TEDxFortaleza traz exemplos de catador de latas que virou empresário e mulher que venceu anorexia
BONS EXEMPLOS

TEDxFortaleza traz exemplos de catador de latas que virou empresário e mulher que venceu anorexia

Qual o seu maior sonho? O TEDxFortaleza reuniu vários nomes para mostrar como é possível que o improvável se torne realidade

Por Hayanne Narlla em Tecnologia

23 de julho de 2017 às 16:57

Há 3 meses
geraldo-rufino

Geraldo Rufino já faliu 6 vezes (FOTO: Carolina Oliveira/ Tribuna do Ceará)

Qual o seu maior sonho? O TEDxFortaleza reuniu vários nomes para mostrar como é possível que o improvável se torne realidade. Somente na tarde deste domingo (23), oito pessoas comuns passaram pelo palco da conferência, que trata sobre tecnologia, entretenimento e design.

Quando o empresário Geraldo Rufino entrou em cena, talvez poucas pessoas soubessem do seu passado. Iniciou a vida profissional como catador de latas na periferia de São Paulo. Mas quis mais. No currículo, traz o total de seis falências até conquistar seu atual espaço ao fundar a JR Diesel.

“Só mudou o tamanho da lata”, brinca ao falar de seu sucesso. Sorridente, Geraldo fala sobre as dificuldades da vida e pontua que, na verdade, passar por essa trajetória foi fácil. O recado que quis deixar para a plateia é que sempre existirão problemas. “É natural que não dê tudo 100% certo. O importante é olhar para a vida sem o lado negativo, sem olhar só para os defeitos”.

História de vida

bianca-laufer

Bianca Laufer venceu a anorexia e abriu um negócio de alimentação saudável (FOTO: Carolina Oliveira/ Tribuna do Ceará)

Bianca Laufer é economista e levou três histórias para contar. Ela conseguiu arrancar aplausos de um público de pé, ao falar da história de amor entre seus avós e sua luta contra a anorexia. Os avós conseguiram escapar da morte durante a 2ª Guerra Mundial, na Alemanha. Se encontraram e constituíram uma família no Rio de Janeiro.

Após terem passado fome, associaram comida ao amor e cuidado. Infelizmente, Bianca ganhou peso e, na adolescência, lutou contra a anorexia, pois perdeu o prazer de comer. Após morar nos Estados Unidos e passar férias no Havaí, ela desabrochou o sonho que estava dentro de si: ter uma empreendimento ligado à alimentação saudável. Nasceu o Green People, empresa de sucos.

Depoimentos

E não se resumiu a eles dois. O TEDxFortaleza contou com a participação de: otorrinolaringologista João Flávio, que falou sobre técnicas cirúrgicas; jurista Themis Briand, que falou sobre automaquiagem para deficientes visuais; cientista da computação Hugo Santos, que falou sobre a startup que mede chuva em tempo real; surfista Luiz Gustavo, que dá aulas de surf para pessoas com deficiência; empreendedora Tania Mujica, que falou sobre a experiência da meditação e paz interior; escritor Sidnei Oliveira, que falou sobre a geração Y; engenheiro civil Demétrio Jereissati, que falou sobre o Instituto Dimicuida; diretor da Casa da Vovó Wagner Barbosa, que falou sobre assistência a pessoas em vulnerabilidade social; Índia Fátima, coordenadora da Oca de Saúde Comunitária da Prefeitura de Fortaleza; analista de sistemas Jacson Fressato, ue falou sobre o #robolaura; e Bráulio Bessa, que dispensa apresentações.

Publicidade

Dê sua opinião

BONS EXEMPLOS

TEDxFortaleza traz exemplos de catador de latas que virou empresário e mulher que venceu anorexia

Qual o seu maior sonho? O TEDxFortaleza reuniu vários nomes para mostrar como é possível que o improvável se torne realidade

Por Hayanne Narlla em Tecnologia

23 de julho de 2017 às 16:57

Há 3 meses
geraldo-rufino

Geraldo Rufino já faliu 6 vezes (FOTO: Carolina Oliveira/ Tribuna do Ceará)

Qual o seu maior sonho? O TEDxFortaleza reuniu vários nomes para mostrar como é possível que o improvável se torne realidade. Somente na tarde deste domingo (23), oito pessoas comuns passaram pelo palco da conferência, que trata sobre tecnologia, entretenimento e design.

Quando o empresário Geraldo Rufino entrou em cena, talvez poucas pessoas soubessem do seu passado. Iniciou a vida profissional como catador de latas na periferia de São Paulo. Mas quis mais. No currículo, traz o total de seis falências até conquistar seu atual espaço ao fundar a JR Diesel.

“Só mudou o tamanho da lata”, brinca ao falar de seu sucesso. Sorridente, Geraldo fala sobre as dificuldades da vida e pontua que, na verdade, passar por essa trajetória foi fácil. O recado que quis deixar para a plateia é que sempre existirão problemas. “É natural que não dê tudo 100% certo. O importante é olhar para a vida sem o lado negativo, sem olhar só para os defeitos”.

História de vida

bianca-laufer

Bianca Laufer venceu a anorexia e abriu um negócio de alimentação saudável (FOTO: Carolina Oliveira/ Tribuna do Ceará)

Bianca Laufer é economista e levou três histórias para contar. Ela conseguiu arrancar aplausos de um público de pé, ao falar da história de amor entre seus avós e sua luta contra a anorexia. Os avós conseguiram escapar da morte durante a 2ª Guerra Mundial, na Alemanha. Se encontraram e constituíram uma família no Rio de Janeiro.

Após terem passado fome, associaram comida ao amor e cuidado. Infelizmente, Bianca ganhou peso e, na adolescência, lutou contra a anorexia, pois perdeu o prazer de comer. Após morar nos Estados Unidos e passar férias no Havaí, ela desabrochou o sonho que estava dentro de si: ter uma empreendimento ligado à alimentação saudável. Nasceu o Green People, empresa de sucos.

Depoimentos

E não se resumiu a eles dois. O TEDxFortaleza contou com a participação de: otorrinolaringologista João Flávio, que falou sobre técnicas cirúrgicas; jurista Themis Briand, que falou sobre automaquiagem para deficientes visuais; cientista da computação Hugo Santos, que falou sobre a startup que mede chuva em tempo real; surfista Luiz Gustavo, que dá aulas de surf para pessoas com deficiência; empreendedora Tania Mujica, que falou sobre a experiência da meditação e paz interior; escritor Sidnei Oliveira, que falou sobre a geração Y; engenheiro civil Demétrio Jereissati, que falou sobre o Instituto Dimicuida; diretor da Casa da Vovó Wagner Barbosa, que falou sobre assistência a pessoas em vulnerabilidade social; Índia Fátima, coordenadora da Oca de Saúde Comunitária da Prefeitura de Fortaleza; analista de sistemas Jacson Fressato, ue falou sobre o #robolaura; e Bráulio Bessa, que dispensa apresentações.