Artista transforma cerâmica em tela de pintura e confessa que foi inspiração divina
ARTE

Artista transforma cerâmica em tela de pintura e confessa que foi inspiração divina

Samuel vende a arte na Praia do Futuro e revela que todas são feitas na hora, na frente do cliente

Por Nordestv em Pode Contar

2 de fevereiro de 2017 às 17:44

Há 8 meses
Samuel veio de Alagoas sozinho para tentar a vida no Ceará (FOTO: Reprodução/Nordestv)

Samuel veio de Alagoas sozinho para tentar a vida no Ceará (FOTO: Reprodução/Nordestv)

Samuel Souza é de Maceió e resolveu tentar a vida em Fortaleza há 9 anos. Samuel sofreu um acidente, passou por uma cirurgia e ficou internado. Depois da internação, começou a trabalhar com arte.

Tudo o que é arte é com ele mesmo. Samuel cria diversas peças com objetos do lixo, mas o que fez mesmo a diferença na sua vida foi a arte de fazer paisagens em cerâmicas.

Samuel vende a arte na Praia do Futuro e revela que todas são feitas na hora, na frente do cliente. “Eu olho para as pessoas e começo a desenhar, aí vai chegando na hora a ideia da paisagem. Se mandar eu fazer outra do mesmo jeito, eu não consigo”.

O trabalho de Samuel é tão encantador que as pessoas param para apreciar a arte. Veja detalhes na matéria do Pode Contar, da Nordestv/Band:

Veja outros vídeos do Jornal Jangadeiro.

Publicidade

Dê sua opinião

ARTE

Artista transforma cerâmica em tela de pintura e confessa que foi inspiração divina

Samuel vende a arte na Praia do Futuro e revela que todas são feitas na hora, na frente do cliente

Por Nordestv em Pode Contar

2 de fevereiro de 2017 às 17:44

Há 8 meses
Samuel veio de Alagoas sozinho para tentar a vida no Ceará (FOTO: Reprodução/Nordestv)

Samuel veio de Alagoas sozinho para tentar a vida no Ceará (FOTO: Reprodução/Nordestv)

Samuel Souza é de Maceió e resolveu tentar a vida em Fortaleza há 9 anos. Samuel sofreu um acidente, passou por uma cirurgia e ficou internado. Depois da internação, começou a trabalhar com arte.

Tudo o que é arte é com ele mesmo. Samuel cria diversas peças com objetos do lixo, mas o que fez mesmo a diferença na sua vida foi a arte de fazer paisagens em cerâmicas.

Samuel vende a arte na Praia do Futuro e revela que todas são feitas na hora, na frente do cliente. “Eu olho para as pessoas e começo a desenhar, aí vai chegando na hora a ideia da paisagem. Se mandar eu fazer outra do mesmo jeito, eu não consigo”.

O trabalho de Samuel é tão encantador que as pessoas param para apreciar a arte. Veja detalhes na matéria do Pode Contar, da Nordestv/Band:

Veja outros vídeos do Jornal Jangadeiro.