Cearense acorda vizinhos diariamente ao som de sanfona no interior do Ceará

SANFONEIRO DIFERENTE

Cearense acorda vizinhos diariamente ao som de sanfona no interior do Ceará

Lucineudo da Silva é um sanfoneiro nada comum: todos os dias de manhã sai pela rua onde mora e segue acordando e dando “bom dia” aos vizinhos com o som de sua sanfona

Por Nordestv em Pode Contar

3 de novembro de 2017 às 07:00

Há 4 meses
Lucineudo, um sanfoneiro que não toca forró (FOTO: Reprodução Nordestv)

Lucineudo, o sanfoneiro despertador (FOTO: Reprodução Nordestv)

Lucineudo da Silva trabalhou na roça, teve uma infância humilde e aprendeu a tocar sanfona escondido e por conta própria. Ele nasceu em Jaguaretama, município localizado há 247 km de Fortaleza.

O sanfoneiro Lucineudo toca de tudo, mas não gosta de forró. Aos  52 anos, tomou uma decisão bastante séria. “Já toquei muito forró, mas não gosto. O meu negocio agora é valsa, tango, bolero e musica clássica”.

Além de não gostar do estilo musical, Lucineudo é um sanfoneiro nada comum: todos os dias de manhã sai pela rua onde mora e segue acordando e dando “bom dia” aos vizinhos com o som de sua sanfona. Ele é conhecido no bairro como o “sanfoneiro despertador”.

Veja todos os detalhes no vídeo do Pode Contar, da Nordestv/SBT:  

Veja outros vídeos do Pode Contar.

Publicidade

Dê sua opinião

SANFONEIRO DIFERENTE

Cearense acorda vizinhos diariamente ao som de sanfona no interior do Ceará

Lucineudo da Silva é um sanfoneiro nada comum: todos os dias de manhã sai pela rua onde mora e segue acordando e dando “bom dia” aos vizinhos com o som de sua sanfona

Por Nordestv em Pode Contar

3 de novembro de 2017 às 07:00

Há 4 meses
Lucineudo, um sanfoneiro que não toca forró (FOTO: Reprodução Nordestv)

Lucineudo, o sanfoneiro despertador (FOTO: Reprodução Nordestv)

Lucineudo da Silva trabalhou na roça, teve uma infância humilde e aprendeu a tocar sanfona escondido e por conta própria. Ele nasceu em Jaguaretama, município localizado há 247 km de Fortaleza.

O sanfoneiro Lucineudo toca de tudo, mas não gosta de forró. Aos  52 anos, tomou uma decisão bastante séria. “Já toquei muito forró, mas não gosto. O meu negocio agora é valsa, tango, bolero e musica clássica”.

Além de não gostar do estilo musical, Lucineudo é um sanfoneiro nada comum: todos os dias de manhã sai pela rua onde mora e segue acordando e dando “bom dia” aos vizinhos com o som de sua sanfona. Ele é conhecido no bairro como o “sanfoneiro despertador”.

Veja todos os detalhes no vídeo do Pode Contar, da Nordestv/SBT:  

Veja outros vídeos do Pode Contar.