o InConto Marcado terá passado por 22 cidades e alcançado público superior a 26 mil pessoas.

O ESPETÁCULO

Daniele Rodrigues, Solange Teixeira e Matu Miranda interpretam personagens dos contos, mesclando a linguagem da literatura, do teatro e da contação de histórias, a forma mais antiga e sempre atual de aprendizagem humana. Fio após Fio narra história de duas Fadas bordadeiras e irmãs, Nemésia e Gloxínia. Brejo das Flores é um conto repleto de singeleza e alegria que narra a história de um “certo menino mágico” e seus amigos, que resolveram brincar de circo no Brejo das Flores.

Com uma hora de duração, o espetáculo é rico de elementos cênicos e principalmente de conteúdo. Apresenta dois contos de forma bastante distinta um do outro, instigando e surpreendendo o espectador. O primeiro é clássico, misterioso, imponente, reflexivo. O segundo é colorido, alegre, vivaz, interativo. Os cenários, figurinos, adereços, trilha sonora e estilo da interpretação evidenciam todas essas diferenças de forma a revelar as múltiplas possibilidades do ato de “contar histórias”. Cenários, figurinos e adereços foram criados pelo artista plástico Marcelo Santiago. Ilustrações de Rosana Mapurunga.

INSCRIÇÕES – As escolas das cidades interessadas em participar do InConto Marcado – Teatro Itinerante – Circulação 2017 levando os alunos aos espetáculos e alunos e professores às oficinas, podem entrar em contato com a produção do InConto Marcado pelo email: contatoincontomarcado@gmail.com. Cada oficina atende até 80 participantes, prioritariamente da rede pública de ensino ou profissionais que atuam em projetos socioculturais. Ao final, todos recebem Certificado de Participação.

OS ARTISTAS

Daniele Rodrigues – A carreira artística da curitibana Daniele Rodrigues vem desde a infância quando, aos 9 anos de idade, em 1981, entrou para o elenco do Sítio-do-Pica-Pau-Amarelo, na Rede Globo, assumindo o papel de “Narizinho”, até então interpretado por Rosana Garcia. Entre os anos 80 e 90, depois do Sítio, ainda na Globo, integrou elenco de Anarquistas Graças a Deus, interpretando Zélia Gattai na minissérie de Walter Avancini baseada na obra homônima da autora, e atuou também nas novelas Renascer (1992) e Irmãos Coragem (remake de 1994). Em 2010, já residindo em Fortaleza, criou o projeto InConto Marcado.

Solange Teixeira – A carreira da atriz cearense Solange Teixeira passa pelo teatro, cinema e televisão. São mais de 30 anos de dedicação às artes cênicas, somando mais de 30 espetáculos teatrais, como “As Anjas” – Melhor Atriz no FESTMINAS (MG), Festival de Anápolis (GO) e FNT de Guaramiranga (CE) – e filmes como “O Auto da Camisinha“, com Chico Anísio e Gero Camilo, e  o recém lançado “O Shaolin do Sertão“, de Halder Gomes. Solange participa do InConto Marcado desde sua criação. Em 2015 recebeu o troféu Carlos Câmara por sua contribuição ao teatro cearense.

Matu Miranda – Músico e compositor sul mato-grossense, Matheus Miranda, conhecido como Matu, já participou do projeto em 2015 e retorna desta vez atuando como músico, ator e assistente de produção. Ele vem se destacando na cena musical cearense com seu estilo expressivo de interpretar e compor canções, uma espécie de “MPB-jazz-psicodélico”. De 2013 a 2015 foi produtor e apresentador do programa radiofônico Musicultura – Reflexões e Ressonâncias Musicais – sob a direção e a convite do Prof. Pedro Rogério.

SERVIÇO

InConto Marcado – Teatro Itinerante – Circulação 2017:

Dias 19 e 20 de abril, em Maranguape, na Escola Francisca Gomes Fernandes Vieira (Av. Stenio Gomes, 872, Parque Iracema). No dia 19, espetáculo às 9h e às 14h30. No dia 20, oficina das 8h às 11h. Dias 27 e 28 de abril, em Itapipoca, no Centro Educacional Maria Magalhães Viana Azevedo (Rua Moésio Loiola, 212, Cacimbas, Itapipoca). No dia 27, oficina das 8h às 11h. No dia 28, espetáculo às 9h e às 14h30. Escolas interessadas em participar podem entrar em contato pelo email: contatoincontomarcado@gmail.com. Informações: (85) 99720-3310. Facebook: InConto Marcado – Teatro Itinerante. Site:  www.projetoincontomarcado.com.br

 

  • postado por Oswaldo Scaliotti

 

Publicidade aqui

Crianças e professores de Maranguape e Itapipoca recebem o projeto InConto Marcado – Teatro Itinerante

Por Oswaldo Scaliotti em Eventos

11 de Abril de 2017

Criado pela atriz Daniele Rodrigues, o InConto Marcado tem o patrocínio da Enel Geração Fortaleza, por meio do VIII Edital Mecenas

 

Projeto Inconto Marcado em Itarema (Crédito: Paulo Winz)

Depois de um hiato de quatro meses, o InConto Marcado, projeto de cidadania cultural, formação de plateia, acessibilidade à arte e de incentivo à leituraretoma as atividades. Em abril, o teatro itinerante pega novamente a estrada, agora com destino aos municípios de Maranguape e Itapipoca, para encantar crianças e educadores da rede pública de ensino com personagens de contos de Marina Colasanti e Luís Jardim.

Em Maranguape a programação acontece nos dias 19 e 20 de abril. No primeiro dia, o público vai conferir duas sessões de espetáculos: pela manhã, às 9h, e à tarde, às 14h30, na Escola Francisca Gomes Fernandes Vieira, que fica no bairro Parque Iracema. No dia seguinte, dia 20, será realizada uma oficina de teatro com ênfase na contação de história, destinada a estudantes e professores, das 8h às 11h, no mesmo local.

Em Itapipoca, o InConto Marcado acontece nos dias 27 e 28 de abril, no Centro Educacional Maria Magalhães Viana Azevedo, no bairro Cacimbas. A oficina acontece no primeiro dia, no período da manhã, das 8h às 11h. E no segundo dia (28), ocorrerão às apresentações de espetáculos, uma pela manhã, às 9h, e, outra à tarde, às 14h30.

Circulando em uma carreta personalizada, lembrando os antigos carros de teatro mambembe, a trupe de duas atrizes e um ator músico conduzem o projeto que leva oficina e espetáculo às cidades visitadas. Em cada cidade ministram uma oficina de teatro com ênfase na contação de história, voltada para professores e estudantes, e fazem duas sessões do espetáculo, que é a dramatização dos contos Fio após Fio, de Marina Colasanti, e Brejo das Flores, de Luís Jardim, prioritariamente para os alunos da rede pública.

HISTÓRICO

Em 2010 o InConto Marcado foi vencedor do Prêmio Funarte de Circulação Literária, por meio do qual foi apresentado no ano seguinte em sete cidades, sendo três do Ceará e quatro de Tocantins. Contemplado pelos VI, VII e VIII Editais do Mecenas das Artes do Ceará, desde 2015 viaja pelo estado com o projeto e até abril de 2017 terá levado oficinas e espetáculos a estudantes e professores de mais 15 cidades cearenses, sempre com o apoio institucional e logístico das Secretarias Municipais da Cultura e Educação de cada município. Desde sua estreia em 2011 até o final desta edição em abril de 2017, o InConto Marcado terá passado por 22 cidades e alcançado público superior a 26 mil pessoas.

O ESPETÁCULO

Daniele Rodrigues, Solange Teixeira e Matu Miranda interpretam personagens dos contos, mesclando a linguagem da literatura, do teatro e da contação de histórias, a forma mais antiga e sempre atual de aprendizagem humana. Fio após Fio narra história de duas Fadas bordadeiras e irmãs, Nemésia e Gloxínia. Brejo das Flores é um conto repleto de singeleza e alegria que narra a história de um “certo menino mágico” e seus amigos, que resolveram brincar de circo no Brejo das Flores.

Com uma hora de duração, o espetáculo é rico de elementos cênicos e principalmente de conteúdo. Apresenta dois contos de forma bastante distinta um do outro, instigando e surpreendendo o espectador. O primeiro é clássico, misterioso, imponente, reflexivo. O segundo é colorido, alegre, vivaz, interativo. Os cenários, figurinos, adereços, trilha sonora e estilo da interpretação evidenciam todas essas diferenças de forma a revelar as múltiplas possibilidades do ato de “contar histórias”. Cenários, figurinos e adereços foram criados pelo artista plástico Marcelo Santiago. Ilustrações de Rosana Mapurunga.

INSCRIÇÕES – As escolas das cidades interessadas em participar do InConto Marcado – Teatro Itinerante – Circulação 2017 levando os alunos aos espetáculos e alunos e professores às oficinas, podem entrar em contato com a produção do InConto Marcado pelo email: contatoincontomarcado@gmail.com. Cada oficina atende até 80 participantes, prioritariamente da rede pública de ensino ou profissionais que atuam em projetos socioculturais. Ao final, todos recebem Certificado de Participação.

OS ARTISTAS

Daniele Rodrigues – A carreira artística da curitibana Daniele Rodrigues vem desde a infância quando, aos 9 anos de idade, em 1981, entrou para o elenco do Sítio-do-Pica-Pau-Amarelo, na Rede Globo, assumindo o papel de “Narizinho”, até então interpretado por Rosana Garcia. Entre os anos 80 e 90, depois do Sítio, ainda na Globo, integrou elenco de Anarquistas Graças a Deus, interpretando Zélia Gattai na minissérie de Walter Avancini baseada na obra homônima da autora, e atuou também nas novelas Renascer (1992) e Irmãos Coragem (remake de 1994). Em 2010, já residindo em Fortaleza, criou o projeto InConto Marcado.

Solange Teixeira – A carreira da atriz cearense Solange Teixeira passa pelo teatro, cinema e televisão. São mais de 30 anos de dedicação às artes cênicas, somando mais de 30 espetáculos teatrais, como “As Anjas” – Melhor Atriz no FESTMINAS (MG), Festival de Anápolis (GO) e FNT de Guaramiranga (CE) – e filmes como “O Auto da Camisinha“, com Chico Anísio e Gero Camilo, e  o recém lançado “O Shaolin do Sertão“, de Halder Gomes. Solange participa do InConto Marcado desde sua criação. Em 2015 recebeu o troféu Carlos Câmara por sua contribuição ao teatro cearense.

Matu Miranda – Músico e compositor sul mato-grossense, Matheus Miranda, conhecido como Matu, já participou do projeto em 2015 e retorna desta vez atuando como músico, ator e assistente de produção. Ele vem se destacando na cena musical cearense com seu estilo expressivo de interpretar e compor canções, uma espécie de “MPB-jazz-psicodélico”. De 2013 a 2015 foi produtor e apresentador do programa radiofônico Musicultura – Reflexões e Ressonâncias Musicais – sob a direção e a convite do Prof. Pedro Rogério.

SERVIÇO

InConto Marcado – Teatro Itinerante – Circulação 2017:

Dias 19 e 20 de abril, em Maranguape, na Escola Francisca Gomes Fernandes Vieira (Av. Stenio Gomes, 872, Parque Iracema). No dia 19, espetáculo às 9h e às 14h30. No dia 20, oficina das 8h às 11h. Dias 27 e 28 de abril, em Itapipoca, no Centro Educacional Maria Magalhães Viana Azevedo (Rua Moésio Loiola, 212, Cacimbas, Itapipoca). No dia 27, oficina das 8h às 11h. No dia 28, espetáculo às 9h e às 14h30. Escolas interessadas em participar podem entrar em contato pelo email: contatoincontomarcado@gmail.com. Informações: (85) 99720-3310. Facebook: InConto Marcado – Teatro Itinerante. Site:  www.projetoincontomarcado.com.br

 

  • postado por Oswaldo Scaliotti