Criminosos não se intimidam com as câmeras e até ameaçam repórteres

DESTEMIDOS

Criminosos não se intimidam com as câmeras e até ameaçam repórteres

Na frente das câmeras, suspeitos de crimes protagonizam cenas com requinte de ameaças e tratam a justiça com brincadeira

Por TV Jangadeiro em Vem que tem

24 de agosto de 2017 às 18:59

Há 4 meses
Criminosos ousados até atrás das grades (FOTO: Reprodução TV Jangadeiro)

Criminosos ousados até atrás das grades (FOTO: Reprodução TV Jangadeiro)

Eles são ousados, “tiram onda”, aproveitam as câmeras para mandar recado e muitos ainda fazem sucesso na internet.

Na frente das câmeras, suspeitos de crimes protagonizam cenas com requinte de ameaças e tratam a justiça com brincadeira.

Para o sociólogo César Barreira, essas atitudes têm um propósito. “Pode ser uma brincadeira que representa uma certa fragilidade deles. De certa forma, estão querendo até aparecer em uma câmera de televisão então, nesse sentido, não necessariamente a gente poderia classificar como sendo ousadia. É, de certa forma, preocupante”.

O programa Vem que Tem conversou com repórteres que trabalham com jornalismo policial sobre o caso. “Eles estão querendo mostrar poder”, comenta a repórter do Barra Pesada, Emanuela Braga.

Veja todos os detalhes no vídeo do Vem que Tem, da TV Jangadeiro/SBT:

Veja outros vídeos do Vem Que Tem

Publicidade

Dê sua opinião

DESTEMIDOS

Criminosos não se intimidam com as câmeras e até ameaçam repórteres

Na frente das câmeras, suspeitos de crimes protagonizam cenas com requinte de ameaças e tratam a justiça com brincadeira

Por TV Jangadeiro em Vem que tem

24 de agosto de 2017 às 18:59

Há 4 meses
Criminosos ousados até atrás das grades (FOTO: Reprodução TV Jangadeiro)

Criminosos ousados até atrás das grades (FOTO: Reprodução TV Jangadeiro)

Eles são ousados, “tiram onda”, aproveitam as câmeras para mandar recado e muitos ainda fazem sucesso na internet.

Na frente das câmeras, suspeitos de crimes protagonizam cenas com requinte de ameaças e tratam a justiça com brincadeira.

Para o sociólogo César Barreira, essas atitudes têm um propósito. “Pode ser uma brincadeira que representa uma certa fragilidade deles. De certa forma, estão querendo até aparecer em uma câmera de televisão então, nesse sentido, não necessariamente a gente poderia classificar como sendo ousadia. É, de certa forma, preocupante”.

O programa Vem que Tem conversou com repórteres que trabalham com jornalismo policial sobre o caso. “Eles estão querendo mostrar poder”, comenta a repórter do Barra Pesada, Emanuela Braga.

Veja todos os detalhes no vídeo do Vem que Tem, da TV Jangadeiro/SBT:

Veja outros vídeos do Vem Que Tem