Porteiro tem parte do rosto e olho queimado e acusa hospital de não prestar assistência
DESCASO

Porteiro tem parte do rosto e olho queimado e acusa hospital de não prestar assistência

Nílton César acusa hospital de não dar assistência médica de urgência para seu caso

Por TV Jangadeiro em Gente na TV

6 de março de 2017 às 16:04

Há 5 meses
Nílton César sofre com dor e sem atendimento em hospital de Fortaleza (FOTO: Reprodução TV Jangadeiro)

Nílton César sofre com dor e sem atendimento em hospital de Fortaleza (FOTO: Reprodução TV Jangadeiro)

Após um acidente doméstico, quando teve parte do rosto e do olho queimado, Nílton César Tavares foi levado para um dos maiores hospitais de Fortaleza. Segundo ele, não foi prestada a assistência correta.

Nílton César é porteiro de um prédio. E em um momento de fome, decidiu fazer ovos em um microondas. O problema foi que os ovos acabaram explodindo e causando queimaduras em seu rosto.

Com a ajuda de um dos moradores, ele foi levado rapidamente para o IJF, um dos maiores hospitais de Fortaleza. Lá, um cartaz informava que não tinha médicos. Ele bateu em várias portas do hospital, não foi atendido e teve que procurar atendimento em outro hospital.

Ele teve 40% da córnea queimada. Um vídeo, registrado por um celular, mostra o seu desespero por um atendimento. Veja todos os detalhes no vídeo do Gente na TV, da TV Jangadeiro/SBT:

 

Veja outros vídeos do Gente na TV.

Publicidade

Dê sua opinião

DESCASO

Porteiro tem parte do rosto e olho queimado e acusa hospital de não prestar assistência

Nílton César acusa hospital de não dar assistência médica de urgência para seu caso

Por TV Jangadeiro em Gente na TV

6 de março de 2017 às 16:04

Há 5 meses
Nílton César sofre com dor e sem atendimento em hospital de Fortaleza (FOTO: Reprodução TV Jangadeiro)

Nílton César sofre com dor e sem atendimento em hospital de Fortaleza (FOTO: Reprodução TV Jangadeiro)

Após um acidente doméstico, quando teve parte do rosto e do olho queimado, Nílton César Tavares foi levado para um dos maiores hospitais de Fortaleza. Segundo ele, não foi prestada a assistência correta.

Nílton César é porteiro de um prédio. E em um momento de fome, decidiu fazer ovos em um microondas. O problema foi que os ovos acabaram explodindo e causando queimaduras em seu rosto.

Com a ajuda de um dos moradores, ele foi levado rapidamente para o IJF, um dos maiores hospitais de Fortaleza. Lá, um cartaz informava que não tinha médicos. Ele bateu em várias portas do hospital, não foi atendido e teve que procurar atendimento em outro hospital.

Ele teve 40% da córnea queimada. Um vídeo, registrado por um celular, mostra o seu desespero por um atendimento. Veja todos os detalhes no vídeo do Gente na TV, da TV Jangadeiro/SBT:

 

Veja outros vídeos do Gente na TV.