Garoto cria bateria com papelão, pote de margarina, lata de óleo e cano de PVC
CRIATIVIDADE

Garoto cria bateria com papelão, pote de margarina, lata de óleo e cano de PVC

No começo, a mãe do pequeno baterista não gostava da ideia. Mas, hoje, sente orgulho do filho

Por Nordestv em Pode Contar

17 de fevereiro de 2017 às 18:32

Há 9 meses
Garoto sonha em ter uma bateria de verdade (FOTO: Reprodução Nordestv)

Garoto sonha em ter uma bateria de verdade (FOTO: Reprodução Nordestv)

Gugu tem 15 anos e, desde pequeno, adorava um “batuque”. Ele fala que sempre batia nas panelas e baldes da mãe.

De família simples e sem condições de comprar o instrumento, ele decidiu criar a sua própria bateria, com tambor de papelão, pote de margarina, lata de óleo e até cano de PVC.

No começo, a mãe do pequeno baterista não gostava da ideia. Mas, hoje, sente orgulho do filho e confessa que já tentou por várias vezes comprar uma bateria de verdade. “Eu consegui até um cartão emprestado, mas a bateria já havia sido vendida”. Ela fala que um dia ainda vai dar esse presente para o garoto. Veja detalhes no vídeo do Pode Contar, da Nordestv/Band:

Veja outros vídeos do Pode Contar.

Publicidade

Dê sua opinião

CRIATIVIDADE

Garoto cria bateria com papelão, pote de margarina, lata de óleo e cano de PVC

No começo, a mãe do pequeno baterista não gostava da ideia. Mas, hoje, sente orgulho do filho

Por Nordestv em Pode Contar

17 de fevereiro de 2017 às 18:32

Há 9 meses
Garoto sonha em ter uma bateria de verdade (FOTO: Reprodução Nordestv)

Garoto sonha em ter uma bateria de verdade (FOTO: Reprodução Nordestv)

Gugu tem 15 anos e, desde pequeno, adorava um “batuque”. Ele fala que sempre batia nas panelas e baldes da mãe.

De família simples e sem condições de comprar o instrumento, ele decidiu criar a sua própria bateria, com tambor de papelão, pote de margarina, lata de óleo e até cano de PVC.

No começo, a mãe do pequeno baterista não gostava da ideia. Mas, hoje, sente orgulho do filho e confessa que já tentou por várias vezes comprar uma bateria de verdade. “Eu consegui até um cartão emprestado, mas a bateria já havia sido vendida”. Ela fala que um dia ainda vai dar esse presente para o garoto. Veja detalhes no vídeo do Pode Contar, da Nordestv/Band:

Veja outros vídeos do Pode Contar.