Família busca respostas após denúncias de que Tutuba teria morrido por causa de agressão

INVESTIGAÇÃO

Família busca respostas após denúncias de que Tutuba teria morrido por causa de agressão

Os familiares acreditam que há indícios que apontam que Ronierbson não teria morrido após bater o carro em um poste, mas por agressão

Por TV Jangadeiro em Barra Pesada

15 de novembro de 2018 às 15:49

Há 1 mês
Tutuba teria morrido após ser agredido por policiais

Tutuba teria morrido após ser agredido por policiais (FOTO: Reprodução TV Jangadeiro)

Dez dias após a morte de Ronierbson Gomes e Silva, de 36 anos – o homem que interpretava o mascote Tutuba do Ferroviário -, a família ainda busca respostas. Há indícios de que ele tenha morrido devido a uma forte agressão que recebeu por parte de policiais militares.

De acordo com a família, durante o velório de Tutuba pessoas denunciaram a violência e, a partir de então, o caso está sendo investigado pela Controladoria Geral dos Órgãos de Segurança do Estado. Testemunhas afirmaram aos parentes da vítima que ele saiu do carro após o acidente ileso, sem ferimentos e que, após chegar em uma pizzaria, localizada a cerca de 150 metros de onde ficou o veículo, ele foi agredido por uma composição da Polícia Militar.

Os parentes não sabem dizer que circunstâncias motivaram a ação policial, mas afirmaram que houve omissão de socorro, já que a vítima foi deixada na própria residência e não no hospital. Fotografias do paciente no IJF mostram ele muito ferido. A família também apresentou um vídeo do veículo envolvido no acidente onde não há nenhuma mancha de sangue, confirmando que ele não se feriu na colisão.

Os familiares acreditam que os indícios apontam que Ronierbson não teria morrido após bater o carro em um poste. Roni, como era conhecido, interpretava o mascote Tutuba do Ferroviário Atlético Clube desde 2015 e se tornou figura marcante em jogos do time. Ele morreu o dia 5 de novembro.

Veja todos os detalhes no vídeo do Barra Pesada da TV Jangadeiro/SBT:

Veja outros vídeos do Barra Pesada.

Publicidade

Dê sua opinião

INVESTIGAÇÃO

Família busca respostas após denúncias de que Tutuba teria morrido por causa de agressão

Os familiares acreditam que há indícios que apontam que Ronierbson não teria morrido após bater o carro em um poste, mas por agressão

Por TV Jangadeiro em Barra Pesada

15 de novembro de 2018 às 15:49

Há 1 mês
Tutuba teria morrido após ser agredido por policiais

Tutuba teria morrido após ser agredido por policiais (FOTO: Reprodução TV Jangadeiro)

Dez dias após a morte de Ronierbson Gomes e Silva, de 36 anos – o homem que interpretava o mascote Tutuba do Ferroviário -, a família ainda busca respostas. Há indícios de que ele tenha morrido devido a uma forte agressão que recebeu por parte de policiais militares.

De acordo com a família, durante o velório de Tutuba pessoas denunciaram a violência e, a partir de então, o caso está sendo investigado pela Controladoria Geral dos Órgãos de Segurança do Estado. Testemunhas afirmaram aos parentes da vítima que ele saiu do carro após o acidente ileso, sem ferimentos e que, após chegar em uma pizzaria, localizada a cerca de 150 metros de onde ficou o veículo, ele foi agredido por uma composição da Polícia Militar.

Os parentes não sabem dizer que circunstâncias motivaram a ação policial, mas afirmaram que houve omissão de socorro, já que a vítima foi deixada na própria residência e não no hospital. Fotografias do paciente no IJF mostram ele muito ferido. A família também apresentou um vídeo do veículo envolvido no acidente onde não há nenhuma mancha de sangue, confirmando que ele não se feriu na colisão.

Os familiares acreditam que os indícios apontam que Ronierbson não teria morrido após bater o carro em um poste. Roni, como era conhecido, interpretava o mascote Tutuba do Ferroviário Atlético Clube desde 2015 e se tornou figura marcante em jogos do time. Ele morreu o dia 5 de novembro.

Veja todos os detalhes no vídeo do Barra Pesada da TV Jangadeiro/SBT:

Veja outros vídeos do Barra Pesada.