Após um mês da chacina do Benfica, a rotina de muitos voltam ao normal

SITUAÇÃO

Após 1 mês da chacina do Benfica, vítima segue em estado grave e família desabafa

As pessoas preferem não comentar sobre o assunto e voltaram a rotina na praça

Por TV Jangadeiro em Jornal Jangadeiro

9 de Abril de 2018 às 18:42

Há 3 meses
Praça da Gentilândia

Praça da Gentilândia volta a rotina normal (FOTO: Reprodução TV Jangadeiro)

A chacina do Benfica completa um mês. Por lá, a rotina voltou ao normal. O movimento à noite é intenso com muitos jovens nos bares e nas mesas espalhadas pela praça da Gentilândia. O policiamento está presente no local.

Já pela manhã, a feira livre oferece uma variedade de opções de compras para os frequentadores. Nem parece o espaço manchado por sangue e violência.

As pessoas preferem não comentar sobre o assunto. Voltaram à rotina na praça que foi palco da última chacina registrada em Fortaleza. Mas a família de uma das vítimas, que ainda luta pela vida na UTI do Instituto Doutor José Frota (IJF), sofre com a incerteza.

É difícil para a mãe do Paulo Vitor, 26 anos, ver o filho internado há um mês. “Ele não esta falando, perdeu parte dos movimentos. Nossa vida parou, eu não tenho como trabalhar. O pai dele quase não está trabalhando. A gente vai quase todos os dias para o hospital pra cuidar dele. Todos os sonhos do meu filho foram interrompidos”, fala a mãe do jovem.

Paulo Vítor é professor de francês. Apesar de ainda ser novo, já tinha uma caminho de conquistas traçado. Ele estava na Praça da Gentilândia com amigos, quando começou o tiroteio. Paulo foi atingido na cabeça e socorrido ao IJF, onde permanece em situação delicada de saúde.

Um mês após o crime, uma pessoa foi presa. Douglas Matias da Silva confessou a participação em quatro dos sete homicídios, na Vila Demétrio e nas proximidades da torcida organizada do Fortaleza. Ele nega a participação nos três assassinatos da Praça da Gentilândia. As investigações correm em sigilo.

Veja todos os detalhes no vídeo do programa Jornal Jangadeiro, da TV Jangadeiro/SBT: 

Veja outros vídeos do Jornal Jangadeiro.

 

 

 

 

Publicidade

Dê sua opinião

SITUAÇÃO

Após 1 mês da chacina do Benfica, vítima segue em estado grave e família desabafa

As pessoas preferem não comentar sobre o assunto e voltaram a rotina na praça

Por TV Jangadeiro em Jornal Jangadeiro

9 de Abril de 2018 às 18:42

Há 3 meses
Praça da Gentilândia

Praça da Gentilândia volta a rotina normal (FOTO: Reprodução TV Jangadeiro)

A chacina do Benfica completa um mês. Por lá, a rotina voltou ao normal. O movimento à noite é intenso com muitos jovens nos bares e nas mesas espalhadas pela praça da Gentilândia. O policiamento está presente no local.

Já pela manhã, a feira livre oferece uma variedade de opções de compras para os frequentadores. Nem parece o espaço manchado por sangue e violência.

As pessoas preferem não comentar sobre o assunto. Voltaram à rotina na praça que foi palco da última chacina registrada em Fortaleza. Mas a família de uma das vítimas, que ainda luta pela vida na UTI do Instituto Doutor José Frota (IJF), sofre com a incerteza.

É difícil para a mãe do Paulo Vitor, 26 anos, ver o filho internado há um mês. “Ele não esta falando, perdeu parte dos movimentos. Nossa vida parou, eu não tenho como trabalhar. O pai dele quase não está trabalhando. A gente vai quase todos os dias para o hospital pra cuidar dele. Todos os sonhos do meu filho foram interrompidos”, fala a mãe do jovem.

Paulo Vítor é professor de francês. Apesar de ainda ser novo, já tinha uma caminho de conquistas traçado. Ele estava na Praça da Gentilândia com amigos, quando começou o tiroteio. Paulo foi atingido na cabeça e socorrido ao IJF, onde permanece em situação delicada de saúde.

Um mês após o crime, uma pessoa foi presa. Douglas Matias da Silva confessou a participação em quatro dos sete homicídios, na Vila Demétrio e nas proximidades da torcida organizada do Fortaleza. Ele nega a participação nos três assassinatos da Praça da Gentilândia. As investigações correm em sigilo.

Veja todos os detalhes no vídeo do programa Jornal Jangadeiro, da TV Jangadeiro/SBT: 

Veja outros vídeos do Jornal Jangadeiro.