PM investigado por suspeita de tortura diz ter sido ameaçado de morte

EXCLUSIVO

PM suspeito de tortura diz ter sido ameaçado de morte: “ele disse que minha cabeça valia R$ 50 mil”

Pela primeira vez após a investigação, os militares concederam entrevista. Um deles afirmou que foi ameaçado de morte pelo jovem. “Quando ele ouviu meu nome, começou a dizer que ia me matar”

Por TV Jangadeiro em Barra Pesada

16 de outubro de 2018 às 17:31

Há 1 mês
Militares fazem revelações para o programa Barra Pesada (FOTO: Reprodução TV Jangadeiro)

Militares fazem revelações para o programa Barra Pesada (FOTO: Reprodução TV Jangadeiro)

A equipe de reportagem do programa Barra Pesada, da TV Jangadeiro/SBT, conversou com policiais que teriam torturado um jovem no Bairro Bela Vista, em Fortaleza.

O caso aconteceu em um terreno baldio, no dia 28 de agosto. Em vídeo que circulou nas redes sociais, os policiais estariam torturando o jovem no imóvel que pertencia a um comerciante e teria sido invadido por membros de uma facção criminosa.

Após denúncias, policiais militares da Companhia de Policiamento com Cães e da Força Tática do 18º Batalhão prenderam seis adultos no imóvel e apreenderam 500 g de crack. Os presos foram encaminhados ao 10º Distrito Policial, onde foram autuados em flagrante por tráfico, associação para o tráfico de drogas e integrar organizações criminosas.

A ação policial teria causado revolta nos criminosos da região que, em um aplicativo de conversas, cogitaram revidar e caçar policiais.

Com exclusividade, a equipe do Barra Pesada, da TV Jangadeiro/SBT, conversou com três dos quatros policiais militares mostrados no vídeo. Eles foram afastados das funções das ruas e passaram a ser investigados sob acusação de tortura ao adolescente de 15 anos. “No dia, quando ele ouviu meu nome, começou a dizer que ia me matar: ‘eu vou te matar e vou pegar meus R$ 50 mil que valem a sua cabeça”, afirma um dos policiais.

A equipe do Barra Pesada ainda teve acesso a conversas que revelam um esquema montado para incriminar os PMs. Tudo teria sido combinado de dentro do presídio por traficantes e uma mulher que passou a liderar as ações no bairro Bela Vista, local em que a suposta tortura aconteceu.

Veja todos os detalhes no vídeo do Barra Pesada, da TV Jangadeiro/SBT: 

Veja outros vídeos do Barra Pesada.

Publicidade

Dê sua opinião

EXCLUSIVO

PM suspeito de tortura diz ter sido ameaçado de morte: “ele disse que minha cabeça valia R$ 50 mil”

Pela primeira vez após a investigação, os militares concederam entrevista. Um deles afirmou que foi ameaçado de morte pelo jovem. “Quando ele ouviu meu nome, começou a dizer que ia me matar”

Por TV Jangadeiro em Barra Pesada

16 de outubro de 2018 às 17:31

Há 1 mês
Militares fazem revelações para o programa Barra Pesada (FOTO: Reprodução TV Jangadeiro)

Militares fazem revelações para o programa Barra Pesada (FOTO: Reprodução TV Jangadeiro)

A equipe de reportagem do programa Barra Pesada, da TV Jangadeiro/SBT, conversou com policiais que teriam torturado um jovem no Bairro Bela Vista, em Fortaleza.

O caso aconteceu em um terreno baldio, no dia 28 de agosto. Em vídeo que circulou nas redes sociais, os policiais estariam torturando o jovem no imóvel que pertencia a um comerciante e teria sido invadido por membros de uma facção criminosa.

Após denúncias, policiais militares da Companhia de Policiamento com Cães e da Força Tática do 18º Batalhão prenderam seis adultos no imóvel e apreenderam 500 g de crack. Os presos foram encaminhados ao 10º Distrito Policial, onde foram autuados em flagrante por tráfico, associação para o tráfico de drogas e integrar organizações criminosas.

A ação policial teria causado revolta nos criminosos da região que, em um aplicativo de conversas, cogitaram revidar e caçar policiais.

Com exclusividade, a equipe do Barra Pesada, da TV Jangadeiro/SBT, conversou com três dos quatros policiais militares mostrados no vídeo. Eles foram afastados das funções das ruas e passaram a ser investigados sob acusação de tortura ao adolescente de 15 anos. “No dia, quando ele ouviu meu nome, começou a dizer que ia me matar: ‘eu vou te matar e vou pegar meus R$ 50 mil que valem a sua cabeça”, afirma um dos policiais.

A equipe do Barra Pesada ainda teve acesso a conversas que revelam um esquema montado para incriminar os PMs. Tudo teria sido combinado de dentro do presídio por traficantes e uma mulher que passou a liderar as ações no bairro Bela Vista, local em que a suposta tortura aconteceu.

Veja todos os detalhes no vídeo do Barra Pesada, da TV Jangadeiro/SBT: 

Veja outros vídeos do Barra Pesada.