Projeto de novo Centro Socioeducativo para jovens do sexo feminino é suspenso

JUSTIÇA

Projeto de novo Centro Socioeducativo para jovens do sexo feminino é suspenso

Ele seria construído no terreno do antigo IPPOO desativado desde 2013. De acordo com o TJCE, o projeto foi suspenso por falta de orçamento do Ministério da Justiça

Por TV Jangadeiro em Jornal Jangadeiro

5 de dezembro de 2018 às 16:00

Há 1 semana
Centro Socioeducativo para adolescentes do sexo feminino(FOTO: Reprodução TV Jangadeiro)

Projeto foi suspenso (FOTO: Reprodução/TV Jangadeiro)

O novo Centro Socioeducativo para adolescentes do sexo feminino em conflito com a lei foi anunciado em junho do ano passado e deveria ser inaugurado esse ano, mas o projeto foi suspenso pela Justiça.

Ele seria construído no terreno do antigo Instituto Penal Professor Olavo Oliveira, na Avenida Bernardo Manoel, desativado desde 2013.

A inauguração do novo centro estava prevista para este ano, mas ele nunca saiu do papel. De acordo com o Tribunal de Justiça do Ceará, o projeto foi suspenso por falta de orçamento do Ministério da Justiça. Hoje, o terreno funciona como depósito de veículos apreendidos pelo Detran. 

Um despacho do Conselho Nacional da Justiça aponta que o projeto foi arquivado por ter uma metodologia diferente da que é regulamentada pelo Sistema Nacional de Atendimento Socioeducativo e pelo Conselho Nacional de Direitos da Criança e do Adolescente.

De acordo com o Centro de Defesa da Criança e do Adolescente do Ceará, o estado não possui demanda de novas vagas para meninas, o que falta é investimento em programas sociais dentro da única unidade já existente, a Aldaci Barbosa, no bairro Antônio Bezerra, que abriga cerca de 50 jovens.

A Superintendência do Sistema Estadual de Atendimento Socioeducativo afirma que avalia a área do antigo IPPOO para construir uma unidade socioeducativa que se enquadre nos parâmetros previstos na legislação nacional.

Veja mais detalhes na reportagem do Jornal Jangadeiro, da TV Jangadeiro/SBT:

Publicidade

Dê sua opinião

JUSTIÇA

Projeto de novo Centro Socioeducativo para jovens do sexo feminino é suspenso

Ele seria construído no terreno do antigo IPPOO desativado desde 2013. De acordo com o TJCE, o projeto foi suspenso por falta de orçamento do Ministério da Justiça

Por TV Jangadeiro em Jornal Jangadeiro

5 de dezembro de 2018 às 16:00

Há 1 semana
Centro Socioeducativo para adolescentes do sexo feminino(FOTO: Reprodução TV Jangadeiro)

Projeto foi suspenso (FOTO: Reprodução/TV Jangadeiro)

O novo Centro Socioeducativo para adolescentes do sexo feminino em conflito com a lei foi anunciado em junho do ano passado e deveria ser inaugurado esse ano, mas o projeto foi suspenso pela Justiça.

Ele seria construído no terreno do antigo Instituto Penal Professor Olavo Oliveira, na Avenida Bernardo Manoel, desativado desde 2013.

A inauguração do novo centro estava prevista para este ano, mas ele nunca saiu do papel. De acordo com o Tribunal de Justiça do Ceará, o projeto foi suspenso por falta de orçamento do Ministério da Justiça. Hoje, o terreno funciona como depósito de veículos apreendidos pelo Detran. 

Um despacho do Conselho Nacional da Justiça aponta que o projeto foi arquivado por ter uma metodologia diferente da que é regulamentada pelo Sistema Nacional de Atendimento Socioeducativo e pelo Conselho Nacional de Direitos da Criança e do Adolescente.

De acordo com o Centro de Defesa da Criança e do Adolescente do Ceará, o estado não possui demanda de novas vagas para meninas, o que falta é investimento em programas sociais dentro da única unidade já existente, a Aldaci Barbosa, no bairro Antônio Bezerra, que abriga cerca de 50 jovens.

A Superintendência do Sistema Estadual de Atendimento Socioeducativo afirma que avalia a área do antigo IPPOO para construir uma unidade socioeducativa que se enquadre nos parâmetros previstos na legislação nacional.

Veja mais detalhes na reportagem do Jornal Jangadeiro, da TV Jangadeiro/SBT: