Explosões de botijões de gás já causaram destruição e morte em Fortaleza
ALERTA

Explosões de botijões de gás já causaram destruição e morte em Fortaleza

Atitudes que parecem pequenas e inofensivas, como caminhar ou ligar uma luz, podem ocasionar uma tragédia se houver grande concentração de gás naquele ambiente

Por TV Jangadeiro em Barra Pesada

11 de agosto de 2017 às 18:26

Há 2 meses

Algumas medidas podem ser tomadas após o vazamento ser detectado (FOTO: Divulgação Barra Pesada)

Em 2017, Fortaleza já registrou vários casos de explosão de botijões. Todo cuidado é pouco para armazenar esse tipo de gás.

O Corpo de Bombeiros alerta que o vazamento é invisível e silencioso. Apenas o cheiro forte do produto pode auxiliar na percepção desse tipo de problema.

Algumas medidas podem ser tomadas após o vazamento ser detectado, como abrir portas e janelas lentamente para que o ar se espalhe e o gás perca a concentração no local do incidente.

Na maioria das vezes, as explosões ocorrem quando o gás encontra-se em um ambiente fechado e qualquer fonte de calor será capaz de gerar explosões.

Atitudes que parecem pequenas e inofensivas, como caminhar ou ligar uma luz, podem ocasionar uma tragédia se houver grande concentração de gás naquele ambiente. Vale ressalta que de, cinco em cinco anos, a mangueira do botijão deve ser trocada.

Confira mais detalhes na matéria do Barra Pesada, da TV Jangadeiro/SBT:

Publicidade

Dê sua opinião

ALERTA

Explosões de botijões de gás já causaram destruição e morte em Fortaleza

Atitudes que parecem pequenas e inofensivas, como caminhar ou ligar uma luz, podem ocasionar uma tragédia se houver grande concentração de gás naquele ambiente

Por TV Jangadeiro em Barra Pesada

11 de agosto de 2017 às 18:26

Há 2 meses

Algumas medidas podem ser tomadas após o vazamento ser detectado (FOTO: Divulgação Barra Pesada)

Em 2017, Fortaleza já registrou vários casos de explosão de botijões. Todo cuidado é pouco para armazenar esse tipo de gás.

O Corpo de Bombeiros alerta que o vazamento é invisível e silencioso. Apenas o cheiro forte do produto pode auxiliar na percepção desse tipo de problema.

Algumas medidas podem ser tomadas após o vazamento ser detectado, como abrir portas e janelas lentamente para que o ar se espalhe e o gás perca a concentração no local do incidente.

Na maioria das vezes, as explosões ocorrem quando o gás encontra-se em um ambiente fechado e qualquer fonte de calor será capaz de gerar explosões.

Atitudes que parecem pequenas e inofensivas, como caminhar ou ligar uma luz, podem ocasionar uma tragédia se houver grande concentração de gás naquele ambiente. Vale ressalta que de, cinco em cinco anos, a mangueira do botijão deve ser trocada.

Confira mais detalhes na matéria do Barra Pesada, da TV Jangadeiro/SBT: