Número de crianças não atendidas pela rede de ensino infantil aumentou 192% em Fortaleza

O levantamento foi feito pelo Centro de Defesa da Criança e do Adolescente, que apontou ainda baixa destinação do orçamento do município de Fortaleza para as creches